Cruzeiro 3x0 Funorte - 19/03/2011

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Cruzeiro.png 6x1 Escudo Tolima.png Gol aos do Escudo América-MG.png 2x3 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Mineiro
Escudo Cruzeiro.png 7x0 Escudo Democrata-GV.png Gol aos do Escudo América-MG.png 2x3 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Arena do Jacaré
Escudo Cruzeiro.png 6x1 Escudo Tolima.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 4x1 Escudo Guarani-MG.png
Contra Funorte
← Primeira ficha Gol aos do Última ficha →

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
3 × 0 Escudo Funorte.png
Funorte
7ª rodada do Campeonato Mineiro 2011
Data: 2011 de 19 de março Local: Sete Lagoas, MG
Horário: 16h Estádio: Arena do Jacaré
Árbitro: Átila Carneiro Magalhães (MG) Público pagante: 3.641
Assistente 1: Marcus Vinícius Gomes (CBF) Público presente: Não disponível
Assistente 2: Mauro Antônio Ferreira Santos (FMF) Renda: R$ 46.062,50 R$ 46.062,5
Cr$ 46.062,5
NCr$ 46.062,5
Cz$ 46.062,5
NCz$ 46.062,5
(preço médio: R$ 12,65 )
Súmula: Súmula e Borderô
Escalações
Cruzeiro: Funorte:

1. Fábio 1. Raphael
2. Pablo 7. Diego
3. Gil 3. Wellington Paulo Cartão amarelo recebido aos
4. Léo 4. Vinicius
5. Leandro Guerreiro Cartão amarelo recebido aos 5. Binho
6. Gilberto 6. Cristiano Substituição realizada de jogo ( 14. Fabricio )
7. Wallyson Substituição realizada de jogo ( 17. André Dias ) 2. Toto
8. Henrique Substituição realizada de jogo ( 16. Everton ) 8. Marcelino
9. Wellington Paulista Cartão amarelo recebido aos  (1) Gol aos 38 do  (1T) 38'  (1T) Substituição realizada de jogo ( 18. Farías ) 9. Edenilson Substituição realizada de jogo ( 18. Dandão )
10. Dudu 10. Ualisson
11. Thiago Ribeiro  Gol aos do Gol aos do 11. Stanley Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( 17. Caio )
Técnico: Cuca Técnico:
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: Funorte:

Pré-Jogo

Em 1º lugar, com 16 pontos, o Cruzeiro precisa vencer pra se manter no9 topo da tabela.

O treinador Cuca poupará os meias Montillo e Roger e não contará com o beque uruguaio, Victorino, suspenso.

Na lanterna, com apenas 2 pontos, o Funorte precisa vencer pra escapar da Z2.

