Uberlândia 1x2 Cruzeiro - 25/01/2009

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Nacional-URU.png 1x4 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 5x0 Escudo Social.png
Por Campeonato Mineiro
Escudo Cruzeiro.png 1x0 Escudo Atlético-MG.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 5x0 Escudo Social.png
No estádio Parque do Sabiá
Escudo Uberlândia.png 1x0 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 1x0 Escudo Corinthians.png
Contra Uberlândia
Escudo Cruzeiro.png 2x0 Escudo Uberlândia.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 6x0 Escudo Uberlândia.png

[edit]

Escudo Uberlândia.png
Uberlândia
1 × 2 Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
1ª rodada do Campeonato Mineiro 2009
Data: 25 de janeiro de 2009 Local: Uberlândia, MG
Horário: 19h10 Estádio: Parque do Sabiá
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG) Público pagante: 14.442
Assistente 1: Jair albano Félix Público presente: Não disponível
Assistente 2: Celso Luiz da Silva Renda: R$ 189.297,00 R$ 189.297
Cr$ 189.297
NCr$ 189.297
Cz$ 189.297
NCz$ 189.297
(preço médio: R$ 13,11 )
Súmula: Súmula
Escalações
Uberlândia: Cruzeiro:
1. Paulo César 1. Fábio Cartão amarelo recebido aos
2. Lei Cartão amarelo recebido aos Cartão amarelo recebido aos Cartão vermelho recebido aos 70 min 70 min'   2. Jonathan
3. Carlão 3. Léo Fortunato Cartão amarelo recebido aos
4. Rancharia 4. Leonardo Silva
6. Marinho Donizete 6. Fernandinho Cartão amarelo recebido aos
5. Rogerio Correa Gol aos 62 do 62' Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( 14. Alemão ) 5. Marquinhos Paraná Gol aos 71 do 71' Substituição realizada de jogo ( 13. Jancarlos )
7. Pepo Cartão amarelo recebido aos 7. Elicarlos
8. Indinho 8. Ramires
9. André Nascimento Substituição realizada de jogo ( 18. Berg ) 9. Wellington Paulista Substituição realizada de jogo ( 17. Soares )
10. Wanderson Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( 16. Joilson ) 10. Gerson Magrão Gol aos 10 do 10' Substituição realizada de jogo ( 15. Camilo )
11. Rena 11. Thiago Ribeiro
Técnico: José Maria Pena Técnico: Adílson Batista
Reservas que não entraram na partida
Uberlândia: Cruzeiro:
12. Vilar 12. Andrey
13. Bruno Bueno 14. Thiago Heleno
15. Wertinho 16. Bernardo
17. Caio 18. Wanderley dos Santos


Pré-jogo

Há 3 anos, o Cruzeiro inicia o Mineiro com vitórias e, há 6, disputa as finais do torneio. Manter a escrita é objetivo do time esta noite em Uberlândia.

A torcida local está empolgada com a volta do Furacão da Mogiana, ou Dão, tratamento mais íntimo do povo da cidade, e deve comparecer em grande número ao melhor estádio de Minas. Estima-se um público superior a 25 mil pessoas, embora os preços dos ingressos sejam bem maiores do que os praticados em Belo Horizonte.

André Nascimento, com torcicolo, era dúvida do UEC, mas deve jogar. No Cruzeiro sai Henrique, cuja documentação ainda não chegou do Japão, mas retorna Marquinhos Paraná, que esteve ausente na decisão da Copa Bimbo, em Montevidéu.

Adílson Baptista mandou auxiliares acompanharem os preparativos do Verdão e firmou convicção de que a parada será indigesta, pois o treinador José Maria Pena está montando um time competitivo. Não está errado, pois técnico local já avisou: “É besteira dizer que vamos enfrentar o Cruzeiro de igual pra igual, vamos é marcar em cima os pontos fortes deles”.

Trocando em miúdos: Ramires e Wagner podem se preparar pra conviver com carrapatos. Ok, não é proibido. O que não pode acontecer é o já tradicional rodízio de botinadas nos tornozelos do Queniano. Pra conter esta prática, que já virou rotina, só um juiz de pulso. É o que se espera do Sr. Ricardo Marques Ribeiro.

