Uberaba 0x1 Cruzeiro - 17/04/2011

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Estudiantes.png 0x3 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Once Caldas.png 1x2 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Mineiro 2011
Escudo Cruzeiro.png 4x1 Escudo Guarani-MG.png Gol aos do Escudo América-TO.png 1x8 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Uberabão
Escudo Uberaba.png 0x3 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Última ficha →
Contra Uberaba
Escudo Uberaba.png 0x3 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 3x2 Escudo Uberaba.png

[edit]

Escudo Uberaba.png
Uberaba
0 × 1 Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
11ª rodada do Campeonato Mineiro 2011
Data: 17 de abril de 2011 Local: Uberaba, MG
Horário: 16h Estádio: Uberabão
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira Público pagante: 3.336
Assistente 1: Marcus Vinícius Gomes Público presente: Não disponível
Assistente 2: Ricardo Vieira Rodrigues Renda: R$ 47.140,00 R$ 47.140 <br />Cr$ 47.140 <br />NCr$ 47.140 <br />Cz$ 47.140 <br />NCz$ 47.140 <br /> (preço médio: R$ 14,13 )
Súmula: Súmula e Borderô
Escalações
Uberaba: Cruzeiro:

1. Fernando 1. Fábio
2. Rômulo 2. Pablo
3. Rodrigão Cartão amarelo recebido aos 3. Léo
4. Felipe Nogueira 4. Gil
5. Bruno Campos 5. Diego Renan Substituição realizada de jogo ( 14. Fabrício Carioca )
6. Balduino 6. Henrique Substituição realizada de jogo ( Pedro Ken )
7. Gustavo 7. Marquinhos Paraná
8. Gabriel 8. Everton Cartão amarelo recebido aos  (1)
9. Cristiano Brasília Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( Ewerton ) 9. Montillo  Gol aos do Substituição realizada de jogo ( 17. Reis )
10. Marcinho 10. Wallyson
11. Cadu Substituição realizada de jogo ( Hugo ) 11. Ortigoza
Técnico: Nenê Belarmino Técnico: Cuca
Reservas que não entraram na partida
Uberaba: Cruzeiro:

Pré-Jogo

Em 1º lugar com 25 pontos, o Cruzeiro precisa de mais um pra encerrar a fase de classificação na mlçiderança e jogar por 4 empates pra campeonar.

O treinador Cuca poupará o beque Victorino, o meia Roger Galera e o lateral-esquerdo Gilberto. E não poderá escalar o atacnte Thiago Ribeiro, suspenso.

Em 9º lugar com 10 pontos, o Uberaba só vai cumprir tabela. Mas jogará pela glória de interromper a série invicta de 13 jogos do Mais Querido de Minas.

Nenê Belarmino, treinador do Zebu, não poderá escalar o zagueiro Ricardo, suspenso, e o lateral-direito Maurinho, ex-Cruzeiro, machucado.