O treinador Luiz Eduardo não terá o zagueiro Anderson Vieira. Em seu lugar, deve estrear o veterano Wellington Paulo.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 16h – Cruzeiro com uniforme tradicional, à direita das cabines. Funorte com camisas vermelas com uma faixa vertical azul, calções e meias vermelhas.
  • 16h03 – Banco de reservas do Cruzeiro: Fábio, Rômulo, Edcarlos, Diego Renan, Francisco Everton, Ernesto Farías, André Dias.
  • 16h05 - Começa a partida.
  • 01 - Cruzeiro joga no 4-2-1-3. Guerreiro e Henrique na contenção, Dudu na armação. Cautela nos primeiros movimentos. Time celeste toc bola na defesa.
  • 02 - Bico! Ualisson Mineiro avança em velocidade pela esquerda e leva a bola pro meio, na entrada da área, mas é desarmado por Gil, que dá um bico na bola.
  • 03 - Bola recuada. Fábio sai jogando com Gil.
  • 04 - Wallyson passa a Henrique na intermediária. Stanley comete falta no volante da seleção Brasileira.
  • 05 - Defesaça! Stanley sai em velocidade pela esquerda e, na entrada da área, chuta cruzado. Fábio estica-se e desvia a bola pra escanteio.
  • 06 - Escanteio cobrado. Bola na área, Fábio dá um soco nela, afastando o perigo.
  • 07 - Na moldura! Dudu recebe lançamento na esquerda e chuta colocado. Thiago Ribeiro cabeceia, bola explode na moldura.
  • 08 - Dudu cobra falta perto da área, Walyson tenta concluir, Raphael defende, Wellington Paulo espana a bola.
  • 09 - Toto, da entrada da área, chuta forte. Fábio pula e defende. Cruzeirenses reclamam de toque de mão.
  • 10 - Cruzeiro toca a bola no meio de campo.
  • 11 - Ualisson em velocidade no contra-ataque, chuta da entrada da área, mas a bola fica com Fábio.
  • 12 - Henrique sofre a falta no meio de campo.
  • 13 - Dudu recebe passe perto da área, mas Wellington Paulo intercepta a bola.
  • 14 - Toto, livre na entrada da área, chuta forte. Bola passa longe do arco celeste.
  • 15 - Pantomima! Diego disputa a bola com a bequeira celeste, cai e pede pênalti. Juiz manda seguir.
  • 17 - Wallyson ataca pela direita, mas é desaramdo por Stanley que desvia pra escanteio.
  • 18 - Ualisson Mineiro recebe lançamento na área, mas Fábio se adiante e fica com a bola.
  • 19 - Ualisson Mineiro cobra lateral pela esquerda, Leo Simões escolta a bola que fica com Fábio.
  • 20 - Felino! Gilberto cruza da esquerda, Raphael dá um tapa na bola, afastando o perigo.
  • 22 - Funorte toca bola no campo de ataque.
  • 23 - Gil afasta de cabeça bola jogada sobre a área celeste.
  • 25 - Amarelo! Wellington Paulista comete falta em Wellington Paulo e reclama da marcação.
  • 26 - Stanley cobra escanteio pela direita, Gil afasta de cabeça.
  • 27 - Diego recebe falta na intermediária. Funorte cobra e fica trocando passes.
  • 28 - Amarelo! Stanley divide com Leandro Guerreiro, que leva um tombo.
  • 29 - Thiago Ribeiro cobra a falta. Bola explode na barreira.
  • 30 - Goleiro trabalhador! Leo Simões chuta da entrada da área, pela esquerda. Raphael defende.
  • 31 - Pablo passa a Thiago Ribeiro, que cruza. Raphael fica com a bola.
  • 32 – Troca! Stanley por Caio.
  • 33 – SOS! Stanley sai na maca. Pessoal do Funorte pede ajuda ao Cruzeiro. Dr. Otacílio da Matta e o fisioterapeuta Roni vão ao vestiário do time de Montes Claros e diagnosticam estiramento.
  • 34 - Dudu lança a bola pra área. Wellington Paulista sobe pra cabecear, mas não encontra a bola.
  • 35 - Binho, na entrada da área, passa a Edenilson, que não domina a bola.
  • 37 - Pênalti! Amarelo! Wellington Paulo empurra Wellington Paulista próximo à linha de fundo, dentro da área, comete pênalti e recebe cartão amarelo.
  • 38 - Gol! Wellington Paulista dá um pulinho e chuta forte, rasteiro. Raphael cai pra esquerda, bola entra no canto direito. Cruzeiro 1×0.
  • 40 - Funorte troca passes no ataque, mas não encontra espaço pra concluir a jogada.
  • 42 - Gilberto troca passes com Leo Simões tentando sair do campo de defesa.
  • 43 - Binho desarma Dudu, sai em contra-ataque e lança na ponta direita, mas Gilberto fica com a bola.
  • 45 - Juiz sinaliza um minuto de acréscimo.
  • 46 - Termina o 1º tempo.
  • Thiago Ribeiro: “Agora, que conseguimos nosso gol, o Funorte vai sair mais no 2º tempo pra tentar o dele e vamos contra-atacar.”
  • Ualisson Mineiro: “Estamos chegando só com três no ataque. No 2º tempo, vamos sair mais pro jogo.”
  • Wellington Paulista: “Com o gol, volta a confiança. Espero fazer outros no 2º tempo.”
  • Wellington Paulo: “A postura tem de ser a mesma no m2º tempo. Vamos esperar na defesa e sair quando houver espaços.”

