Cruzeiro 3x0 Caldense - 30/01/2011

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Uberlândia.png 0x3 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Villa Nova-MG.png 0x1 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Mineiro
Escudo Cruzeiro.png 1x3 Escudo Betim.png Gol aos do Escudo Villa Nova-MG.png 0x1 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Arena do Jacaré
Escudo Cruzeiro.png 2x1 Escudo Palmeiras.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 3x4 Escudo Atlético-MG.png
Contra Caldense
Escudo Caldense.png 0x2 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Caldense.png 0x5 Escudo Cruzeiro.png

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
3 × 0 Escudo Caldense.png
Caldense
1ª Rodada Campeonato Mineiro 2011
Data: 30 de janeiro de 2011 Local: Sete Lagoas, MG
Horário: 17h Estádio: Arena do Jacaré
Árbitro: Cleisson Veloso Público pagante: 4.151
Assistente 1: Celso Luiz da Silva Público presente: Não disponível
Assistente 2: Marcus Vinicius Gomes Renda: R$ 82.980,00 R$ 82.980 <br />Cr$ 82.980 <br />NCr$ 82.980 <br />Cz$ 82.980 <br />NCz$ 82.980 <br /> (preço médio: R$ 19,99 )
Súmula: Súmula e Borderô
Escalações
Cruzeiro: Caldense:

1. Fábio 1. Glayson
2. Rômulo Cartão amarelo recebido aos  (1) Substituição realizada 10' (2T) de jogo 10' (2T) ( 18. Wallyson ) 2. Ivo Substituição realizada de jogo ( 13. Robinho )
3. Léo Cartão amarelo recebido aos  (1) 3. André Alves Cartão amarelo recebido aos
4. Gil Cartão amarelo recebido aos  (1) 4. Anderson Carvalho
5. Pablo Cartão amarelo recebido aos  (1) 5. Rafael Dias
6. Diego Renan  Gol aos 22 do  (2T) 22'  (2T) 6. Márcio Loyola Substituição realizada de jogo ( 16. Flavinho )
7. Gilberto Substituição realizada 31' (2T) de jogo 31' (2T) ( 15. Pedro Ken ) 7. Mário
8. Henrique 8. Maxsuel
9. Wellington Paulista  Gol aos 20 do  (2T) 20'  (2T) 9. Rivaldo Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( 17. Fabrício )
10. Montillo Substituição realizada 36' (2T) de jogo 36' (2T) ( 16. Dudu Gol aos 41 do  (2T ) 41'  (2T ) ) 10. Luisinho
11. Thiago Ribeiro 11. Mirandinha
Técnico: Cuca Técnico: Paulo Cezar Catanoce
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: Caldense:
12. Rafael 12. Douglas
13. Edcarlos 13. Felix
14. Fabrício Carioca 14. Vieira
15. Reis 15. Neto Potiguar

Pré-Jogo

O Cruzeiro estréia no Mineiro 2011 contra a Caldense, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

Cuca tem apenas uma dúvida: Marquinhos Paraná, que sofreu uma pancada no tornozelo no treino de sexta-feira. Roger galera, em litígio com o treinador, não foi sequer relacionado para o jogo.

A Caldense mostra caras novas. Mas terá dois conhecidos da torcida celeste, Glayson e Maxsuel, que são excelentes jogadores.

