Barradão

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


[edit]

Estádio Barradão.jpg
Foto aérea do Estádio Barradão em 2014.
Números totais do Cruzeiro
em Barradão
Número de jogos 19
Vitórias do Cruzeiro 7
Empates 5
Derrotas 7
Saldo de vitórias 0
Gols do Cruzeiro 27
Gols dos adversários 29
Saldo de gols do Cruzeiro -2
Primeiro jogo do Cruzeiro
Vitória Escudo Vitória.png 2x0 Escudo Cruzeiro.png Cruzeiro - 27/11/1994
Último jogo considerado
Vitória Escudo Vitória.png 1x1 Escudo Cruzeiro.png Cruzeiro - 05/08/2018

O Estádio Manoel Barradas, mais conhecido como Barradão, é um estádio de futebol brasileiro construído em Salvador, capital da Bahia.


Título Conquistado no Estádio[editar]

Histórico[editar]

O estádio foi inaugurado em 11 de novembro de 1986 e pertence ao Vitória, único adversário que o Cruzeiro enfrentou no local.

Antes da vitória por 1x0 em 2010, o aproveitamento celeste no estádio era de 25%: em 12 jogos, o time mineiro venceu apenas duas vezes, empatou três e sofreu sete derrotas.[1]

Apesar do histórico, ainda negativo, o estádio entrou para a história do Clube em 2013, quando o Clube garantiu matematicamente o título do Campeonato Brasileiro 2013 na vitória por 3x1 contra o time baiano.

Todos os jogos[editar]

Estatísticas[editar]

Por Competição[editar]

  Último jogo considerado: Vitória 1x1 Cruzeiro - 05/08/2018
Time Jogos Vitórias Empates Derrotas Saldo de Vitórias Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Gols
  Campeonato Brasileiro 15 5 5 5 0 22 24 -2
  Copa do Brasil 3 1 0 2 -1 3 4 -1
Seletiva Libertadores 1999 1 1 0 0 1 2 1 1

Por Clube[editar]

  Último jogo considerado: Vitória 1x1 Cruzeiro - 05/08/2018
Time Jogos Vitórias Empates Derrotas Saldo de Vitórias Gols Feitos Gols Sofridos Saldo de Gols
Vitória 19 7 5 7 0 27 29 -2

Artilheiros no estádio[editar]

- Jogador Gols  
Willian 3
Thiago Ribeiro 2
Gilberto 2
Elivélton 1
Alisson 1
Ariel Cabral 1
Dedé 1
Ricardo Goulart 1
Júlio Baptista 1
10º Marcelo Moreno 1
11º Edu Dracena 1
12º Marcelo Ramos 1
13º Lima 1
14º Leandro Silva 1
15º Marcinho 1
16º Maicon 1
17º Fábio Júnior 1
18º Oséas 1
19º João Carlos 1
20º De La Cruz 1
21º Paulo Isidoro II 1
22º Manoel 1

Referências[editar]