Náutico 1x4 Cruzeiro - 06/10/2013

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Cruzeiro.png 4x0 Escudo Portuguesa.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 0x2 Escudo São Paulo.png
Por Campeonato Brasileiro
Escudo Cruzeiro.png 4x0 Escudo Portuguesa.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 0x2 Escudo São Paulo.png
No estádio Arena Pernambuco
← Primeira ficha Gol aos do Escudo Sport.png 0x0 Escudo Cruzeiro.png
Contra Náutico
Escudo Cruzeiro.png 3x0 Escudo Náutico.png Gol aos do Última ficha →

[edit]

Escudo Náutico.png
Náutico
1 × 4 Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
26ª rodada do Campeonato Brasileiro 2013
Data: 6 de outubro de 2013 Local: São Lourenço da Mata, PE
Horário: 16h Estádio: Arena Pernambuco
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (PA) Público pagante: 20.661
Assistente 1: Edílson Frasão Pereira Público presente: Não disponível
Assistente 2: Luis Cláudio Rodrigues da Costa Renda: R$ 528.715,00 R$ 528.715
Cr$ 528.715
NCr$ 528.715
Cz$ 528.715
NCz$ 528.715
(preço médio: R$ 25,59 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Náutico: Cruzeiro:
1. Ricardo Berna 1. Fábio
2. Willian 2. Ceará
3. João Filipe 3. Léo
4. Leandro Amaro Cartão amarelo recebido aos 11  (2T) 11'  (2T)   33. Bruno Rodrigo
5. Elicarlos 32. Mayke  Gol aos 31 do  (2T) 31'  (2T)
6. Bruno Collaço 19. Nilton
7. Dadá Substituição realizada 17'(1T) de jogo 17'(1T) ( 16. Ângelo Peña ) 16. Lucas Silva
8. Derley 17. Éverton Ribeiro  Gol aos 13 do  (1T) 13'  (1T) Substituição realizada 20' (2T) de jogo 20' (2T) ( 7. Tinga )
19. Olivera 31. Ricardo Goulart  Gol aos 9 do  (1T) 9'  (1T) Gol aos 7 do  (2T) 7'  (2T)
10. Diego Morales Substituição realizada 15'(2T) de jogo 15'(2T) ( 18. Hugo ) 41. Willian Substituição realizada 32' (2T) de jogo 32' (2T) ( 40. Alisson )
11. Maikon Leite Gol aos 28 do  (1T) 28'  (1T) 9. Borges Substituição realizada 20' (2T) de jogo 20' (2T) ( 11. Dagoberto )
Técnico: Marcelo Martelotte Técnico: Marcelo Oliveira
Reservas que não entraram na partida
Náutico: Cruzeiro:

Pré-Jogo

Classificação: O Cruzeiro começou a rodada em 1º lugar, com 56 pontos e 34 gols de saldo. O Náutico é o 20º, com 17 pontos e 25 gols de déficit.

Ausentes no Cruzeiro: Dedé, suspenso e na Seleção Brasileira, Egídio, suspenso, Martinuccio e Júlio Baptista, lesionados, Luan, Victorino e Francisco Everton, em recuperação.

Banco do Cruzeiro: Rafael Monteiro, Paulão Caveirão, Wallace, Leandro Guerreiro, Henrique, Tinga, Alisson, Lucca, Dagoberto, Vinícius Araujo, Anselmo Ramon.

Pendurados no Cruzeiro: Everton Ribeiro, Henrique, Leandro Guerreiro, Mayke, Souza, Tinga e Vinícius Araújo.

Ausentes no Náutico: Maranhão (LD) e Martinez (V), suspensos; Rogério, Jones Carioca, Thiago Real (M), lesionados.

Pendurados no Náutico: Auremir, Jean Rolt, William Alves.

Marcelo Oliveira, treinador do Cruzeiro: “Todo respeito é importante. No Brasileiro não existe muita diferença entre as equipes. O Náutico melhorou suas atuações e o Cruzeiro precisa estar forte.”