Segundo Tempo

  • 17h10 – Times em campo.
  • 00 – Troca! Henrique por Francisco Everton.
  • 01 - Mudança tática! Cruzeiro começa jogando. Francisco Everton está na lateral esuquerda, Gilberto é meia, Guerreiro, único volante de contenção. Esquema é o 4-1-2-3.
  • 02 - Amarelo! Leandro Guerreiro segura Ualisson Mineiro, no meio de campo, pra evitar contra-ataque.
  • 03 - Francisco Everton trabalha a bola na ponta esquerda e cruza, Raphael se antecipa aos atacantes celestes e defende.
  • 04 - Bela trama, ótima defesa! Bola trabalhada na entrada da área. Wellington Paulista passa a Thiago Ribeiro, que ajeita de cabeça pra Francisco Everton, que chuta forte. Raphael defende copm dificuldade.
  • 05 – Amarelo! Edenílson toca bola com a mão impedindo jogada de Leo Simões.
  • 06 - Gilberto cobra falta perto da área. Bola é despachada pela bequeira montesclarense.
  • 07 - Francisco Everton chuta de longe, Raphael defende sem dar rebote.
  • 08 - Thiago Ribeiro recebe passe e entra na área, tenta escapar da marcação e chutar, mas é travado por Diego Paulista.
  • 09 - Troca! Cristiano por Fabrício.
  • 10 - Gol! Wallyson carrega a bola até a linha de fundo, pela direita, e cruza rasteiro. Dentro da pequuena área, Thiago Ribeiro toca pro fundo da rede. Cruzeiro 2×0.
  • 12 - Tirou tinta! Leandro Guerreiro chuta forte, de fora da área. Bola passa por cima do travessão, com perigo.
  • 14 - Cruzeiro aperta a saida de bola do Funorte.
  • 15 - Wellington Paulista recebe lançamento que é interceptado por Wellington Paulo.
  • 16 - Thiago Ribeiro pedala na entrada da área pela esquerda e chuta cruzado, bola escapa pela linha de fundo.
  • 17 - Funorte tenta sair no contra-ataque com Edenílson, mas a defesa celeste fica com a bola.
  • 18 - Defesaça! Wallyson invade a área em velocidade, pela direita, atrapalha-se com a marcação, mas livra-se e chuta cruzado. Raphael defende.
  • 19 - Raphael fica caido e recebe atendimento médico.
  • 20 - Troca! Wallyson por André Dias.
  • 21 - Thiago Ribeiro tabela com Wellington Paulista na entrada da área, mas a bequeira de MOC fica com a bola.
  • 22 - Gilberto cobra a falta na meia esquerda rolando a bola pra Dudu, que passa a Francisco Everton. Defesa espana.
  • 23 - Dudu lança bola na área, Binho corta.
  • 24 - Troca! Edenilson por Dandão.
  • 25 – Dono da bola! Cruzeiro tem 70% de posse de bola.
  • 26 - Thiago Ribeiro tenta jogada individual, Wllington Paulista pede a bola, mas é desaramdo por Wellington Paulo.
  • 27 - Pablo, da direita, lança Wellington Paulista, que não consegue o dominar a bola.
  • 28 - Thiago Ribeiro rola pra Gilberto na esquerda. O volante invade a área e inverte a jogada pra Leo Simões na direita. O beque cabeceia a bola pra linha de fundo.
  • 30 - Troca! Wellington Paulista por Farias.
  • 31 - Wellington Paulista sai aplaudido.
  • 32 – Primeiro chute a gol do Funorte no 2º tempo! Dandão avança pela esquerda, entra na área e chuta cruzado, forte. Bola passa raspando o arco celeste.
  • 33 - Gilberto apanha rebote na entrada da área e chuta. Raphael defende.
  • 34 – Bola passeia pelo meio de campo mudando de dono a cada passe errado.
  • 35 - Dandão disputa a bola com Guerreiro e arranja escanteio na direita.
  • 36 - Caio cobra escanteio, André Dias corta de cabeça.
  • 38 - Funorte tenta sair em contra-ataque pela direita, Gil recupera a bola.
  • 39 - Farias recebe passe de Dudu na entrada da área e acerta um sem-pulo bonito. Bola sobe muito e passa por cima do travessão.
  • 40 - Ualisson aplica chapéu em Thiago Ribeiro e lança Fabrício, que está impedido.
  • 42 - Cruzeiro trabalha a bola, Funorte insiste nas jogadas de contra-ataque.
  • 44 - Dudu é escolhido, por unanimidade, pela equipe da Rádio Itatiaia, o melhor em campo. Vai ganhar um MP4.
  • 45 - Categoria! André Dias mata no peito e chuta. Bola sai por cima do travessão.
  • 45 - Juiz indica três minutos de acréscimos.
  • 47 - Gol! Dudu cruza pra área, pela direita, Wellington Paulo se atrapalha e quase marca contra acertando o poste esquerdo. Bola sobra com Thiago Ribeiro que chuta pra rede. Cruzeiro 3×0.
  • 48 - Funorte dá a saída, Átila Carneiro Magalhães encerra o jogo.

