Cruzeiro SAF

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar

Criação[editar]

A Cruzeiro Sociedade Anônima do Futebol, ou Associação Cruzeiro, ou apenas Cruzeiro SAF, teve sua criação aprovada no dia 3 de agosto de 2021 por ampla maioria, em assembleia no Clube Cruzeiro Barro Preto. Reunião do Conselho Deliberativo aconteceu em formato híbrido, com votação presencial e online. Houve 168 votos de forma presencial, sendo 163 favoráveis e cinco contrários à aprovação do caso. Ainda foram registrados 56 votos onlines, sendo 54 a favor, um contra e um voto nulo[1][2]. A Cruzeiro SAF foi possível pela aprovação da PL nº 5516/2019. A votação pelo Conselho Deliberativo ocorreu antes da lei ser sacionada pelo Presidente Bolsonaro.

Com 13 páginas, o memorando (datado de 31 de julho) traz inicialmente uma apresentação de duas páginas, ressaltando a grave crise financeira do Cruzeiro, com salários atrasados, dívidas e punições desportivas como o impedimento de registrar novos atletas, e destaca que a transformação do clube em SAF (Sociedade Anônima do Futebol) seria a solução para estes problemas. O documento destaca que a "Associação Cruzeiro" terá 100% do capital social da SAF Cruzeiro, mas poderá ser vendido até 49% do capital a "eventuais investidores", com base na avaliação de uma multinacional. Os direitos sobre atletas e propriedade intelectual serão também avaliados para serem inseridos no "valor de mercado":

"A Associação Cruzeiro será detentora de 100% do capital social da SAF Cruzeiro, capital este devidamente integralizado com seus ativos intangíveis, como por exemplo, seus direitos desportivos e propriedade intelectual, que estão sendo avaliados economicamente para a referida integralização, excluindo-se o patrimônio constituído pelos imóveis do clube".

O clube também formou uma comissão para acompanhar a formação do clube-empresa com os seguintes conselheiros:

  • Alvimar de Oliveira Costa
  • Bruno Oliveira
  • Regis Campos
  • Alexandre Azevedo
  • Paulo Henrique Pentagna
Administração da Cruzeiro SAF

O edital detalha a composição da diretoria da Associação, que será composta por, no mínimo, quatro membros, todos com mandato unificado de três anos, sendo possível uma reeleição. Os quatro membros são:

  • um diretor presidente (CEO)
  • um diretor financeiro,
  • um diretor de futebol
  • um diretor de marketing.
Participação do Cruzeiro

O documento ainda trata que, "enquanto o Cruzeiro Esporte Clube for titular de ações ordinárias da classe A (da SAF) correspondentes a pelo menos 10% (dez por cento) do capital social votante, a aprovação das seguintes matérias dependerá necessariamente do seu voto afirmativo:

  • alienação, oneração, cessão, conferência, doação ou disposição de qualquer bem imobiliário ou de direito de propriedade intelectual conferido pelo Cruzeiro
  • qualquer ato de reorganização societária ou empresarial envolvendo a Companhia, como fusão, cisão, incorporação de ações, incorporação de outra sociedade ou trespasse;
  • dissolução, liquidação e extinção da Companhia;
  • pedido de recuperação judicial ou de autofalência da Companhia;
  • participação em competição desportiva"

Enquanto o Cruzeiro for titular de ações ordinárias em qualquer quantidade, a aprovação de alguns assuntos dependerá de voto positivo do clube:

  • alteração da denominação social da Companhia;
  • modificação dos signos identificativos da equipe de futebol profissional explorada pela Companhia, incluindo, símbolo, brasão, marca, alcunha, hino e cores;
  • utilização de estádio ou arena, em caráter permanente, distinto daquele utilizado pelo Cruzeiro Esporte Clube antes da constituição da Companhia;
  • mudança da sede da Companhia para outro município;
  • qualquer alteração do Estatuto Social que modifique, restrinja ou subtraia os direitos assegurados aos titulares de ações ordinárias da classe A, ou extinga essa classe de ações

Pelos termos do edital, o Cruzeiro permanecerá com a propriedade dos seus imóveis, bem como de suas instalações de treinamento. Com os CTs, segundo o edital, "podendo as mesmas serem alugadas, arrendadas, cedidas em comodato ou quaisquer outras relações comerciais da espécie".

O edital reforça, novamente, que o nome, o símbolo, as cores e a sede do clube serão preservadas. Para conseguir recursos, o Cruzeiro vai buscar capital estrangeiro e contou com a avaliação de mercado feita por uma multinacional[3].

Registro[editar]

No dia 29 de novembro de 2021 o presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, anunciou, pelas redes sociais, o registro de Sociedade Anônima do Futebol. Já usando os benefícios da SAF, o Cruzeiro pediu a Centralização de Execuções, tanto no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) quanto no Tribunal de Justiça (TJ) do estado de Minas Gerais nos meses passados. Os pedidos foram aceitos e o clube tem 60 dias para apresentar documentos e detalhes de pagamento dos valores que estão em aberto. O Cruzeiro previa uma arrecadação de R$ 500 milhões logo nos primeiros meses da transformação em SAF[4][5][6].

O registro formal da implementação tem 46 páginas. A escritura - datada de 26 de novembro - traz alguns detalhes do novo modelo do Cruzeiro, com eleição e posse de alguns membros. Consta no documento que o "Conselho de Administração", com mandato de três anos (e que administra a SAF junto da diretoria), foi formado com a eleição de três membros:

  • Sérgio Santos Rodrigues (presidente atual do Cruzeiro)
  • Alvimar de Oliveira Costa (conselheiro e ex-presidente do clube)
  • Paulo Henrique Pentagna Guimarães (conselheiro e empresário)

A diretoria é composta por quatro membros, segundo a emenda distribuída aos conselheiros do Cruzeiro em agosto. Segundo a escritura registrada, Sérgio Santos Rodrigues e Edson Potsch Magalhães Neto (atual vice-presidente administrativo do Cruzeiro) também são membros da diretoria do Cruzeiro SAF (com os mesmos três anos de mandato).