Marcelo Martelotte, treinador do Náutico: “Não podemos escolher adversário na situação em que estamos. E enfrentar o Cruzeiro é até bom pelo momento que estamos passando de quatro jogos invictos e duas vitórias e por jogarmos em casa, com o apoio da torcida. Pela nossa evolução no campeonato não tem melhor momento para enfrentar o líder do que esse. Se a gente tivesse enfrentado o Cruzeiro há seis rodadas teria sido bem mais difícil. Será um grande jogo e pelas circunstâncias, a nossa necessidade de vitória é maior.”

Juiz: Dewson Fernando Freitas da Silva (Fifa/PA) apitou 7 partidas neste Brasileiro. Médias: 3,4 amarelos, 0,1 vermelho, 29,1 faltas e zero pênalti. Médias do campeonato: 4,3 amarelos, 0,3 vermelhos, 34,4 faltas e 0,2 pênalti.

Adversário: Fundado em 07abr1901, o Clube Náutico Capibaribe conquistou 21 vezes o Campeonato Pernambucano, 3 vezes a Copa Norte do Brasil e foi vice-campeão brasileiro em 1967.

Relevante: O Cruzeiro tem 58% de aproveitamento fora de casa.

Transmissão: TV Globo, para Belo Horizonte, Montes Claros, Coronel Fabriciano e Varginha. PFC. ara todo o país.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 15h55. Times em campo. Cruzeiro, todo de azul. Náutico, com camisas e meias vermelhas e calções brancos.
  • 16h. Começa o jogo. Cruzeiro, à esquerda das cabines, dá a saída.
  • 01. Everton Ribeiro recebe lançamento na área do Náutico, mas perde a bola pra Derley.
  • 02. Cancha com grama mais alta do que o habitual. Prevenção do Náutico contra o toque de bola do Cruzeiro?
  • 03. Público ocupa metade dos lugares. Mil torcedores celestes fazem bastante barulho.
  • 04. Derley chuta de fora da área. Tiro de meta pro Cruzeiro.
  • 05. Mayke tenta tabelar com Ricardo Goulart, que não entende a jogada. Tiro de meta pro Náutico.
  • 06. Eduardo Arreguy, no PHD. “Cerquei a televisão com galhos de arruda, seguindo recomendação da Nega Peroba.”
  • 07. Nílton chuta de fora da área, bola sai à direita de Ricardo Berna.
  • 08. Everton Ribeiro tabela com Willian, que arremata. Bola desvia na bequeira timbú e sai a escanteio..
  • 09. GOL. Willian cobra escanteio pela direita, Ricardo Goulart, no primeiro poste, cabeceia, bola desvia em Bruno Colaço e Ricardo Berna não consegue alcança-la. Cruzeiro 1×0.
  • 10. 7º gol de Ricardo Goulart, 55º do Cruzeiro no Brasileiro.
  • 11. Willian cobra falta, Ricedo Goulart cabeceia, bola sai pela linha de fundo, com perigo pra defesa pernambucana.
  • 12. João Filipe desce pela meia direita, deixa três azuis pra trás, mas recebe falta no bico direito da área celeste.
  • 13. Defesaça! Bruno Colaço cobra falta com muita curva, bola vai no ângulo esquerdo, mas Fábio consegue espalma-la pra escanteio.
  • 14. Dadá disputa bola com Nílton na meiúca e fica estendido no chão.
  • 15. Lance foi casual, mas a contusão é grave.
  • 16. Troca: Dadá x Angelo Peña,
  • 17. Peña é venezuelano e foi convocado pra defender a Vinotinto, no próximo jogo das Eliminatórias.
  • 18. Lençol! Maykon Leite aplica lençol em Leo Simões, que vaia seu encalço, dentro da área celeste. Tiro de meta pro Cruzeiro.
  • 19. Dadá vai pro vestiário nos ombros do massagista e do médico. Leão no tornozelo. .