Como foi

Primeiro Tempo

  • 19h10 – Começa a partida.
  • 2 – Ramires leva a 1ª patada do campeonato.
  • 4 – Fernandinho derruba Ley na intermediária. Ramires volta a campo. Rena bate a falta, defesa espana.
  • 7 – Fortunato recua para Fábio, que despacha. A bola fica com a defesa do UEC.
  • 8 – Ribeiro derruba Indinho na intermediária. Atacante que volta para marcar como manda Adílson Baptista. Imprensa local previa 25 mil ingressos vendidos, mas a chuva atrapalhou e o público é bem menor.
  • 10 – Lançamento nas costas da zaga, Fábio sai para abafar quando Wanderson apareceu pra marcar.
  • 11 – Ribeiro cruza da direita, Jonathan desvia de cabeça, Magrão conclui sem chance de defesa para o goleiro: Cruzeiro 1×0.
  • 13 – Jonathan entra na área e abafado pelo goleiro. Escanteio com cobrança curta de Jonathan para MParaná. Na seqüência, Ribeiro chuta de longe, goleiro defende.
  • 14 – Ribeiro acompanha lateral-direito e o empurra na intermediária defensiva do Cruzeiro. Juiz o adverte verbalmente.
  • 15 – Ramires, de sola, acerta Ley. Falta dura, desnecessária. Na cobrança, Fábio defende.
  • 18 – Ramires, na ponta-esquerda, dá um corte em Pepo e solta uma bomba, que passa por cima do travessão. O Queniano corre como se não tivesse saído de férias. Um fenômeno.
  • 19 – Paulo César sai com um chutão, que MP recupera no meio de campo e lança Ribeiro, O chute sai forte, mas é desviado a corner.
  • 20 – Fernandinho calça e puxa com as mãos Wanderson, no meio de campo, para evitar o contra-ataque. Cartão amarelo para o lateral-esquerdo. Na cobrança, Ley cruza pela direita, Fábio defende em dois tempos.
  • 22 – Ribeiro é calçado na ponta-esquerda. Fernandinho cobra alto, Ramires, muito marcado, fica com o rebote, mas não consegue concluir.
  • 24 – Bola cruzada na área, André Nascimento recebe, livra-se de Leonardo e chuta cruzado. Não aparece jogador do UEC pra conferir na cara do gol.
  • 26 – Cruzeiro, compacto na defesa, toca a bola impede que o UEC jogue pelo meio. Única saída do time local é com o ala-direitae Ley, que mostra bastante personalidade após ter sido um dos destaques da Série C do Brasileiro em 2008 jogando pelo Rio Branco, do Acre.
  • 28 – Ramires divide e ganha bola na intermediária e invade a área. Paulo César sai a seus pés e evita gol certo.
  • 29 – Ribeiro se desloca pelos dois lados do campo, Fernandinho afunila pelo meio para fazer lançamentos.
  • 30 – Excelente presença da torcida celeste no Parque do Sabiá.
  • 32 – Elicarlos chuta de longe, à esquerda de Paulo César.
  • 34 – Elicarlos tabela com Gerson e passa, de letra, a WPaulista, que conclui para defesa difícil de Paulo César. Ramires fica com o rebote e lança a bola na área. Defesa corta.
  • 35 – Rogério Correia derruba WP e recebe cartão amarelo.
  • 37 – Rena invade a área sem marcação de chuta de bico. A bola passa à direita de Fábio com tremendo perigo. Gol perdido.
  • 38 – Ribeiro toca para Jonathan, que solta uma bomba. A bola passa à direita de PC. Torcida aplaude e grita alto abafando os locais.
  • 39 – Ley acerta um tapa na boca de Ramires e recebe cartão amarelo. Ramires enlouquece a defesa do UEC.
  • 42 – Wanderson aplica gaúcha em Gerson, vai à linha de fundo e cruza. Defesa espana.
  • 43 – Ramires tenta por cobertura, de fora da área, goleiro defende.
  • 45 – Renna dribla Elicarlos pela esquerda e chuta cruzado. A bola fica na rede, pelo lado de fora.
  • 46 – MP serve Jonathan, que vai à linha de fundo e cruza. WP não alcança e a defesa isola.
  • 47 – Juiz deixa de marcar escanteio em favor do Cruzeiro. Na batida do tiro de meta, fim de 1º tempo.
  • Zé Maria Pena reclama dos gols perdidos e dos erros de passe, que armam contra-ataques do Cruzeiro.
  • Gerson, de cabelo curto, diz que a marcação do UEC é forte e dificulta a armação de jogadas do Cruzeiro.