Mas contará com a volta do goleiro Fernando e improvisará o volante Rômulona lateral-direita.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 15h59 – Uberaba em campo com uniforme todo vermelho e foguetório.
  • 16h – Cruzeiro em campo com uniforme tradicional.
  • 16h04 – Começa o jogo. Cruzeiro defende arco à direita das cabines.
  • 00 - Banco de reservas do Cruzeiro: Rafael Monteiro, Edcarlos, Naldo, Fabrício Carioca, Pedro Ken, Reis e Ernesto Farías.
  • 15 seg – Rapidim! Wallyson cruza da direita, Ortigoza cabeceia à queima-roupa. Bola passa raspando o poste esquerdo.
  • 01 – Cruzeiro marca adiantado. Uberaba não consegue jogar.
  • 02 – De ponta-cabeça! Jogo parado. Pablo disputa bola com Rodrigão e cai e mau jeito, com a cabeça no gramado.
  • 03 – Depois de atendido pelo Dr. Otacílio da Matta, Pablo volta a campo.
  • 04 – Escanteio pela direita. Montillo cobra, Gil cabeceia sem direção.
  • 05 – Rodrigão divide com Pablo. Tiro de meta para o Zebu.
  • 06 – Montillo cruza da direita, Henrique conclui, Rodrigo cede escanteio.
  • 07 – Wallyson cruza da esquerda, Henrique tenta uma bicicleta, bola fica coma defesa. Rodrigão perde, Ortigoza recupera a bola, mas o goleiro sai da área e despacha.
  • 08 – Montillo cobra falta pela esquerda, Leo Simões cabeceia, bola sai a um metro do poste direito do arco de Fernando.
  • 09 – Ortigoza tenta entrar na área, Felipe despacha com um chutão.
  • 10 – Cruzeiro já fez seis ataques, Uberaba ainda não ultrapassou o meio de campo.
  • 11 – Cristiano Brasilia cruza da direita, Fábio defende,
  • 12 – Wallyson cruza da direita, Fernando fica com a bola.
  • 13 – Cruzeirenses de Franca, em São Pulo, estão nas arquibancadas com faixa própria.
  • 14 – Montillo cruza da direita, Defesa corta, Francisco Everton chuta, bola sai a escanteio.
  • 15 -Montillo cobra escanteio pela esquerda, Gil sobe uma barbaridade e cabeceia. Bola acerta a rede, pelo lado de fora. Torcida celeste vibra, colorada vaia.
  • 16 – Pela mãe do guarda! Cobrança de escanteio pela direita, Diego Renan cabeceia pra trás, Felipe cabeceia, bola acerta o poste direito do arco de Fábio.
  • 17 – Pablo rola pra Wallyson, que chuta forte, cruzado. Bola sai à direita de Fernando.
  • 18 – Henrique tenta lançar Montillo, mas a bola, com muita força, sai pela lateral.
  • 19 – Montillo cruza da direita, Balduino, na meia lua, espana.
  • 20 – Marquinhos Paraná é desarmado por Gabriel, levanta-se e corre atrás do colorado até retomar bola.