É jogo pra ser prestigiado pelo torcedor, principalmente, o da região de Sete Lagoas. Afinal, o time celeste para a Libertadores não será muito diferente deste que estréia no Mineiro.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 16h58 – Puxado pelo Raposão e pelo Raposinho, Cruzeiro entra em campo com uniforme tradicional. Caldense está com camisa branca e calção verde.
  • 17h04 – Começa o jogo. Cruzeiro defende campo à direita das cabines.
  • 01 - Rivaldo avança pela esquerda, mas é desarmado por Leo Simões.
  • 02 – Rômulo tabela com Montillo e cruza. Anderson Carvalho desvia pra escanteio. Montillo cobra, Glaysson defende.
  • 03 – Márcio Loyola cobra lateral, Gil tira de cabeça, dentro da área.
  • 04 - Thiago Ribeiro cruza, André Alves corta parcialmente, Marcio Loyola despacha a bola.
  • 05 - Ivo cruza rasteiro, Rômulo fica com a bola e sai jogando.
  • 06 – Gilberto cruza, André Alves corta.
  • 07 - Rivaldo corre com a bola até ser derrubado por Leo Simões.
  • 08 – Caldense joga com dois atacantes avançados. Pablo protege a bequeira celeste.
  • 09 - Diego Renan avança pela esquerda e cruza. Bola escapa pela linha de fundo.
  • 10 – Leo Simões avança e tenta tabelar com Wellington Paulista, que perde a bola pra defesa caldense.
  • 11 - Thiago Ribeiro lança Henrique, mas Anderson Carvalho corta.
  • 13 – Cavada! Wellington Paulista gira, cai, pede falta, que o juiz não marca.
  • 14 – Rômulo passa Wellington Paulista. André Alves corta.
  • 15 – Não é do ramo! Gilberto deixa Leo Simões livre dentro da área, mas o chute sai torto, pela linha de fundo.
  • 16 - Thiago Ribeiro avança pela direita, entra na área e chuta forte. Glayson defende com dificuldade.
  • 18 – Cruzeiro troca passes e abre espaços. Caldense Apenas se defende.
  • 19 - Pablo tabela com Wellington Paulista, que é travado pela bequeira e não conclui.
  • 20 - Rômulo passa a Wellington Paulista dentro da área. Ivo corta.
  • 21 - Montillo cruza duas vezes, bequeira verde rebate em ambas.
  • 22 – Amarelo! Rômulo passa o rodo em Luizinho na ponta direita.
  • 23 – Por pouco! Bequeira celeste erra na linha de impedimento, Mirandinha deixa Rivaldo na marca do pênalti, sem marcação. Chute sai torto e passa rente ao poste esquerdo do arco defendido por Fábio.
  • 24 – Faltou um pé! Mirandinha faz boa jogada pela esquerda e cruza. Bola atravessa a pequena área, Fábio não consegue desviá-la. Por sorte, não aprece atacante verde pra marcar com o arco aberto.
  • 25 – Pablo tenta avançar, mas é parado com falta por Mário.
  • 26 – Montillo cobra a falta, bola bate na barreira.
  • 27 – Thiago Ribeiro cruza, Rômulo desvia de cabeça, bola fica com Glayson.
  • 28 – Mário cai reclamando uma contusão.
  • 29 – Amarelo! Leo Simões passa o rodo em Mirandinha.
  • 31 – Leo Simões chuta de fora da área, bola sai pela linha de fundo.
  • 33 – Quase! Thiago Ribeiro passa a Diego Renan, que corta para o meio me, de frente pro arco, solta uma bomba. Glayson defende no canto esquerdo.
  • 34 – Bombardeio! Wellington Paulista chuta forte, Glayson defende, Thiago Ribeiro fica com o rebote e chuta. Bola sai pela linha de fundo.
  • 35 – Thiago Ribeiro de fora da área, bola sai fraca, pela linha de fundo.
  • 36 - Esperto! Thiago Ribeiro cruza, Glayson afasta a bola com a mão esquerda, antes da chegada de Montillo.
  • 37 - Luisinho recebe lançamento, Fábio sai da área e corta com os pés mandando da bola pra lateral.
  • 38 – Ivo cruza, Márcio Loyola se atrapalha com a bola e não finaliza.
  • 39 – Wellington Paulista choca-se com Glayson, que fica estendido no chão.
  • 40 – Gilberto apanha rebote da bequeira da Caldense, mas seu chute é travado por Anderson Carvalho.
  • 41 - Trombetas! Parte e da torcida grita o nome de Roger Galera.
  • 42 - Resposta! Wellington Paulista chuta, bola bate em Rafael Dias. Gilberto pega o rebote com uma bicicleta. Glayson defende. Máfia Azul grita o nome de Gilberto.
  • 43 – Amarelo! Rivaldo derruba Rômulo.
  • 44 - Montillo chuta de fora, Glayson defende.
  • 45 – Cruzeiro dominou os primeiros vinte minutos. Depois, a Caldense saiu para o jogo e a partida ficou equilibrada.
  • 46 – Fim do 1º tempo.