Segundo Tempo

  • 20h14 – Começa 2º tempo: André Nascimento por Berg.
  • 1 – Wanderson dá rasteira em Elicarlos e recebe cartão amarelo.
  • 2 – Chove, mas o gramado continua perfeito.
  • 5 – Gerson recebe lançamento pela esquerda, invade a área sem marcação e chuta forte. PC defende. Grande atuação do goleiro do UEC.
  • 9 – Acossado por Rena, Fortunato não consegue espanar e devolve para Fábio mandar a bola pra longe.
  • 10 – Ribeiro tenta cruza pela direita, bola bate na bunda do beque e vai a escanteio.
  • 14 – Fernandinho entra driblando pelo meio e toca para WP que cruza. PC defende.
  • 16 – Cruzeiro bloqueia meio de campo, UEC não cria.
  • 17 – Bola despretensiosa na área, defesa do Cruzeiro falha, Jonathan manda para escanteio. Gerson é substituído por Camilo.
  • 18 – Escanteio batido em curva, desvio no 1ª pau tira defesa do lance, Rogério Correia vem de trás e cabeceia com força para as redes: Uberlândia 1×1.
  • 19 – WP substituído por Soares.
  • 20 – Fernandinho bate falta da ponta-esquerda, Soares cabeceia forte, PC rebate.
  • 21 – Torcida do UEC canta alto: “Verdão, Verdão!”
  • 23 – Soares recebe lançamento longo, ajeita no peito e cruza para Ramires cabecear. PC defende.
  • 24 – Escanteio pela esquerda, Renna fica com rebote e chuta para defesa do goleiro Fábio.
  • 25 – Ley tromba com Ramires. Pênalti duvidoso. Jogadores do UEC reclamam, Lei recebe cartão vermelho.
  • 26 – Fernandinho bate o pênalti com uma bomba, de pé esquerdo, no meio do gol. Goleiro pula em vão para a esquerda. Cruzeiro 2×1.
  • 28 – Pepo acerta entrada criminosa sobre Ramires. Para quebrar. Cartão amarelo.
  • 31 – Camilo está paradão. Adílson berra: “Camilo, marca; Camilo, corre!”
  • 32 – Rogério Correia por Alemão. UEC passa do 3-5-2 para o 4-4-2.
  • 33 – Paraná lança Ribeiro, que toca para Jonathan. Chute forte, que a defesa espana.
  • 36 – Alemão chuta de longe, à esquerda de Fábio.
  • 37 – Alemão serve Rena na cara de Fábio, que sai e defende milagrosamente.
  • 38 – Jonathan chuta, a bola bate em Rancharia, Ramires fica com o rebote, mas chuta à direita de PC, para a linha de fundo.
  • 39 – Alemão, pela direita, cruza buscando Berg no 2º pau, Fábio sai do gol e defende pelo alto.
  • 41 – Fernandinho para Ramires que avança e toca na diagonal para Jonathan. O lateral corta pra dentro e chuta, alto, à direita de PC.
  • 42 – Adílson não pára de cobrar movimentação de Camilo.
  • 43 – Joílson substitui Wanderson.
  • 44 – Alemão vai à linha de fundo e faz cruzamento perfeito. Berg se joga e, de peixinho, cabeceia sem chance de defesa para Fábio, mas a bola sai pela linha de fundo à direita. Fábio faz cera e leva cartão amarelo.
  • 45 – Paraná por Jancarlos. Fortunato faz falta por trás e leva amarelo.
  • 46 – Jancarlos carrega a bola pelo campo do UEC e serve a Ramires. PC defendeu chute à queima-roupa do Queniano numa defesa impressionante. É a 3ª vez que ele impede Ramires de marcar.
  • 47 – Cruzeiro toca bola, torcida comemora. Uberlandenses vaiam. Fim de jogo.

O que foi dito

  • “O Cruzeiro foi superior principalmente no 1º tempo quando criou inúmeras situações. No 2º, continuamos melhor, mas o Uberlândia cresceu. Importante foi começar a competição vencendo. É início de temporada e o time soube valorizar a posse de bola, posicionar corretamente e jogou com inteligência. Temos uma semana e vamos melhorar o aspecto físico e outras situações para mantermos o padrão e continuarmos vencendo. O Wellington Paulista fez gol no Uruguai, desempenhou função importante. Tem que ter um pouquinho de calma paciência, pois tenho certeza de que ele vai ser bastante útil. O Leonardo Silva e o Magrão passaram confiança e isso é importante.” (Adílson Baptista, treinador)
  • “Jogamos bem, mas o resultado poderia ter sido melhor em função das oportunidades desperdiçadas no 1º tempo, quando podíamos ter definido o placar. Mas importante foi vencer, pois jogar fora é sempre difícil e estamos em início de temporada. A cada jogo, vamos melhorar o entrosamento e a parte física. Agora, vamos buscar mais 3 pontos contra o Social e tentar terminar a primeira fase na liderança.” (Jonathan, lateral-direito)
  • “O gramado é muito bom, mas pesado, encharcado, dificulta uma equipe de velocidade como a nossa. Mesmo assim, fizemos a bola rolar e criamos muitas oportunidades. A equipe buscou o tempo todo, mas o goleiro do Uberlândia esteve muito bem e não permitiu um placar maior.” (Fábio, goleiro)
  • “O time está bem. O entrosamento manda muito. Estou gostando dos zagueiros e falta um pouco de jogo com o W. Paulista. Agora, essa do Fabio estar se transferindo para o Newcastle tá dando até azia!” (Arísio França, torcedor)
  • “Sorín e Anderson vão fazer muito bem ao time. A entrada do Soares mudou a cara do ataque neste 2º tempo.” (Bruno Chiari, torcedor)
  • “Esse time é Ramires e mais dez! Valeu Cruzeiro!” (Celeste Campos, torcedora)
  • “O que tem me preocupado no Cruzeiro é o posicionamento da defesa. Ela tem jogado em linha, permitido que os atacantes adversários sejam lançados nas costas dos zagueiros sem uma cobertura adequada. Isto aconteceu algumas vezes nos 3 jogos deste ano e precisa ser corrigido. Como ainda estamos em pré-temporada, acredito que essas falhas serão corrigidas pelo ótimo treinador que temos.” (Flávio Carneiro, torcedor)