  • 21 – Nervoso, Nenê Belarmino chama a atenção de seus jogadores na beira do campo.
  • 22 – Uberaba toca bola no meio de campo. Sem saída, Belarmino recua para Fernando.
  • 23 – Montillo lança Pablo, bola sai pela linha de fundo.
  • 24 – Uberaba acerta a marcação, Cruzeiro pára pra respirar. O jogo fica lento e equilibrado.
  • 25 – Leo Simões faz ligação direta. Fernando fica com a bola.
  • 26 – Cuca tá brabo com Diego Renan e Francisco Everton.
  • 27 – Francisco Everton joga bola na área, Fernando corta.
  • 28 – Cena de terror! Marcinho caneta Gil. Torcida local vibra. Bola fica com Gabriel que lança Marcinho. O atacante entra na área e rola pra Cadu que, livre na marca do pênalti, chuta a bola no último degrau da arquibancada.
  • 29 – Amarelo! Francisco Everton derruba Marcinho na lateral-esquerda.
  • 30 – Pedro Ken no aquecimento. Cuca tá nervosão.
  • 31 – Amarelo! Cristiano Brasília recebe advertência por uma botinada vencida.
  • 32 – Montillo cruza da direita, Rodrigão corta de cabeça.
  • 33 – Pedro Ken começa a desaquecer. Não vai entrar, por ora.
  • 34 – Henrique tenta passar, Gustavo mete a mão na bola e pára o lance.
  • 35 – Wallyson cruza da esquerda, Fernando defende em dois tempos.
  • 36 – Cruzeiro sai lentamente, Uberaba se fecha. Wallyson comete falta em Gabriel.
  • 37 – Cristiano cruza da direita, Henrique corta de cabeça.
  • 38 – Montillo cobra falta rapidamente, Ortigoza tenta cruzar, defesa cede escanteio.
  • 39 – Montillo cobra escanteio pela esquerda, Gil tenta concluir, mas fura e a bola fica coma defesa colorada.
  • 40 – Montillo lança Ortigoza. Bandeira marca impedimento indevidamente.
  • 41 – Leo Simões dá um bico perto da área celeste. Bola fica com Fernando.
  • 42 – Em Sete Lagoas, Cocota 3×0 Dragão. Em Nova Lima, Coelho 2×1 Leão. Cruzeiro não pode ser surpreendido, se quiser manter a vantagem de 4 empates pra campeonar.
  • 43 – Gustavo, do bico da área, senta o pé com vontade. Bola tira tinta na forquilha esquerda do arco celeste.
  • 44 – Penalti! Amarelo! Wallyson cruza da direita, Balduíno e Ortigoza se enroscam, cada um puxando o outro, dentro da área. Juiz viu pênalti.
  • 45 – Gol! Montillo cobra rasteiro, com a direita. Bola entra no cantim esquerdo. Fernando voa, mas não alcança. Cruzeiro 1xo.
  • 46 – Cadu cobra escanteio pela direita. Rodrigão cabeceia pra fora, à esquerda de Fábio.
  • 47 – Cruzeiro cobra tiro de meta. Fim de 1º tempo.
  • Montillo: “Muito quente! Mas temos que continuar correndo pra definir logo o jogo.”

