Cruzeiro 2x1 Ponte Preta - 07/10/2017

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Cruzeiro.png 1x1 Escudo Corinthians.png Gol aos do Escudo Grêmio.png 0x1 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Brasileiro 2017
Escudo Cruzeiro.png 1x1 Escudo Corinthians.png Gol aos do Escudo Grêmio.png 0x1 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Mineirão
Escudo Cruzeiro.png 1x1 Escudo Corinthians.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 1x3 Escudo Atlético-MG.png
Contra Ponte Preta
Escudo Ponte Preta.png 1x0 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Última ficha →

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
2 × 1 Escudo Ponte Preta.png
Ponte Preta
28ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017
Data: 7 de outubro de 2017 Local: Belo Horizonte, MG
Horário: 16:00 Estádio: Mineirão
Árbitro: Paulo Roberto Alves Júnior Público pagante: 13.147
Assistente 1: Rafael Trombeta Público presente: 15.397
Assistente 2: Victor Hugo Imazu dos Santos Renda: R$ 257.798,00 R$ 257.798 <br />Cr$ 257.798 <br />NCr$ 257.798 <br />Cz$ 257.798 <br />NCz$ 257.798 <br /> (preço médio: R$ 19,61 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Cruzeiro: Ponte Preta:

1. Rafael Cartão amarelo recebido aos 12  (1T) 12'  (1T)   1. Aranha
2. Ezequiel 2. Nino Paraíba
27. Manoel  Gol aos 30 do  (2T) 30'  (2T) 3. Marllon
28. Digão 4. Luan Peres
6. Diogo Barbosa Cartão amarelo recebido aos 12  (2T) 12'  (2T)   5. Wendel Substituição realizada 27'(2T) de jogo 27'(2T) ( 17. Jorge Mendoza )
25. Hudson Cartão amarelo recebido aos 32  (2T) 32'  (2T)   6. Artur Substituição realizada 6'(1T) de jogo 6'(1T) ( 13. Yago )
8. Henrique 7. Danilo Barcelos Gol aos 13 do  (1T) 13'  (1T)
70. Rafinha Cartão amarelo recebido aos 18  (1T) 18'  (1T)   Substituição realizada 43' (2T) de jogo 43' (2T) ( 23. Élber ) 8. Elton Cartão amarelo recebido aos 37  (2T) 37'  (2T)   Cartão amarelo recebido aos Cartão vermelho recebido aos 42  (2T) 42'  (2T)  
7. Rafael Sóbis Substituição realizada 23' (2T) de jogo 23' (2T) ( 15. Rafael Marques ) 9. Lucca
30. Thiago Neves Cartão amarelo recebido aos 43  (1T) 43'  (1T)   Gol aos 28 do  (2T) 28'  (2T) 10. Jean Patrick Substituição realizada 11'(2T) de jogo 11'(2T) ( Fernando Bob )
11. Alisson Substituição realizada 35' (2T) de jogo 35' (2T) ( 29. Lucas Romero ) 11. Emerson Sheik
Técnico: Mano Menezes Técnico: Eduardo Baptista
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: Ponte Preta:

Pré-Jogo

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 15h53 TIMES em campo, Cruzeiro, com uniforme tradicional; Ponte de camisas brancas, com faixa diagonal preta, calções e meias pretas.
  • 15h55 HINO Nacional.
  • 16h COMEÇA o jogo. Cruzeiro, à direita das tribunas, Ponte dá a saída.
  • 01 Barbosa ataca pela esquerda e cruza, nennhum companheiro aparece pra concluir.
  • 02 Rafinha leva pancada e cai.
  • 03 Ponte se posiciona pra defender, mas quando tem a bola manda até quatro jogadores pro ataque.
  • 04 Cruzeiro roda a bola sem pressa, Ezequiel recebe a bola e cruza. Aranha defende.
  • 05 SENTIU! Artur sente uma fisgada na coxa direita e pede para sair.
  • 06 TROCA. Artur x Yago.
  • 07 No banco, Artur recebe os primeiros cuidados na coxa direita.
  • 08 Yago vai jogar na lateral esquerdo, recebendo apoio de Wendel e Danilo Barcelos.
  • 09 Cruzeiro acelera o jogo. Ponte se defende com muita gente.
  • 10 PÚBLICO ocupa 1/4 das cadeiras. Uma dúzia de organizadas estão presentes.
  • 11 PÊNALTI. Barbosa recua errado pra Rafael, Lucca alcança a bola, dribla o goleiro e é derrubado.
  • 12 GOL. Danilo Barcelos cobra colocando a bola no ângulo esquerdo. Rafael arrisca o salto no canto direito. PONTE 1×0.
  • 13 2º GOL de Barcelos no Brasileirão. O outro também foi de pênalti, no 2×2 contra o São Paulo, no Morumbi.
  • 14 HENRIQUE FERNANDES, comentarista do Premiere: “O jogo estava equilibrado, embora o Cruzeiro tomasse mais a iniciativa. Agora o time celeste terá que atacar ainda mais”.
  • 15 TORCIDA CELESTE reage ao gol apoiando seu time.
  • 16 Cruzeiro vai todo pro ataque. Sobis recebe lançamento na esquerda e cruza alto, Marllon escanteia a bola.
  • 17 AMARELO. Rafinha, por falta em Lucca, parando contrataque.
  • 18 RETROSPECTO. Em 2017, Cruzeiro venceu 21 jogos, empatou 9 e perdeu 2 no Mineirão. Aproveitamento de 77%.
  • 19 Manoel recua de cabeça pra Rafael, que quase deixa a bola escapar.
  • 20 FINALIZAÇÃO: Ponte 1×0.
  • 21 Luca parte rumo ao arco celeste, mas perde a bola na disputa corpo a corpo com Manoel.
  • 22 Neves tenta passe entre os beques, Aranha fica com a bola.
  • 23 Rafinha é derrubado do lado direito, perto da grande área. Falta.
  • 24 Neves cobra falta, biqueira da Ponte corta. Na sequência, Aranha sai do gol pra socar a bola e tromba com Digão. Falta a favor da Ponte.
  • 25 Neves tabela com Rafinha, mas escorrega na hora de chutar com a canhota. Ponte ganha iro de meta.
  • 26 Cruzeiro tem mais posse de bola, mas não cria lances de perigo.
  • 27 Barbosa cruza, Rafinha tenta cabecear, não consegue e se joga alegando puxão de Yago. Segue o jogo.
  • 28 Lucca se choca de cabeça com Digão e fica caído.
  • 29 Lucca e Digão saem de campo. Nada grave, mas precisam esperar autorização da arbitragem pra voltar.
  • 30 HENRIQUE FERNANDES: “Cruzeiro tem quase 75% de posse de bola e nenhuma finalização, porque a Ponte não permite”.
  • 31 Barcelos cai e tira a caneleira da perna esquerda. Ele sente dores, depois de uma dividida com Sobis.
  • 32 BATE-BOCA. Barcelos deixa o campo de maca. Jogadores da Ponte dão bronca em Sobis.
  • 33 Sobis desarma Sheik, mas erra inversão de bola pra Rafinha.
  • 34 Ataque brasileiro não funciona.
  • 35 QUASE! Barcelos entra na área celeste e fica frente a frente com Rafael. Na hora do chute, porém, é travado com um carrinho.
  • 36 Cruzeiro troca passes, mas não chuta a gol.
  • 37 TORCIDA CELESTE desconfiada. Barulho só de batucada.
  • 38 SEI NÃO… Alisson recebe na área, maneira marca impedimento.
  • 39 Contrataque da Ponte. Sheik recebe na direita e lança pra esquerda. Lucca ajeita pra Barcelos, que chuta colocado. Rafael defende.
  • 40 Cruzeiro ganha corner, torcida se anima e canta alto.
  • 41 Manoel cabeceia bola de corner, Aranha corta de soco.
  • 42 Hudson recebe no bico esquerdo da grande área e tenta surpreender Aranha, com chute rasteiro, no canto direito. Goleiro defende.
  • 43 AMARELO. Neves, por falta em Jean Patrick.
  • 44 Jean Patrick leva pontapé Neves. Jogo parado.
  • 45 FINALIZAÇOES: Ponte 2×1.
  • 45 Seis minutos de acréscimo.
  • 45+1 Atacantes celestes trocam de posição, tentando confundir a marcação da Ponte.
  • 45+2 Henrique solta uma bomba de pé direito, bola passa rente ao poste direito.
  • 45+3 Cruzeiro manda o time todo pro ataque, Ponte se defende cm todo mundo.
  • 45+4 Luan Peres tenta cortar cruzamento e toca pra trás obrigando Aranha a defesa difícil.
  • 45+1 Cruzeiro vai ao ataque, Ezequiel erra o passe pra Henrique, Lucca fica coma a bola, mas não tem pressa.
  • 45+6 FIM do 1º tempo.
  • HENRIQUE: “Eles vieram marcando do meio pra trás, fecharam o centro do campo. A gente tem que ter velocidade e calma na troca de passes. Não adianta ter 70% de posse se a bola está rodando mais aqui atrás”.

