Palestra Itália 3x7 Santos - 31/03/1929

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Palestra Itália.png 4x0 Escudo América-MG.png Gol aos do Escudo Sport-JF.png 1x6 Escudo Palestra Itália.png
Por Amistosos
Escudo Palestra Itália.png 4x0 Escudo América-MG.png Gol aos do Escudo Sport-JF.png 1x6 Escudo Palestra Itália.png
No estádio Barro Preto
Escudo Palestra Itália.png 4x0 Escudo América-MG.png Gol aos do Escudo Palestra Itália.png x Escudo Villa Nova-MG.png
Contra Santos
← Primeira ficha Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 2x4 Escudo Santos.png

[edit]

Escudo Palestra Itália.png
3 × 7
Escudo Santos.png

Confronto dos Ataques

Placar
Palestra Itália 3-7 Santos
Súmula/Borderô não disponível

Informações

Data: 31 de março de 1929
Local: Belo Horizonte, MG
Estádio: Barro Preto

Árbitro: Victor Marza
Assistente 1:
Assistente 1:


Público e Renda

Público pagante: Não disponível
Público Presente: Não disponível
Renda: $ 31.000.000,00 R$ 31.000.000 <br />Cr$ 31.000.000 <br />NCr$ 31.000.000 <br />Cz$ 31.000.000 <br />NCz$ 31.000.000 <br />


Escalações

Palestra Itália
  1. Geraldo
  2. Rizzo
  3. Nereu
  4. Bento
  5. Pires
  6.  Nininho
  7.  Piorra
  8.  Ninão Gol aos 19 do 19' (1T) P
  9. Zezinho(NA)
10.  Bengala Gol aos 5 do  (1T) 5'  (1T) Gol aos 33 do  (2T) 33'  (2T)
11. Armandinho
Técnico: Matturio Fabbi

Santos
  1. Athié
  2. David
  3. Aristides
  4. Osvaldo
  5. Júlio
  6. Alfredo
  7. Siriri
  8. Camarão Gol aos 7 do  (2T) 7'  (2T) Gol aos 25 do  (2T) 25'  (2T) Gol aos 44 do  (2T) 44'  (2T)
  9. Feitiço Gol aos 34 do  (1T) 34'  (1T) Gol aos 19 do  (2T) 19'  (2T)
10. Américo
11. Evangelista Gol aos 43 do  (1T) 43'  (1T) Gol aos 41 do  (2T) 41'  (2T)
Técnico:


Reservas que não entraram na partida


Curiosidades[editar]

  • O Palestra teve uma média de 6 gols por jogo no Campeonato de 1928 (91 gols/15 jogos) e o Santos faria a mesma marca no campeonato paulistano (100/16). Então foi marcado o "confronto dos ataques", no qual o Santos levaria a melhor.


Fontes[editar]

  • Livro Almanaque do Cruzeiro