Segundo Tempo

  • 17h08 – Nenê Belarmino: “É preciso ter atenção com Montillo e Henrique, que saem pro jogo fazendo um-dois.”
  • 17h10 – Começa o 2º tempo.
  • 01 – Jogo truncado no meio de campo. Muita marcação, ninguém consegue armar jogadas. Nem a bola ajuda. Está vazia e é trocada.
  • 02 – Francisco Everton chuta de longe, sem rumo.
  • 03 – Rômulo lança Cadu, Fábio fica com a bola.
  • 04 – Diego Renan ataca pela meia esquerda, deixa bola com Marquinhos Paraná, que põe Ortigoza na frente do gol. O chute sai forte, mas sem direção.
  • 05 – Perseguição implacável! Bruno atravessa o campo, de uma lateral pra outra, com a bola, sempre perseguido por Marquinhos Paraná até ser desarmado.
  • 06 – Cristiano Brasília lança Marcinho, que é vigiado de perto por Gil e deixa a bola escapar pela linha de fundo.
  • 07 – Marcinho tenta jogar pela esquerda, mas deixa bola escapar pela linha de fundo.
  • 08 – Wallyson acompanha o lateral-esquerdo, Pablo vira um 3º beque.
  • 09 – Montillo cobra escanteio pela esquerda, Fernando defende.
  • 10 – Quase! Montillo solta uma bomba de fora da área. Fernando salta e faz defesa difícil no canto direito. Escanteio.
  • 11 – Francisco Everton cobra escanteio pela esquerda, Cadu cortA de cabeça, Montillo fica com o rebote e chuta pra fora.
  • 12 – Torcida Jovem de Monte Carmelo, Motozeiros E Máfia Azul presentes no Uberabão.
  • 13 – Montillo cruza da direita, Ortigoza cabeceia pra fora.
  • 14 – Francisco Everton entra na área driblado, mas é desarmado por Gabriel.
  • 15 – Balduíno faz lançamento longo, Fábio fica com a bola.
  • 16 – Francisco Everton cobra falta sofrida por Ortigoza, na barreira.
  • 17 – Francisco Everton cruza, Leo Simões cabeceia pra fora.
  • 18 – Cuca pra Ortigoza: “Nos escanteios, quero você na frente do goleiro.”
  • 19 – Huuummm… Henrique desarma Balduíno na lateral da área, torcida colorada pede pênalti. Tô achando que foi!
  • 20 – Montillo cobra escanteio, Cadu corta.
  • 21 – Trocas! Cadu por Hugo; Cristiano Brasília por Everton Maradona.
  • 22 – Troca! Ken vem aí! Henrique por Pedro Ken.
  • 23 – Cuca: “Pedro, acelera o jogo!”
  • 25 - Caraca! Francisco Everton derruba Everton Maradona. Fla cobrada pela direita, Hugo cabeceia, bola tira tinta no poste esquerdo.
  • 26 – Gramado todo na sombra. Uberaba se desdobra na marcação.
  • 27 – Anulado! Diego Renan marca após lançamento de Marquinhos Paraná. Bandeira anula marcando impedimento. Há controvérsias!
  • 28 – Balduíno cobra falta de longe, bola quica, mas não engana Fábio.
  • 29 – Perigo! Everton maradona cruza da esquerda, Fábio e Gil não cortam, Marcinho chega atrasado.
  • 30 – Cruzeiro devagar, quase parando, sem contra-ataque
  • 31 – Zé Maria Ortigoza pra Wallyson. Bruno corta.
  • 32 – Bola cruzada na área celeste, Gil corta.
  • 33 – Torcida do Uberaba se entusiasma e empurra o time.
  • 34 – Amarelo! Rodrigão passa o rodo em Wallyson, que saia em contra-ataque.
  • 35 – Troca! Diego Renan por Fabrício Carioca.
  • 36 – Balduíno cruza da direita, Gil corta pra escanteio.
  • 37 – Dragão arriou a mochila. Cocota 7×1. Por enquanto, Funorte e Democrata estão sendo rebaixados.
  • 38 – Eita distração! Escanteio pela direita, bola passa no nariza da defesa celeste, Hugo conclui meio atrapalhado, Fábio defende com dificuldade.
  • 39 – Troca! Montillo por Reis.
  • 40 – Caminho da roça! Jogo morno. Torcida celeste começa a enrolar as faixas.
  • 41 – Cuca tá uma arara com o time.
  • 42 – Wallyson passa a Ortigoza, que é apanhado em impedimento.
  • 43 - Wallyson dribla Bruno e cruza. Escanteio.
  • 44 – Wallyson faz marcação forte pela direita e o Uberaba não consegue sair com a bola.
  • 45 – Cruzeiro marca forte no meio de campo e não deixa Uberaba criar jogadas de perigo.
  • 46 – Balão! Hugo solta um canudo, de fora da área. Bola sobe, sobe, sobe…
  • 47 – Reis não chegou a tocar na bola.
  • 48 – Fim de jogo. Cruzeiro termina em 1º lugar com 28 pontos e está a 4 empates do título.
  • Pablo: “O tombo é coisa que acontece, nem vi como foi, mas é parte do esforço que nós fazemos pelo Cruzeiro.”