  • 20. Maykon Leite recebe lançamento, mas está impedido.
  • 21. Marcelo Oliveira gesticula muito, à beira da cancha. Marcação de seu time não o agrada.
  • 22. Mayke tabela com Ricardo Goulart, que arremata pra boa defesa de Ricardo Berna.
  • 23. Ufa! Maykon Leite vai à linha de fundo, pela direita, e cruza. Ceará corta pra escanteio na boca do arco celeste.
  • 24. João Filipe desce pela direita e cruza. Leo Simões, com muito esforço, corta.
  • 25. Hendrix, no PHD: “Tudo bem que estamos vencendo mas a quantidade de passes errados até aqui é muito alta. Tem que caprichar mais.”
  • 26. Inacreditável! Everton Ribeiro passa a Mayke, que do bico direito da área, cruza. Borges aparece na frente do arco timbú, mas arremata mal, bola sai por cima do travessão.
  • 27. Borges já fez seis gols no Brasileiro. Todos mais difíceis do que este que perdeu.
  • 28. GOL. Peña enfia bola entre Bruno Rodrigo e Lucas Silva, Maykon Leite deixa Leo Simões pra trás e, na entrada da pequena área, finaliza na saída de Fábio. Náutico 1×1.
  • 29. 4º gol de Maikon Leite, 17º do Náutico neste Brasileiro.
  • 30. Torcida do Náutico se entusiasma e o time parte pra cima do Cruzeiro.
  • 31. Maykon Leite puxa contrataque e deixa Morales na cara do arco celeste. O centroavante, contudo, perde a bola pra leo Simões.
  • 32. Walterson Almeida, no PHD: “O Cruzeiro se acomodou e, pior, tomou gol logo após o Borges ter perdido um fácil.”
  • 33. Everton Ribeiro cobra escanteio pela direita, bola passa pelo primeiro poste e chega até Nilton, que chuta de prima, pra fora.
  • 34. João Filipe cruza da direita, Leo Simões corta.
  • 35. Aislan, no PHD: “Tá difícil fazer tabela com o Borges. Ele não devolve uma bola direito.”
  • 36. Torcida do Náutico está empolgada. Depois do gol de empate, o Náutico tomou conta do jogo.
  • 37. Maykon Leite leva a melhor pela esquerda, entra na área e toca pra trás. Olivera finaliza, por cima do travessão.
  • 38. Bruno Colaço vai à linha de fundo e cruza. Bola atravessa a áre celeste, sem nenhum timbu pra conferir o lance.
  • 39. Bruno Colaço chuta de fora da área, bola passa por cima do travessão.
  • 40. Cruzeiro não sentiu a ausência do beque Dedé, que está na Seleção Brasileira. Leo Simões faz boa partida.
  • 41. Peña chuta de fora da área, bola passa rente ao arco celeste.
  • 42. Elicarlos entra de carrinho em Everton Ribeiro, que reclama.
  • 42. Everton Ribeiro, mlehor do Cruzeiro neste 1º tempo.
  • 43. João Filipe e Maikon Leite foram os destaques do Timbu neste 1º tempo.
  • 44. Everton Ribeiro cruza, Ricardo Berna defende.
  • 45. Maykon Leite recebe bola na entrada da área celeste, gira e chuta. Bola passa por cima do travessão.
  • 45+1. Fim de 1º tempo. Náutico buscou mais o gol, mas foi o Cruzeiro, com Borges, quem desperdiçou a melhor chance de terminar a fase em vantagem.
  • Elicarlos, volante do Náutico: “Teve uma bola também que o Fábio defendeu. 2×1 pra nós estaria de bom tamanho. Vamos descansar pra buscar a vitória no 2º tempo.”
  • Borges, atacante do Cruzeiro: “Tive uma chance, mas a bola passou por baixo. Se faço, matava o jogo. Infelizmente passou.”