Segundo Tempo

  • 18h03 – Entornou o caldo! Cruzeiro volta a campo. Gilberto concede entrevista chamando Roger Galera de mau caráter.
  • 18h05 – Começa o 2º tempo.
  • 01 – Luisinho chuta forte de fora da área, Fábio defende.
  • 02 – Henrique chuta de fora da área, bola sai pela linha de fundo.
  • 03 – Wellington Paulista passa a Gilberto, Rafael Dias corta.
  • 04 – Amarelo! André Alves desce o bambu em Thiago Ribeiro.
  • 05 - Rômulo avançar pela direita, Rafael Dias toma sua frente e sofre a falta.
  • 06 – Mirandinha recebe lançamento na ponta-direita, mas é desarmado por Diego Renan.
  • 07 – Rivaldo recebe lançamento em impedimento.
  • 08 – Wellington Paulista gira e recebe falta de Rafael Dias.
  • 09 – Substituição! Rômulo por Wallyson. Gilberto recua pra volância, Pablo vai pra lateral-direita e Wallyson pra ponta-direita.
  • 10 – Por pouco! Montillo cobra a falta por cobertura, bola fica na rede. Por cima do travessão.
  • 11 - Montillo cobra escanteio na cabeça o Leo Simões, que deixa bola sair pela linha de fundo.
  • 12 – Substituição! Rivaldo por Fabrício.
  • 13 - Montillo cobra falta pra área, Wellington Paulista toca na bola, mas Glayson defende antes da chegada de Leo Simões.
  • 14 – Henrique passa a Wellington Paulista dentro da área. Rafael Dias corta.
  • 15 – Esperto! Mirandinha chuta forte, Fábio chega antes de Fabrício e corta.
  • 16 – Thiago Ribeiro chuta forte de fora da área, mas Glayson faz a defesa.
  • 18 – Fabrício lança Mirandinha, que não alcança a bola.
  • 19 – Pênalti! Thiago Ribeiro recebe a bola dentro da área, pelo lado esquerdo, e é deslocado por Ivo.
  • 20 – Gol! Wellington Paulista cobra o pênalti com força. Glayson salta pra esquerda, bola entra na direita. Cruzeiro 1×0.
  • 21 – Thiago Ribeiro cruza, bola sai pela linha de fundo.
  • 22 – Gol! Diego Renan tabela com Wellington Paulista, recebe dentro da área e chuta na saída de Glayson. Cruzeiro 2×0.
  • 23 - Wallyson cruza, Glayson defende antes que Wellington Paulista apareça pra concluir.
  • 24 – Fenômeno! Glayson choca-se com Wellington Paulista e fica caído. Massagista gorducho da Caldense entra em campo e a torcida grita: “Ronaldo! Ronaldo!”
  • 25 – Substituição! Ivo por Robinho.
  • 26 – Robinho cruza, Diego Renan espana.
  • 28 – Amarelo! Gil comete falta em Fabrício.
  • 29 – Substituição! Márcio Loyola por Flavinho.
  • 30 – Fly me to the moon! André Alves cobra a falta, bola passa longe do gol e quase quebra o placar.
  • 31 – Substituição! Gilberto por Pedro Ken.
  • 33 – Amarelo! Pablo derruba Fabrício.
  • 34 – Fábio sai de soco em cobrança de falta, mas sofre falta de Fabrício.
  • 35 – Flavinho recebe passe dentro da área, mas chuta fraco. Fábio defende sem problemas.
  • 36 – Substituição! Montillo por Dudu.
  • 37 - Wallyson avança pela direita e chuta. Glayson defende.
  • 39 – Wallyson cruza, mas Pedro Ken não domina e Glayson fica com a bola.
  • 40 – Gol! Duda lança Wallyson, que chuta forte. Glayson dá rebote, que Dudu apanha com um chutaço. Cruzeiro 3×0.
  • 42 – Descansando! Cruzeiro toca bola no meio de campo.
  • 43 – Diego Renan aparece na área verde, mas Glayson corta bola pra linha de fundo.
  • 44 – Ganhou o MP4! Diego Renan eleito por unanimidade como o melhor em campo pela equipe da Rádio Itatiaia.
  • 45 – Wallyson tabela com Dudu e cruza. Wellington Paulista erra a cabeçada e Pedro Ken não consegue dominar a bola.
  • 46 – Fabrício tenta jogada pela direita, Diego Renan faz o desarme.
  • 47 – Cobras e lagartos! Fim de jogo. Gilberto sai de campo falando cobras e lagartos de Roger Galera.