Atuações

  • Adílson Baptista – Parece que a fase de experimentações acabou. Com o time jogando à sua maneira, ele tem se limitado a fazer as substituições de praxe.
  • Torcida – Apesar da chuva, compareceu em bom número e duelou com a galera do Dão, que também estava animada.
  • Fábio – Atuação tranqüila, pois os atacantes do Uberlândia desperdiçaram as 3 oportunidades criadas sem que ele tivesse que entrar em ação. Sem culpa no gol.
  • Jonathan – A mesma disposição de sempre e, ao contrário da temporada passada, muitas chegadas ao ataque. Continua deficiente nos cruzamentos, mas está cada vez melhor nas investidas pelo miolo em busca dois gol.
  • Léo Fortunato – Atuação discreta, embora continue chegando com força excessiva em lances em que poderia apenas cercar o adversário.
  • Leonardo Silva – Falhou duas vezes em cruzamentos vindos da direita. No 1º, Rogério Correia marcou, no 2ª, Berg perdeu após receber livre no 2º pau. Nas disputas por baixo, não comprometeu.
  • Fernandinho – Bom no apoio, irregular na marcação. Percebendo os espaços que ele deixava, José Maria Pena colocou em campo o rápido Alemão, que criou dificuldades para o lado esquerdo da defesa celeste.
  • Elicarlos – Marcou mais do que atacou. Com Ramires saindo para o jogo com tanta freqüência, os demais volantes acabam mais retraídos. De qualquer forma, teve outra boa atuação.
  • Marquinhos Paraná – No mesmo plano de Elicarlos. No final, andou saindo mais e arriscando jogadas de ataque. Continua o mais regular do time.
  • Jancarlos – Jogou pouco tempo.
  • Ramires – De sua intermediária defensiva até á grande área do adversário pode ser visto em qualquer posição. Chega com incrível facilidade para arrematar as jogadas de ataque. Dessa vez, contudo, encontrou em Paulo César um paredão que, por três vezes, o impediu de marcar.
  • Gerson Magrão – Começou bem, com muita movimentação, fez um belo gol, perdeu outro. No 2º tempo, caiu, provavelmente, por falta de fôlego e foi substituído.
  • Camilo – Atravessa mau momento. Quando chegou ao Cruzeiro, era dinâmico, buscava o jogo a qualquer custo. Atualmente, talvez pela dificuldade para desbancar algum titular, mostra-se dispersivo, desanimado, improdutivo. Dá um trabalhão ao treinador que gasta as cordas vocais ditando o jogo pra ele à beira do gramado. Seu caso é mais pra psicólogo do que para treinador, pois futebol superior ao que anda jogando, ele praticava na época em que era o craque do Marília.
  • Thiago Ribeiro – Excelente 1º tempo com deslocamentos, marcação insistente da saída de bola e bons passes para WP e Gerson Magrão. No 2º tempo, cansou.
  • Wellington Paulista – Esforçado, mas pouco efetivo. Arrematou três vezes com certo perigo, mas ainda não se entrosou com os parceiros de meio de campo e ataque.
  • Soares – Entrou animado, fez bela jogada matando uma bola no antes de cruzá-la para Ramires que só não marcou porque o goleiro do UEC impediu. Movimentou-se melhor do que WP e trata a bola com mais capricho do que o ex-botafoguense. Talvez lhe falte mais punch, mas isto só será possível aferir quando ele acumular mais milhagem de jogo.
  • Juiz & Bandeiras – Economizou um cartão vermelho para Pepo, que aplicou rasteira violenta em Ramires e marcou pênalti inexistente sobre o Queniano.
  • Adversários – Paulo César deve ter feito a partida de sua carreira com pelo menos 4 defesas dificílimas valendo-se de sua boa colocação. O ala-direita Ley buscou o jogo com desenvoltura. Renna foi o atacante que mais levou perigo ao arco de Fábio. Alemão, embora com pouco tempo pra mostrar serviço, fez duas excelentes jogadas, numa delas servindo Berg para um gol desperdiçado.

Fonte