Segundo Tempo

  • 17h04. Times voltam a campo, sem alterações.
  • 17h05. Começa do 2º tempo. Náutico dá a saída.
  • 46. Neste momento, a diferença do Cruzeiro em relação ao Grêmio está caindo de 11 pra 9 pontos.
  • 47. Ceará desce pela esquerda e cruza procurando Borges. Leandro Amaro corta.
  • 48. Cruzeiro volta mais ligado. Qual terá sido o papo no vestiário?
  • 49. Borges recebe bola dentro da área, gira, mas fura ao tentar o arremate.
  • 50. Maykon Leite recebe bom passe pela esquerda e chuta forte. Bola acerta Leo Simões.
  • 51. Perigo! Maykon Leite cobra escanteio muito fechado, Nílton corta.
  • 52. GOL. Everton Ribeiro puxa contrataque, desde seu campo de defesa, tabela com Willian e enfia passe genial pra Ricardo Goulart, que, dentro da área, arremata com perfeição, de canhota, Cruzeiro 2×1.
  • 53. 8º gol de Ricardo Goulart, 56º do Cruzeiro no Brasileiro. Gpulart, agora, é o artilheiro do time.
  • 54. Carlos Eduardo Lino, comentarista do SporTV: “O Náutico se empolgou, foi pro ataque e deixou espaços pro Cruzeiro.”
  • 55. Maykon Leite chuta, bola bate na mão de Mayke, juiz marca falta.
  • 56. Cruzeiro já botou o Náutico na roda. Timbu já pode começar a pensar no próximo adversárioo.
  • 57. Pênalti! Willian entra na área, pedala na frente de Leandro Amaro, que erra o bote na bola e derruba o atacante. Pênalti claro.
  • 57’30″. Amarelo! Leandro Amaro, pelo pênalti.
  • 58. GOL. Everton Ribeiro cobra com a canhota, no canto esquerdo. Berna escolhe o canto certo, mas a bola passa entre seus braços. Cruzeiro 3×1.
  • 59. 5º gol de Everton Ribeiro, 57º do Cruzeiro neste Brasileiro.
  • 60. O Cara. Everton Ribeiro será eleito o craque do Brasileiro. Mas não jogará até o fim da partida. Marcelo Oliveira sabe que deve preservá-lo.
  • 61. Troca: Diego Morales x Hugo.
  • 62. Hugo foi autor de um dos gols da virada do Náutico contra a Ponte Preta, em Campinas. É bom de bola.
  • 63. Náutico entra em desespero e tenta forçar o jogo de qualquer jeito.
  • 64. Everton Ribeiro, após troca de passes do ataque celeste, tenta lançar Ricardo Goulart, em profundidade, mas a bola sai pela linha de fundo.
  • 65. Troca: Borges x Dagoberto.
  • 66. Troca: Everton Ribeiro x Tinga.
  • 67. Hugo tenta jogada pela esquerda, mas deixa bola escapar pela linha de fundo.
  • 68. Cruzeiro já começa a administrar o jogo pra economizar energia e evitar jogadas perigosas.
  • 69. Lucas Silva tenta conexão com Ricardo Goulart, mas passe sai muito forte.
  • 70. Maykon Leite chuta de longe, bola sai por cima do travessão.
  • 71. Maikon Leite, emprestado pelo Palmeiras, tem sido o melhor do Náutico nesta reação do time, que obteve 2 empates e 2 vitórias nas últimas 4 rodadas.
  • 72. Defesaça! Hugo faz bela jogada pela esquerda driblando Leo Simões e enche o pé, cruzado. Fábio desvia com a ponta dos dedos.
  • 73. Dagoberto vence disputa pelo alto, e fica na cara do gol, prefere arrematar do que passar a bola. Berna defende.
  • 74. Bruno Rodrigo desarma Maikon Leite.
  • 75. Dagoberto faz o lançamento longo, Willian aproveita vacilo de Bruno Collaço e chuta, bola sai pela linha de fundo.
  • 76. GOL. Dagoberto arma ataque pela meia direita, dá uma pisadinha na bola, passa a Tinga, que enfia nas costas da defesa pra Mayke. O lateral chega na corrida, em diagonal, e chuta rasteiro, sem chance pra Berna. Cruzeiro 4×1.
  • 77. 2º gol de Mayke, 58º do Cruzeiro no Brasileiro.
  • 77’30″. Troca: Willian x Alisson.
  • 78. Angelo Peña chuta da entrada da área, bola sai rente ao arco celeste.
  • 79. Troca: Olivera x Marcos Vinícius.
  • 80. Lucas Silva cruza da esquerda, Ricardo Goulart cabeceia, bola sai por cima do travessão.
  • 81. Nílton sofre falta no meiocampo e não tem pressa pra cobrar.
  • 82. Alisson e Tinga tabelam pela direita, bequeira timbu falha, mas ninguém aparece pra aproveitar.
  • 83. Faltou pouco! Bola na área do Náutico, Ricardo Goulart cabeceia por cima do travessão.
  • 84. Tinga, Lucas Silva e Leo Simões trocam passes sem pressa.
  • 85. Defesaça! Elicarlos chuta forte, Fábio defende no canto direito.
  • 86. O Cruzeiro deve um grande título a Fábio. O que ele tem feito ao longo dos anos, merece uma retribuição gigantesca.
  • 87. Público: 20.661 pagantes. Renda: R$528.715,00.
  • 88. Peña cruza da direita, Leo Simões corta.
  • 89. Baliza! Alisson puxa contrataque e passa a Dagoberto, que enche o pé. Bola explode no travessão do arco do Náutico. .
  • 90. Maykon Leite ataca pela direita, entra na área e chuta forte, bola sai rente ao arco celeste.
  • 91. MVP! Everton Ribeiro. Ele arrebentou, com dribles, contrataques, enfiadas de bola e tabelas.
  • 92. Fim de jogo. Cruzeiro sofreu no 1º, mas passeou no 2º e mantém a vantagem de 11 pontos sobre sua escolta, o Grêmio.
  • NÚMEROS: Finalizações: Náutico 14×13. Faltas: Náutico 14×13. Desarmes: Cruzeiro 17×15. Passes errados: Cruzeiro 40×10. Defesaças: Fábio 3×1 Berna.