Vídeos

Lances do jogo. Globesporte.com

Atuações

  • Fábio – Devido à má pontaria dos atacantes da Veterana, teve pouco trabalho em sua função e pôde até exercitar sua habilidade de líbero.
  • Rômulo – Discreto no apoio ao ataque. Não comprometeu na defesa.
  • Leo Simões – Perdeu um gol, deu uma canelada, andou se confundidndo com Gil, mas nada com resultados muito graves.
  • Gil – Jogou pro gasto.
  • Diego Renan - O melhor em campo. Defendeu bem e atacou melhor ainda. Esbanjando fôlego, marcou gol e incomodou a defesa caldense.
  • Pablo – Grata surpresa no exercício da volância com boa noção de cobertura e saída de bola desinibida. Na lateral-direita também esteve bem.
  • Henrique – Discreto. Foi pouco ao ataque. No esquema 4-2-2-2 seu futebol sofrerá retrocesso.
  • Montillo – Esforçado, mas contido pela marcação, ora individual, ora por setor. Espaço é que não lhe foi dado.
  • Dudu – Brilhante nas duas ou três jogadas que teve tempo de fazer. E ainda marcou outro gol bem feito.
  • Gilberto – Pouca movimentação, mas com categoria quando teve a bola.
  • Pedro Ken – Esforçado. Desinibido. Mas ainda sem acertar o pé.
  • Thiago Ribeiro – Trabalhador como sempre. Cavou, cavou, cavou até levar um pênalti.
  • Wellington Paulista – Bateu um pênalti e fez a tabela com Diego Renan que resultou no 2º gol. No mais, entusiasmo e pouca efetividade.
  • Wallyson – Muito bom. Deu velocidade ao ataque e fez ótimas jogadas pela direita.
  • Cuca – Parece que vai mesmo desmanchar o 4-3-1-2, que tem dado certo, pra implantar o 4-2-2-2. Deu errado no 1º tempo. No 2º, com as entradas de Wallyson e Dudu, o time se soltou.
  • Torcida – Sob um sol de deixar baiano mole, preferiu fazer churrasco na laje. Os 5 mil que apareceram deram força, mas também encheram o saco gritando o nome do marido da Secco. Não foram muitos os vaiantes, mas fizeram um auê que tirou Cuca do sério.
  • Moema Fox – Sumiu. Parece que calçou chinelinho e só comenta quando lhe dá na telha. Ou volta à lide, ou vou entregar o caso pra Diretoria.
  • Juiz & Bandeiras – Até prova em contrário, mereceram nota 10. Ainda não vi o replay do pênalti. Da arquibancada, me pareceu falta. A conferir.
  • Mídia – Depois de quase um ano, voltei a ouvir uma jornada esportiva da Itatiaia. Albertinho estava menos rabugento do que de costume. Thiago Reis pôs um bando de meninos pra cantar o Hino do Cruzeiro. Maurílio Costa comentou a partida co0mo se estivesse numa mesa de boteco, sem nove horas nem estardalhaço. Daniela Rodrigues esbanjou simpatia. Só o Arthur Morais continua devendo. Já aprontou tanta trapalhada, que não agrada nem quando fica calado.
  • Estrada – Fui pela MG 424. Até Matozinhos, estava ótima. Entre Matozinhos e Prudente de Morais, esburacada e cheia de cocorutos. De Prudente até Sete Lagoas, lisa, embora sem acostamento.
  • Arena do Jacaré – Alguns gaiatos insistem em colocar faixas de organizadas no alambrado. Por que não põem essas tranqueiras nos muros no alto da arquibancada?
  • Caldense – Mirandinha é um atacante arisco. Glayson, como sempre, excelente goleiro. Com o resto da tropa, em nível abaixo dos dois, Catanoce conseguiu armar um time compacto e competitivo, que criou boas oportunidades. Não fosse o pênalti, o Cruzeiro teria imensa dificuldade pra ganhar os três pontos.