Vídeos

Gol. Globoesportes.com

Atuações

  • Fábio – No 2º tempo, fez boa defesa depois de cobrança de escanteio. De resto, não teve tanto trabalho. Mas como santo não tira folga, avisou que estará treinando amanhã na Toca.
  • Pablo – Assustou a torcida quando caiu de mau jeito e ficou estatelado no chão. Mas logo estava de pé correndo pra tudo quanto é lado. Dos poucos que quiseram jogo, foi o melhor em campo.
  • Leo Simões – O Uberaba jogava quase que exclusivamente pela esquerda e, por isso, ficou na dele, espanando uma ou outra bola que pipocava pelo seu lado.
  • Gil – Teve mais trabalho que o companheiro e não foi tão firme como em outras ocasiões. Aliás, no lance de maior perigo do adversário tomou uma caneta e demorou pra se recuperar.
  • Diego Renan – Se não aproveitar as chances que tem, vai perder até a vaga no banco. Esteve inerte no ataque e desatento na marcação. Por conta de um lateral mal batido, cedeu contra-ataque ao adversário e quase viu a casa cair.
  • Fabrício Carioca – Diz-se que joga como zagueiro ou lateral esquerdo. Jogou só como zagueiro pelo lado esquerdo quando Cuca optou pelo 3-5-2. Se não me engano, não ultrapassou o meio campo.
  • Henrique – A pior partida do ano, errando muitos passes. Menos mal que tenha sido num jogo-treino valendo três pontos. Parece que sentiu a maratona da semana. Vai descansar, sô.
  • Pedro Ken – E não é que o japa ainda está por aqui? Cuca pediu para que ele acelerasse o jogo, mas não adianta, Pedro Ken é muito blasé para o futebol celeste.
  • Marquinhos Paraná – Como se embolava com Everton e Diego Renan, rumou pro lado direito. Com a jornada ruim de Henrique, tentou jogar mais perto do Montillo e até fez bons lançamentos.
  • Francisco Everton – Assim como Pablo, muita disposição. Brigou bastante, marcou, tomou amarelo, mas não se apresentou como opção para o ataque. A gente dá um desconto porque jogou no sacrifício, né Grêmio?
  • Walter Montillo – Teve um lampejo do craque que é quando lançou, de prima, uma bola linda para Henrique. O pênalti foi um prêmio para a semana tensa que viveu.
  • Reis – Não teve tempo para muita coisa. É impressão ou ele está meio “fortinho”?
  • Wallyson – Começou elétrico, tirando o sono da defesa uberabense. Caiu de produção junto com a equipe, embora tentasse arrumar alguma coisa, sempre pelo lado direito. Ah, e ajudou na marcação como é de costume.
  • Zé Ortigoza – Jogou mais centralizado, como referência. Até escapava pelos lados, mas se deu melhor na grande área quando cabeceou para fora aos quinze segundos ou quando foi seguro por Balduíno e sofreu o pênalti.
  • Cuca – Tentou fazer o time ser mais vibrante em campo. Difícil depois da longa viagem de volta da Argentina e da chegada em cima da pinta para o jogo de hoje. A turma não teve nem tempo da soneca depois do almoço. Sem Roger, Gilberto, Ribeiro e Dudu, o técnico não teve boas opções ofensivas para o banco. Tanto é verdade que havia três zagueiros entre os suplentes. Tentou mexer com o que tinha. Agora, é recuperar o pessoal, e trabalhar firme. De nada adiantará a oitava vitória seguida e o recorde de pontos na fase classificatória se o caldo entornar na sequência.
  • Juiz & Bandeiras – No lance do pênalti, Ortigoza até puxa a camisa de Balduíno. Mas o adversário já havia marcado falta no paraguaio; tudo uma questão de prioridade temporal. O assistente n° 1 pode ou não ter se equivocado em lance que terminaria com gol de Diego Renan. Sorte dele que a câmera não ajuda a tirar a dúvida.
  • Uberaba – Fez a sua parte tentando atrapalhar a vida celeste. Como não alimentava pretensão alguma no campeonato, não fez tanta força assim. Não consigo lembrar de ninguém que tenha se destacado.