Vídeos

Gols. - Globoesporte.com

Atuações

  • Fábio - Não teve trabalho e repôs bem a bola. (Agnaldo Morato)
  • Pablo - Bom na marcação. Subiu ao ataque algumas vezes, mas pecou nos cruzamentos. (Agnaldo Morato) / Apesar de estabanado, foi bem. (Raher)
  • Leo Simões - Com pouco trabalho na defesa, aventurou-se na frente algumas vezes, sem sucesso. (Agnaldo Morato)
  • Gil - Nas poucas vezes em que foi exigido, saiu-se bem. (Agnaldo Morato) / Marcou com segurança e sem estardalhaço. E não levou cartão amarelo. (Síndico)
  • Gilberto - Começou o jogo como lateral-esquerdo. No 2º tempo, virou armador e ficou cozinhando o galo. Quando a mbola passava por seus pés, tentava armar o time. Jogou pro gasto. (Agnaldo Morato) / No 1º tempo, ficou na defesa e não comprometeu. No 2º, virou meia e armou algumas jogadas. No último quarto de jogo, andou em campo, despreocupadamente. (Síndico)
  • Leandro Guerreiro - Marcou, protegeu a zaga e arriscou-se na frente. Cumpriu o seu papel. (Agnaldo Morato)
  • Henrique - Enquanto jogou, fez sua parte. (Agnaldo Morato) / Não forçou o jogo, no que fez bem. Terá uma maraqtona nos próximos dias. (Síndico)
  • Francisco Everton - Substituiu Henrique, foi pra lateral esquerda, deslocando o Gilberto pro meio. Cumpriu o seu papel e pode ser alternativa pro setor. (Agnaldo Morato) / Desinibido, foi um ala, que procuoru o ataque com insistência e criou boas jogadas. (Síndico)
  • Dudu - No 1º tempo, não estava bem. Prendeu muito a bola e movimentou pouco. No 2º, melhorou muito, participou diretamente dos dois gols e foi um dos melhores em campo. (Cuca) / Correu, lutou, procurou ajudar o ataque na armação de jogadas. (Agnaldo Morato) / Mostrou muita personalidade. Pena o time ter jogado apenas pro gasto. Ele terá um grande futuro se não aprontar nas baladas. (Aloisio Mendess) / Está jogando errado, de atacante, de costas pro gol, quando não tem físico pra isso. (Eduardo Arreguy) / Gostei muito da reação do Dudu. No 1° tempo, meteu uma bola pro Thiago Ribeiro cabecear na trave, mais nada. Participou pouco do jogo. Mas, na etapa final, arregaçou com a partida. Fez viradas de bola. Meteu as bolas pro Wallyson criar o 2° gol e depois outras 2 ou 3 pra ele se enrolar com elas. (João Chiabi Duarte)
  • Wallyson - Muita correria e pouco resultado. Precisa dosar o ímpeto. (Raher) / Deu um belo passe para o Thiago Ribeiro fazer o segundo gol. Atuação mediana. (Agnaldo Morato)
  • André Dias - Dominou uma bola na área e finalizou bem, quase deixando a sua marca. Tem potencial. (Agnaldo Morato)
  • Wellington Paulista - Sofreu uma penalidade máxima, que converteu em gol. Evoluiu um pouquinho em relação aos últimos jogos. (Agnaldo Morato) / A única coisa que ele fez em campo foi bater o pênalti. De resto, errou tudo que tentou e nunca estava em condições de finalizar qualquer bola. (Walterson Almeida) / Em fase muito ruim, reclama, cai e pouco produz. (Elias Guimarães) / Esforçou-se muito, cavou faltas, recebeu um pênalti infantil, que converteu em gol. Está se atrapalhando com os beques e nunca aparece no lugar certo pra arrematar as jogadas. (Síndico)