O que foi dito

  • Cuca, treinador do Cruzeiro: “Até 25 do 1º tempo, jogamos muito bem, com toques e muita movimentação. Depois que a Caldense teve uma oportunidade, numa linha de impedimento que nós erramos, eles cresceram, adiantaram um pouco a equipe, que estava bem recuada, e aí não nos acertamos mais. Precipitamos as jogadas, aceleramos os lançamentos de forma errada, então a segunda parte do 1º tempo não foi boa. Na 2º etapa,a gente tentou mais 10 minutos para o time se soltar, mas isso não aconteceu. Aí começamos a promover as alterações, até de ordem tática. Abrimos três atacantes, uma vez que eles tinham um 3º zagueiro e trouxemos problemas pra Caldense. Triangulamos pelos lados, todos os gols foram pelo lado do campo, dois pela esquerda e um pela direita. Era o caminho. Chegar no fundo, acertar o passe e servir o companheiro. Eu tive duas conversas com o Roger e coloquei pra ele que a princípio ele era reserva e tinha que buscar a titularidade no campo. E perguntei ‘serve pra você?’. Ele falou: ‘não serve’. Então o torcedor não pode ficar bravo comigo, com o Gilberto, com o Montillo, que é quem está dando a vida lá dentro, procurando melhorar, pra gente estar dia 16 melhor do que hoje. A gente quer fazer o melhor. Se o Roger amanhã mudar de opinião e disser ‘quero ganhar minha posição no campo, vou treinar, vou me dedicar’, ele vai estar com a gente. Hoje, ele não veio porque se queixou de dor no adutor, quinta-feira. Ninguém está preterindo nem castigando ninguém. Não tenho preferência particular, pessoal, por ninguém e sim pela parte como jogador. Ele é importante pra nós, como foi ano passado, seja por 2, 15, 45 minutos ou jogando o tempo todo. Ele fez 27 das 39 partidas. Não serve? Aí a gente não pode fazer nada. Não falo sobre o Carlos Alberto, se ocorrer a troca, aí falo. Por enquanto, deixo isso para a diretoria.
  • Henrique, volante do Cruzeiro: “Vamos nos acertar no decorrer da competição. Em três jogos estaremos 100%. Na 1ª etapa, tivemos um pouco de dificuldade, mas no 2º tempo o time se soltou mais, foi melhor e tomou conta do jogo. Todos estão de parabéns”.
  • Leo Simões, beque do Cruzeiro: “Pra mim foi presente em dobro. Estrear bem sempre traz mais confiança para o time e deu pra comemorar o aniversário com uma boa vitória. É importante arrancar bem no Campeonato Mineiro, porque em breve teremos também a Libertadores e a sequência de jogos ficará maior. Teremos grandes campeonatos pra disputar nesse ano e por isso estamos trabalhando forte nessa fase de preparação. Além do Mineiro, temos a Libertadores e nossa estréia já é contra um grande time, como o Estudiantes.”
  • Gilberto, meia do Cruzeiro: “Roger é um excelente jogador e tem condições de ser titular no Cruzeiro, mas isso é durante os treinamentos e jogos. Nunca vi em minha vida Ronaldinho Gaúcho, Pelé ou Zico reclamar. Todos são grandes jogadores e nunca pediram titularidade. Acho que o grande jogador e de caráter se faz no dia a dia. Não me incomodo de sair. Se for opção do treinador vou buscar minha titularidade. Acho que quando passa isso pra fora acaba se criando uma situação desagradável com o treinador, jogador, grupo e direção. Se tudo tivesse sido resolvido internamente talvez hoje a torcida não tivesse gritado o nome do Roger e não tivesse chiado, pois eu não estava tão bem no 1º tempo. Como foi passado pra fora, pela própria boca do jogador, é lógico que se eu estivesse jogando muito mal a torcida iria gritar o nome do Roger. Por isso é que, às vezes, a gente fica chateado. Eu, com 35 anos, acho que não precisaria disso. Talvez, se ele tivesse chegado pra mim e falasse que foi o único jogador no ano passado que não tivesse jogado, eu pediria ao Cuca para sair como já o fiz. É uma coisa que não precisava ser passada pra fora e falei ao Cuca que o Roger quer jogar, mas o treinador entende que a melhor opção sou eu jogar ao lado do Montillo. Então, tanto eu quanto o Roger temos que respeitar isso. Procuro fazer aquilo que é melhor pra mim dentro de campo, nos treinamentos com meus companheiros, acho que isso é importante. O Cruzeiro tem que ser assim, sem confusão e sem oba-oba fora de campo. Tenho a consciência tranquila. Se ele acha que não deve ficar é problema dele. Vou continuar fazendo o que sempre fiz em meus 35 anos e não vou mudar. Se tiver de sair e ficar no banco vou respeitar a decisão do treinador. Vou procurar incentivar o companheiro que estiver dentro de campo, mesmo que fique sem jogar. Assim o Cruzeiro cresce. Importante é que tenho a cabeça tranquila e vou continuar fazendo meu trabalho como sempre.”