O que foi dito

  • Fábio, goleiro do Cruzeiro: Contra o Cruzeiro todo mundo quer jogar. A gente já está acostumado. A gente viu hoje, que havia o interesse de outras equipes no tropeço do Cruzeiro. Mas conseguimos a vitória, fizemos nossa parte, e temos uma semana pra nos prepararmos pro próximo jogo. Vamos nos preparar pra reta final do Mineiro e da Libertadores. Teremos um jogo difícil já, fora de casa, contra o América-TO. Mas, concentrados e preparados, temos grandes chances de conseguir um bom resultado. Favorito é o último que vencer na final e levantar a taça. Esse é o favorito. O Cruzeiro está trabalhando pra ser uma equipe forte.
  • Henrique, volante do Cruzeiro: As referências que tenho do América de Teófilo Otoni são do jogo que fizemos lá, um jogo muito difícil, vencemos, mas por um placar apertado. É uma equipe que vai com tudo para cima da gente, temos que ser fortes e equilibrados pra vencermos mais uma vez.
  • Montillo, meia do Cruzeiro: Tivemos um jogo difícil, estava muito quente. Contra o América-TO vai ser difícil. Queremos sair campeões, então, temos que jogar com inteligência. Temos que continuar ganhando, melhorar, já que não jogamos bem hoje. Temos uma semana pra melhorar.
  • Cuca, treinador do Cruzeiro: Temos que analisar no geral. A semana foi desgastante demais, viajamos pra Argentina na segunda-0feira. Tivemos um jogo pesado, com areia no campo e chuva no 2º tempo. No dia seguinte, viajamos pela manhã e chegamos às 20h. Encaramos um adversário descansado. Fizemos cinco mudanças, não treinamos o time. Conseguimos uma vitória difícil, que nos deixa com a missão cumprida nessa 1ª etapa, que era a liderança do Mineiro e da Libertadores. Cada jogo é uma história. Pode ter certeza que teremos muitas dificuldades com o América-TO, porque é uma boa equipe. Temos as vantagens que o 1º lugar conquista, é a regra do jogo. O 1º lugar joga por dois empates. Lá na frente pode ser que isso faça a diferença. Vocês opinam, são profissionais do ramo. A gente não tem que falar quem é favorito, Temos que jogar e mostrar dentro de campo. Agora entra a fase de mata-mata, tanto do Mineiro quanto da Libertadores, e não podemos estar em um dia ruim. Temos um grupo bem trabalhado, com bons profissionais, que se cuidam fora de campo.
  • Matheus Reis, no PHD: Jogo modorrento. Valeu pela confirmação da liderança, pela melhor campanha no campeonato com esse formato e pelo gol de Montillo que teve uma semana difícil. De ruim, a desconfiança sobre a aproveitabilidade –um abraço, Tite– de alguns reservas. Uma dúvida: alguém sabe se ainda há aquela restrição quanto ao púbico mínimo para os estádios nas semifinais? Há chance do Tiotió mandar o jogo pra Arena ou outro lugar?
  • Aloisio Mendes, no PHD: Não foi um jogo bonito de se ver. O Cruzeiro jogou o suficiente pra se classificar em 1º lugar sem perder jogadores titulares por contusões e cartões. Não houve destaque individual, destaco o grupo pelo espírito competitivo e disposição. Ortigoza não se acertou com Wallison, por isso o placar foi magro. Acho que o Farias deveria ter entrado no 2º tempo, mas me parece que ficará fora do grupo brevemente. Só espero que se consiga um bom valor pelo seu passe ou uma boa troca.
  • Wagner Ghizzoni Júnior, no saite do Uberaba Sport Club – Em sua última partida no Campeonato Mineiro 2011, o Uberaba Sport Club jogou muito bem contra o líder Cruzeiro, mas acabou derrotado em casa pelo líder da competição. O favoritíssimo time da capital ganhou por 1×0, neste domingo (17/4) no Uberabão. Foi um jogo que agradou as duas torcidas. Apesar da derrota, o USC teve ótima atuação. Após o jogo, os atletas declararam que saem de cabeça erguida da competição, por dois motivos: deixaram o Colorado fora do rebaixamento e encararam de frente o poderoso Cruzeiro. A partida começou com a Raposa dominando, mas, aos poucos, o Zebu equilibrou tudo. Os alvirrubros, muito aplicados, não se intimidaram diante do time estrelado. E, depois de alguns lances de perigo do lado azul, o Uberaba teve a melhor chance da etapa. Marcinho chegou na boca do gol e tocou de lado para Cadu, que acabou finalizando mal e mandou por cima. O Cruzeiro só voltou a ameaçar no fim do primeiro tempo, e acabou marcando seu gol em um pênalti muito contestado pelo USC. Montillo bateu no canto, bem no cantinho mesmo, e Fernando por pouco não defendeu. No segundo tempo, o Colorado teve boas oportunidades para empatar. Hugo, que entrou no segundo tempo, levou perigo ao goleiro Fábio duas vezes. Mas o placar permaneceu o mesmo. O Zebu agora descansa por duas semanas antes de retornar ao batente.

Fontes

Transmissão

  • Sportv