Vídeos

Melhores momentos
Gols

Atuações

  • Torcida Celeste brilhou. Pelo menos mil cruzeirenses apoiaram o time, na Arena Pernambuco.
  • Fábio apresentou um repertório de ótima qualidade e mais três defesaças de bonus track.
  • Mayke, desinibido, como sempre, defendeu e apoiou com a mesma eficiência. E, no fim, fez um gol parecido com o de Carlos Alberto, contra a Itália, na Copa de 970.
  • Leo Simões enxugou as lágrimas dos chorões, que reclamaram da convocação de Dedé, com um atuação perfeita.
  • Bruno Rodrigo, tranquilo, não se perdeu nem quando o Náutico pressionou na segunda metade do 1º tempo.
  • Ceará, mesmo fora de sua posição, jogou bem, embora o Náutico tenha concentrado seus ataques em cima dele.
  • Lucas Silva teve dificuldade, em especial, após e entrada do atrevido Peña, mas não cometeu nenhum deslize comprometedor.
  • Nílton não repetiu suas últimas e notáveis atuações, mas não comprometeu.
  • Everton Ribeiro é o melhor jogador do campeonato e foi o melhor da partida, com jogadas espetaculares, um gol, uma impressionante capacidade de estar em todos os lugares.
  • Tinga deu um passe de Pelé pra Mayke fazer um gol de Carlos Alberto. E lutou, como sempre.
  • Ricardo Goulart, com dois gols, inteligência tática e muita movimentação, foi um dos melhores em campo.
  • Willian fez uma jogada espetacular que resultou no pênalti do terceiro gol. Mas não ficou só nisto. Marcou a saída de bola, tabelou, enfim, fez o ataque girar como um carrossel.
  • Alisson correu, marcou, dificultou a vida dos alvirrubros.
  • Borges engrossou duas vezes, com um gol perdido e uma furada, mas não deixou de lutar. Vida de centroavante é assim mesmo: um dia mata o torcedor de raiva, outro mata o adversário.
  • Dagoberto meteu um balaço no travessão e deu sequência ajudou a girar o carrossel.
  • Marcelo Oliveira mudou a atitude do time no intervalo e colheu sua 11ª vitória na última dúzia de partidas. Precisa dizer mais alguma coisa?
  • Cruzeiro domou o Timbu no 1º tempo e jogou no 2º. Como em seus melhores momentos neste Brasileiro.
  • Náutico jogou tudo o que podia no 1º tempo, empolgou-e e foi triturado na etapa final. O atacante Maikon Leite e o beque-lateral-direito, João Filipe, foram os melhores alvirrubros na partida.
  • Sepateto de Arbitragem teve atuação irrepreensível.