  • Wellington Paulista, centroavante do Cruzeiro: “A torcida sempre me cobra gols e acho interessante. É uma responsabilidade que sempre assumi desde que comecei a jogar futebol e graças a Deus tenho conseguido administrá-la bem. Coincidência ou não, ano passado quando os pênaltis saíram estava contundido e o Montillo acabou batendo. Quando tem pênalti e estou no jogo peço para cobrá-lo. O treinador sempre deixa a disposição entre eu, Gilberto e Montillo. Estava confiante e consegui fazer o gol.”
  • Diego Renan, lateral-esquerdo do Cruzeiro: “Espero que este ano seja maravilhoso não só pra mim, mas pra toda equipe. Tomara que a gente possa buscar os títulos, o que será maravilhoso.”
  • Beth Makennel, comentarista do PHD: “Sinceramente, acho uma tremenda falta de humanidade colocar os jogadores debaixo de um sol de matar como o de ontem lá em Sete Lagoas. Eu, que estava na arquibancada, tive de sair e ir pra um lugar pior, mas que tinha sombra, por ter passado mal de tanto sol a me fritar. Imagine os coitados dos jogadores dos dois times? É muita sacanagem e covardia. Os jogos no verão deveriam ser a partir das 19h. Ainda assim, acho que para inicio de temporada, nosso time se saiu muito bem. Gostei muito do Diego Renan, Thiago Ribeiro, Dudu, Wallyson e o Leo Simões. Fiquei muito chateada com os torcedores ingênuos, jogando contra o time, ao vaiar, sem motivo, o nosso Gilberto. Estamos a dias de disputa da maior competição da América e não podemos cair novamente nas armadilhas dos inimigos e atrapalhar nosso time.”
  • Elias Guimarães, no PHD: “Um 1º tempo sonolento… ZZzzzZZzzzZZzzz… E a Veterana numa retranca menos braba apenas do que o sol de rachar a mamona. Aí achamos um pênalti (vejam bem, da mesma forma que fico %$#@*&# quando perdemos operados fico também pluto quando marcam um pênalti dequeles). Facilitou o trabalho, uma vez que a Caldense perdeu o ímpeto de segurar o empate (que já seria um grande feito) e não tomou de mais por sorte. Me preocupou mais uma vez o lado esquerdo, que esteve muito bem no ataque e uma avenida na defesa. Paraná faz muiiiita falta, assim como o Fabrício. Como andei ausente estes dias, me assustei como o Cuca detonou o Roger Joga-pra-galera Flores, na lata. Logo o Cuca, tão equilibrado…”
  • Marco Soalheiro, no PHD: “Boa vitória pra inciar a competição com tranquilidade. Gostei muito, mas muito mesmo, do Diego Renan. Já o critiquei muitas vezes, mas acho que ele está em clara evolução. Tomara que vá bem nos jogos em que for bastante exigido na defesa também. Pablo pode ser uma boa solução provisória pra lateral-direita. Mostrou mais vigor físico que o Rômulo. Wallyson é uma ótima opção de 2º tempo. Já mostrou isso em alguns jogos do ano passado. Montillo foi muito marcado e teve dificuldades pra sair, mas temos que confiar nele. Já, já engrena de novo. WP fez o que eu previa pra início de temporada contra time fraco: gol e assistência e marketing. Mas sabemos bem que não temos comando de ataque confiável pra hora em que o bicho pegar. Torço sempre pra ele queimar minha língua.”
  • Mauro França, no PHD: “Só lembrando aos cornetas radicais: foi o primeiro jogo da temporada, por isto, falta ritmo e são naturais os erros de passes. A movimentação no ataque foi positiva, Thiago Ribeiro não ficou preso na direita, trocou de posição com Wallyson, criou bons lances. Wallyson entrou bem no jogo. Diego Renan melhorou no 2º tempo e fez um belo gol.”
  • Pedro, no PHD: “Gilberto pode se tornar um desses casos clássicos no Cruzeiro do jogador que, se erra um passe, perde todo o crédito pelas boas atuações anteriores. Com meia hora de jogo, ele já havia colocado o Leo Simões na cara do gol numa jogada maravilhosa, feito um ótimo cruzamento num rebote de escanteio e um lançamento para Rômulo, que resultou num cruzamento perigoso. Aí, errou uma conclusão difícil e foi vaiado. E tome torcedor falando que ele não jogou nada! Ai eu me pergunto: e o Montillo? E o Henrique? E o Pablo? Qual deles foi mais produtivo no meio do Cruzeiro hoje? Que está se escalando com nome e não com futebol é o Montillo. E o Roger também tenta fazer isto há algum tempo. Foi um bom jogo. Diego Renan, Thiago Ribeiro e Wallyson jogaram como se não tivessem nem tido férias. Não sentiram o longo período em que estiveram parados. Wellington Paulista salvou-se pelo belo lance do 2º gol. Ah, sim… Leo Simões e Gil tomaram amarelo. Que novidade! Desse jeito, precisaremos de uns 7 zagueiros no elenco.”

Links e Fontes

Transmissão

  • Globo Minas