O tempo é superior ao período que Sérgio Rodrigues foi eleito para o "Cruzeiro clube". Contudo a presença do presidente do "Cruzeiro clube" é obrigatória no conselho de administração da SAF, conforme consta no estatuto[7].

No dia 6 de dezembro o Cruzeiro teve o registro do CNPJ que usará para a SAF[8].

Mudança nos percentuais[editar]

No dia 17 de dezembro de 2021 foi marcada uma assembléia geral para a mudança do percentuais que poderiam ser negociados pela SAF. Os percentuais antigos não pareciam estar agradando os possíveis interessados em adquirir o Cruzeiro SAF. Os novos percentuais votados eram de 90%/10%. A mudança foi aprovada por 554 sim, 16 não, um nulo e um branco[9][10].

Venda[editar]

Ao lado de Pedro Mesquita, da XP Investimentos, Ronaldo Fenômeno posa com a camisa celeste

No dia seguinte à aprovação da mudança dos percentuais, Pedro Mesquisa, head da XP Investimentos, empresa responsável por avaliar e conseguir investidores, deu a notícia que Ronaldo havia adquirido os 90% do Cruzeiro SAF por R$ 400 milhões[11][12][13]. No dia da compra foi assinado um protocolo de intenções, o que significa que a transação ainda não estava concluída. De acordo com a XP Investimentos, a operação ainda estava sujeita a algumas condições, especialmente à verificação de contratos e documentos. O próprio Ronaldo destacou que ainda seria feita essa etapa de validação, conhecida como "due diligence", que demoraria alguns meses para acontecer[14]

Em nota[15], Cruzeiro confirma o acordo de venda, por meio da Tara Sports, para investimentos de R$ 400 milhões, ao longo dos anos seguintes. A negociação foi a primeira da história do país desde que o projeto de lei nº 5516, de 2019, havia sido aprovado três meses antes.

No dia 23 de dezembro o Cruzeiro confirmou a montagem de um comitê de transição, previsto na proposta de compra, que atuou por aproximadamente 120 dias coordenando uma auditoria contábil, financeira e jurídica, a fim de confirmar as premissas que embasaram o acordo. Durante esse período, Gabriel Lima – diretor de negócios do Real Valladolid – foi o líder da transição e responsável pelo diagnóstico e planejamento estratégico de negócio e operacional; e Paulo André Benini – diretor de estratégia desportiva do Real Valladolid – será o responsável pelo diagnóstico e planejamento estratégico de futebol.

O processo de transição também incluiu o escritório de advocacia BMA – Barbosa, Müssnich & Aragão, responsável por conduzir a auditoria jurídica, a XP Investimentos, responsável pelo suporte na reestruturação financeira, a Alvarez & Marsal, que dará suporte a todos os aspectos da transição e a Rioscom que atuará, junto à comunicação do Cruzeiro, no relacionamento com a imprensa."[16]

Mudanças[editar]

As mudanças começaram a acontecer ainda em 2021. No dia 28 de dezembro, Vanderlei Luxemburgo que já havia acertado sua permanência no clube para 2022, recebeu dos "novos donos" que ele e sua comissão técnica, não continuariam para a temporada 2022[17][18][19][20].

Vídeos[editar]

Presidente SSR fala sobre a aprovação do Cruzeiro SAF
Ronaldo faz sua primeira visita da Toca da Raposa II

Referências[editar]

  1. Clube-Empresa: Cruzeiro aprova constituição da Sociedade Anônima do Futebol
  2. Thread do @Cruzeiro no Twitter
  3. Conselho Deliberativo do Cruzeiro aprova implementação do projeto de clube-empresa
  4. Presidente do Cruzeiro anuncia registro da SAF: "Nova realidade nos permitirá reerguer o clube"
  5. Cruzeiro apresenta registro para se transformar na primeira SAF do Brasil
  6. Presidente anuncia transformação do Cruzeiro em clube-empresa
  7. Nomes eleitos e R$ 22,9 milhões de capital inicial: os detalhes da escritura Cruzeiro SAF
  8. Cruzeiro tem CNPJ da SAF registrado; veja detalhes do capital social e o quadro social
  9. Cruzeiro aprova mudança no estatuto e poderá negociar até 90% das ações na SAF
  10. Assembleia Geral aprova, e Cruzeiro poderá vender até 90% das ações da SAF
  11. Ronaldo Fenômeno acorda compra do Cruzeiro, anuncia head da XP
  12. Ronaldo Fenômeno compra o Cruzeiro e se torna majoritário da SAF
  13. Ronaldo compra 90% do Cruzeiro por R$ 400 milhões e busca recuperação da Raposa
  14. Entenda tudo sobre o negócio envolvendo a SAF Cruzeiro e Ronaldo
  15. CRUZEIRO ESPORTE CLUBE ANUNCIA ACORDO COM RONALDO FENÔMENO
  16. Cruzeiro: Gabriel Lima, diretor do Valladolid, é anunciado líder da transição
  17. @Cruzeiro comunica saída de Luxemburgo
  18. Por "adequações orçamentárias", Cruzeiro anuncia saída do técnico Vanderlei Luxemburgo
  19. Cruzeiro anuncia saída de Luxemburgo por decisão da equipe de Ronaldo
  20. Cruzeiro anuncia saída de Luxemburgo e promete novo técnico em breve