O que foi dito

  • Marcelo Oliveira, treinador do Cruzeiro: Começamos muito bem, com domínio absoluto, fizemos o gol e ai acomodamos um pouco. Erramos muitos passes e erramos também na marcação. Parecia que estávamos fazendo um amistoso, não um jogo decisivo do Campeonato Brasileiro. No intervalo, cobrei muito isto.No 1º tempo, com o gol de empate e o apoio da torcida, o adversário se arrumou e deu trabalho. A postura no 2º tempo foi diferente, competimos mais, marcamos melhor, acertamos mais passes e a vitória veio de forma natural. O time mostrou bom preparo físico, bom poder de recuperação e um grupo de qualidade.
  • Leo Simões, beque do Cruzeiro: No 1º tempo, faltou movimentação. No intervalo, a orientação foi mais movimentação. No 2º tempo, nos movimentamos e encontramos espaços.
  • Ricardo Goulart, meia do Cruzeiro: Fizemos um gol, mas não fomos muito bem no 1º tempo. Faltou mais vontade de marcar. Depois conseguimos melhorar, tivemos tranquilidade e fizemos os gols pra vencer.
  • Bruno Rodrigo, beque do Cruzeiro: Fizemos um 1º tempo muito a baixo do que podemos mostrar. No 2º, impusemos nosso jogo e conseguimos um resultado importante.
  • Marcelo Martelotte, treinador do Náutico: Equilibramos o jogo no 1º tempo e é essa postura que temos de ter nas próximas rodadas. Só quando o Cruzeiro fez o seu terceiro gol, as coisas se complicaram. Aí o jogo ficou nas mãos deles e a reversão do placar era quase impossível. Vejo mais as qualidades do Cruzeiro do que nossos defeitos. Lutamos até o fim, agora é ter a cabeça no lugar, pegar nosso 1º tempo como referência e preparar a equipe pra outras partidas. O Peña teve boa participação, gostei também do João Filipe na lateral direita. Ele gosta de sair com bola dominada e tem velocidade, apesar de não ser da posição.
  • Carlos Eduardo Lino, comentarista do SporTV: É legal pra qualquer treinador ver o que o Marcelo Oliveira fez. A equipe não foi bem no 1º tempo, e ele sacudiu no intervalo. O Cruzeiro acordou e fez 4×1. Serve de consolo pro Náutico ter equilibrado o jogo no 1º tempo, com entusiasmo, tem vontade. O Cruzeiro é outra história, está sobrando no campeonato. Nós colocamos um asterisco lá no fundo: “Valeu, Náutico. Está jogando o Brasileiro”. Cair ou não cair é uma outra história.
  • Alana Campos, no PHD: O Náutico jogou tudo que podia no 1º tempo porque, apesar da colocação na tabela, está sem pressão alguma. Se perdesse seria para o melhor time do Brasil. Quem poderia criticar? No 2º tempo o Cruzeiro sobrou.
  • Mariana Resende, no PHD: Tenho até dó de quem fica azucrinando o time ao invés de curtir a boa fase. Povo bobo! Eu bebemorei até… Tá lindo demais!!!
  • Moema Fox, no PHD: ZÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊROOOOOOOOOOOOO!!!

Fontes

Transmissão

  • Globo Minas