  • Ernesto Farias - Entrou no final, mas pareceu desanimado e pouco acrescentou. (Agnaldo Morato) / Em sua melhor particvpação, pegou uma bola de prima. Pena que a danada subiu, subiu, sbiu que nem balão de São João. Se vai na direção certa, o gringo se consagrava. (Síndico)
  • Thiago Ribeiro - O melhor em campo. Buscou o jogo o tempo todo. Atuou como se fosse partida de Libertadores. Sempre bem colocado fez dois gols. É o melhor atacante do elenco. (Agnaldo Morato) / Correu atrás o jogo todo, não deixou a preguiça tomar conta. (Walfrido Jr.) / Foi quem mais buscou o jogo. Até o último minuto, literalmente. (Matheus Penido)
  • Cuca - Acertou ao deixar alguns titulares descansando. Acertou ao prestigiar e tentar recuperar WP. Fez substituições oportunas. E, na coletiva, como sempre brindou os ouvintes com algumas pérolas de seu discurso sempre prudente e meio deprê. Está agradando ao torcedor, que o aplaudiu ao final da partida, e à imprensa, que não o persegue. Bom para o Cruzeiro. (Síndico)
  • Torcida - Reforçada por centenas de crianças de escolas públicas, esteve mais animada do que nas partidas anteriores do Mineiro. Mas continua comparecendo em pouca quantidadse. Deve estar esperando preços simbólicos de ingressos como a rival pra dar as caras. (Síndico)
  • Juiz & Bandeiras - O juiz interpretou bem os lances de área. Os bandeiras não comprometeram. (Síndico)
  • Arena do Jacaré - Uma vergonha o estado das cadeiras na Arena. Completamente sujas. E ainda tínhamos que ouvir a fanfarronice da ADEMG pedindo pra mantermos o estádio limpo. (Matheus Reis) / Os ingressos acabaram na bilheteria 3 antes de se iniciar a partida. Houve revolta e xingatório. Muita gente viajou centenas de quilômetros e voltou pra casa enfurecida. Seria importante manter um funcionário do Cruzeiro pra explicar e orientar aos torcedores sobrfe onde e como comprar ingressos. (Síndico)
  • Equipe da Itatiaia (Milton Naves, narrador, Lélio Gustavo, comentarista, Thiago Reis, Álvaro Damião, Artur Morais, repórteres) – Transmissão de boa qualidade. MN é o melhor narrador da emissora. O único que distingue os 22 jogadores em campo. LG não metralhou ninguém. Exagerou nos louvores a Dudu, mas não falou nada fora do riscado. Não inventou. TR fez seu trabalho junto à torcida de forma competente. Tião das Rendas levantou os números, inclusive o de não pagantes, que chegou a 31% do público presente. Os repórteres AM e AD não simpatizam com o Cruzeiro e não gozam da simpatia da maior parte dos cruzeirenses. Fizeram seu trabalho sem grande entusiasmo. (Síndico)
  • Funorte - O meia Stanley é excelente jogador. Raçudo e com conhecimento do ofício. Vale a pena recrutá-lo, ZZP. O goleiro Raphael Barrios teve muito trabalho e não comprometeu. Fez até algumas defesas complicadas. Os demais jogadores esforçaram-se, mas não mostraram futebol de boa qualidade. (Síndico)

