Vanderlei Luxemburgo da Silva

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para: navegação, pesquisa

[edit]

Vanderlei Luxemburgo da Silva.jpg
Números totais
Número de jogos 126
Vitórias 74
Empates 25
Derrotas 27
Gols pró 260
Gols contra 135
Aproveitamento em pontos 65,34%
Aproveitamento de vitórias 58,73%
Último jogo considerado
Cruzeiro 0x1 Santos - 30/08/2015
Substituiu Foi substituido por

2002 Ney Franco PC Gusmão 2004
2015 Marcelo Oliveira Mano Menezes 2015


Vanderlei Luxemburgo da Silva, mais conhecido como Vanderlei Luxemburgo, foi técnico do Cruzeiro duas vezes entre 2002 e 2015. Os dois períodos foram: entre 2002 e 2004; e, em 2015. Ele entrou para a história do Clube celeste após conquistar a Tríplice Coroa em 2003.

História

Primeira passagem

Luxemburgo na Toca.

Vanderlei Luxemburgo assumiu o Cruzeiro em agosto de 2002 no lugar de Marco Aurélio (Ney Franco era o interino). Fez sua primeira partida oficial no dia 18 de agosto no empate em 0 a 0 contra o Botafogo.

Luxemburgo foi o principal responsável pela volta de Alex no Cruzeiro. Juntos conquistaram a inesquecível Tríplice Coroa, vencendo Campeonato Mineiro, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Sua última partida foi um empate de 0 a 0 contra o Uberaba em casa. Após a partida, em que o time celeste esteve muito mal, Luxemburgo disse que havia problemas internos e que faltava sintonia no clube.

No dia 27 de fevereiro de 2004 teve sua demissão anunciada [1]: "Na minha opinião era possível colocar o trem em cima dos trilhos, mas eles falaram que incompatibilizou e que não dava para continuar", afirmou Luxemburgo, referindo-se ao presidente Alvimar de Oliveira Costa e ao seu irmão, o vice-presidente de Futebol, Zezé Perrella.

Foi substituído pelo seu auxiliar Paulo César Gusmão.

Segunda passagem

No dia 2 de junho de 2015 foi anunciado como novo treinador do Cruzeiro[2][3]. Veio para substituir Marcelo Oliveira. Desembarcou em Belo Horizonte no dia 3 de junho para ser apresentado ao elenco[4][5] e comandou o time no mesmo dia na vitória de 1 a 0 contra o Flamengo, seu time do coração, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro 2015.

No dia 31 de agosto de 2015, após a derrota em casa para o Santos, Luxemburgo foi demitido dando fim a sua segunda passagem pelo Cruzeiro. Ele não resistiu à pressão, depois de conseguir apenas uma vitória nos últimos 10 jogos, com o aproveitamento de 20%.[6][7][8]

No dia 1 de setembro, Mano Menezes foi anunciado como o substituto.[9] No entanto, Deivid foi o interino no jogo contra a Ponte Preta.[10]

Títulos

Estatísticas ano a ano

Ano Jogos Vitórias Empates Derrotas Aprov. Gols pró Gols contra Saldo de gols
2002 23 11 5 7 55,07% 81 33 48
2003 73 52 13 8 77,17% 179 70 109
2004 11 5 4 2 57,58% 69 11 58
2015 19 6 3 10 36,84% 51 21 30

Links

Referências