O que foi dito

  • Wellington Paulista, centroavante do Cruzeiro: Eu queria fazer gol hoje. Não importava se de cabeça ou canela. Espero que agora outros aconteçam naturalmente. Estou tranquilo. Não estava perdendo gols. Eu não estava era tendo chances. Ainda bem que o Wallyson e o Thiago estão com muita sorte. Minha função era diferente da que eu estava acostumado, de costas, de pivô. Consegui aprimorar a forma física e a tendência agora é melhorar. É normal em time grande a chegada de bons jogadores. No inicio do ano, aconteceu a mesma coisa. Chegaram vários. Tenho contrato com o Cruzeiro, mas não sei como será daqui pra frente. É o Cuca quem escala. Espero continuar fazendo os gols pra continuar na equipe. A confiança está de volta, agora é deslanchar. Falei que quando abrisse a porteira, viria um monte. Espero continuar fazendo gols. A confiança é o mais importante.
  • Dudu, armador do Cruzeiro: Não fiz um 1º tempo muito bom, mas no 2º dei a volta por cima, os companheiros me ajudaram e pude fazer um grande jogo e ajudar o Cruzeiro a sair com a vitória. Graças a Deus, que o Cuca está me vendo. Isso é importante. Ele está me passando as informações. Espero escutar bem.
  • Cuca, treinador do Cruzeiro: O jogo agradou. A gente vem de uma competição na quarta-feira que era uma decisão. A imprensa hoje achou o jogo morno, mas é normal. O Funorte veio pra buscar um contra-ataque, marcando bem, e se perder, perder de um ou dois. Eu faria a mesma coisa. A condição do adversário é inferior à nossa, em todos os sentidos. A gente sabe disso, mas você tem que, dentro de campo, provar que é superior. E eles deram trabalho. Estou muito contente com o resultado. Se fosse 1×0, estava bom também. A gente não pode ficar pensando que daqui a pouco, se ganhar de 1×0, vai ficar todo mundo bravo. Vamos pôr a mão na consciência, agradecer a Deus, que está tudo muito bom. Todos tiveram a vontade de chegar à frente, mas foram bem marcados. Nós escolhemos as jogadas erradas, conduzimos demais e erramos muitos passes. No 1º tempo, na minha visão, faltou criação. Estávamos com três atacantes, mas a criação estava pequena. No 2º, colocamos o Gilberto pra ser um criador a mais, ao lado do Dudu, jogando só com o Guerreiro na marcação. E tinha o Everton solto. Criamos mais, encurralamos o adversário e fizemos três gols. No 1º tempo, Dudu não estava bem. Prendeu muito a bola e movimentou pouco. No 2º, melhorou muito, participou diretamente dos dois gols e foi um dos melhores em campo.
  • Thiago Ribeiro, atacante do Cruzeiro: Aproveitei no 1º gol uma ótima jogada do Wallyson, só tive o trabalho de botar o pé pra bola entrar. No 2º, fiz a jogada pelo lado, corri pra área e deu tudo certo. A bola bateu na trave, voltou na medida pra mim. Eu fiquei no banco cinco jogos e não desanimei. Usei isso como motivação pra mim. Todo mundo está vendo que a cada jogo estou provando e comprovando que mereço meu espaço na equipe. Mas respeito a opinião do treinador. Usei os jogos no banco pra me motivar ainda mais, porque, pela temporada que fiz no ano passado, é normal você voltar um pouco mais relaxado. Os primeiros jogos não foram bons, Depois da derrota no clássico, em que nossa equipe não foi o que costuma ser, a partir do Estudiantes, correspondi em todos os jogos. Quando não fiz gols, dei passes.
  • André Dias, atacante do Cruzeiro: Golear é sempre bom. Mas acredito que a gente dê uma certa relaxada quando isso acontece com frequência. Não que não seja bom golear, mas isso pode camuflar algumas coisas que ainda não estão perfeitas.
  • Fábio, goleiro do Cruzeiro: O Funorte marcou atrás dificultando a penetração na área. Também começamos devagar, com muita lentidão tornando a partida mais difícil. Estivemos frouxos na marcação, mas conseguimos fazer um gol de pênalti. No 2º tempo, colocamos mais velocidade e fizemos dois. Era importante vencer. Todo mundo espera que a equipe faça ótima partida, mas, à vezes, o importante é a vitória e a liderança.
  • Samuel, no PHD: Durante a partida fiquei pensando: será que a proibição da cerveja foi o que espantou o público dos estádios? Hoje, foi o típico jogo pra se fazer festa enchendo a cara e comentando os lances com os amigos com os amigos. Foi por isso que o Perrela falou que o estádio do Cruzeiro só sairia se fosse com um shoping anexo. Seria um programa de sábado completo com treino do time de coração no meio. Proibir cerveja nos estádios é coisa de país atrasado. No países avançados, prende-se quem faz bobagem e pronto.
  • Agnaldo Morato, no PHD: Num jogo de ataque contra defesa, a retaguarda do Funorte até que se houve bem, pois só levou três gols, um deles bem no finalzinho. O Cruzeironão forçou o jogo, fez o suficiente pra vencer. Thiago Ribeiro foi o melhor em campo, fez dois gols e foi quem mais buscou o jogo. Atuou como se estivesse disputando uma partida de Libertadores. Ele quer voltar a ser titular. WP, enfim, voltou a marcar, o que já é uma evolução.
  • Amácio Gattuno, no PHD: Quem acompanha o PHD sabe que sempre acreditei no WP9. Craque é craque: quando menos esperam, ele decide.
  • Raher, no PHD: Jogo horroroso, resultado ótimo. O Cruzeiro aceitou a marcação desordenada mas constante do Funorte. Hoje, deu pra ver como fazem falta armadores e gente de criação no time. O único que tentou isto, sem sucesso, foi Gilberto. Dudu, apesar do talento, ainda joga de cabeça baixa e não sabe procurar espaços. Melhores em campo: Thiago Ribeiro e Paraná. Pablo, apesar de estabanado, foi bem. Wallyson: muita correria e pouco resultado, precisa dosar o ímpeto.
  • Matheus Reis, no PHD: Marquinhos Paraná joga tanto, mas tanto, que até quando não está em campo é o melhor da partida. Não por acaso recebe de alguns a justa alcunha de Mestre. Bonito ver esse reconhecimento. Freud concorda comigo.

Fontes

Transmissão

  • Sportv