Segundo Tempo

  • 17h07 COMEÇA o 2º tempo. Cruzeiro dá a saída.
  • 46 Times voltaram sem alterações.
  • 47 Rafinha entorta Yago na direita, entra na área e cruza rasteiro. Nenhum cruzeirense aparece pra finalizar.
  • 48 Cruzeiro pressiona.
  • 49 Henrique Fernandes: “Cruzeiro está conseguindo espaço pela direita, curiosamente no lado mais forte da Ponte, que tem um zagueiro marcando por ali”.
  • 50 Neves chuta cruzado, bola desvia e sai a corner.
  • 51 Barbosa cruza, Luan Peres protege a bola, Aranha cata.
  • 52 Barbosa parte pra cima da defesa da Ponte, puxa pra direita e chuta. Marllon corta.
  • 53 Cruzeiro vai pro abafa. Henrique e Hudson emparedam a Ponte.
  • 54 Ponte toda na defesa. Só Lucca ainda dá as caras no ataque.
  • 55 Torcida Ponte chegou no intervalo e faz barulho.
  • 56 TROCA. Jean Patrick x Fernando Bob.
  • 57 AMARELO. Barbosa, por reclamação.
  • 58 Barbosa cobra falta na esquerda. Dá em nada.
  • 59 Barcelos cruza, Lucca não alcança, Elton fica com a bola, mas erra passe pra Sheik.
  • 60 Neves, na esquerdo da área, chuta cruzado, bola fica na bequeira da Macaca.
  • 61 MILAGRE. Neves recebe de Manoel, ajeita pra canhota e chuta. bola passa por Aranha, Luan corta, de cabeça, quase na risca.
  • 62 Rafinha cai na área, jogo não para, Cruzeiro continua atacando, ele levanta e segue no jogo.
  • 63 CRUZAMENTOS: Cruzeiro 16×1.
  • 64 FINALIZAÇÕES na etapa final: Cruzeiro 8×0.
  • 65 Sheik vai pra centroâvancia, Lucca fica mais atrás.
  • 66 Cruzeiro erra saída de bola, Sheik passa a Nino Paraíba, que cruza. Lucca está impedido.
  • 67 Rafael Marques vai pro jogo.
  • 68 Sobis vai sair, Ele não consegue jogar bem há séculos.
  • 69 TROCA. Sobis x Rafael Marques
  • 70 Barcelos cobra corner, tentando gol olímpico. Bola fica na rede, pelo lado de fora.
  • 71 Ezequiel chuta de longe, bola passa à direita de Aranha.
  • 72 TROCA. Wendel x Jorge Mendoza
  • 73 GOL. Blitz cruzeirense. Hudson entra na área e chuta cruzado, bola bate na biqueira, Alisson pega o rebote e chuta. Aranha defende parcialmente, Neves, se abaixa pra cabecear. Bola na rede! CRUZEIRO 1×1.
  • 74 TORCIDA CELESTE explode de alegria.
  • 75 GOL. Neves cobra corner na direita, Manoel sobe no meio da área e cabeceia no canto esquerdo de Aranha. CRUZEIRO 2×1.
  • 75 7º GOL de Thiago Neves no Brasileiro 2017. É o artilheiro celeste, com um gol a mais que Sassá.
  • 76 DEFESAÇA. Sheik recebe livre na área e chuta forte. Rafael defende com coragem, pois levou bolada na cara.
  • 77 AMARELO. Hudson, por falta em Mendoza.
  • 78 RAFAEL cai, jogo paralisado.
  • 79 Lucca cobra falta. Bola encobre a barreira, mas chega lenta e Rafael encaixa.
  • 80 TROCA. Alisson x Romero.
  • 81 Ponte tem pressa, mas não tem fôlego, nem talento pra mudar o panorama da partida.
  • 82 AMARELO. Elton, por falta em Hudson.
  • 84 PERIGO! Barcelos cobra corner na direita, Elton sobe muito alto e desvia de cabeça. Bola sai tirando tinta no travessão.
  • 85 SUSTO. Barcelos cobra corner na esquerda, Elton cabeceia, bola passa por cima do travessão.
  • 86 AMARELO. Rafael Marques, por reclamação.
  • 87 AMARELO. Elton, por falta em Neves. Quem fez a falta foi Elton.
  • 88 VERMELHO. Juiz atrás, retira cartão de Lucca e o aplicam Elton. É o segundo e o volante vai mais cedo pro chuveiro.
  • 89 Rafinha sai de campo carregado por Manoel e Henrique. Problema é na perna esquerda.
  • 90 TROCA. Rafinha x Elber.
  • 91 Cruzeiro administra o jogo tocado a bola.
  • 92 Cruzeiro está subindo pro 4º lugar, Ponte se mantém em 15º.
  • 93 Torcida Celeste se entusiasmou na etapa final e cantou velhos hits das arquibancadas.
  • 94 Ponte ataca, sem volúpia. Cansaço bateu.
  • 95 Cruzeiro segura a bola. Ponte não consegue articular um ataque mais.
  • 96 FIM de jogo.

Vídeos

Bastidores
Coletiva pós jogo
Um dia de Cruzeiro

Atuações

  • TORCIDA CELESTE, desanimada, enfarada de futebol, só entrou no jogo na etapa final, quando time encantoou a Ponte.
  • RAFAEL não tinha como defender o pênalti, mas salvou um gol de Sheik, no final. De resto, tranquilidade absoluta.
  • EZEQUIEL marcou bem, mas não foi criativo no ataque, fazendo sempre as jogadas mais previsíveis.
  • DIGÃO é um armário de portas abertas. E usou essa força sempre que necessário pra vencer as disputas. Boa partida.
  • MANOEL foi seguro na defesa e efetivo no ataque, com duas cabeçadas importantes, uma das quais a do gol da vitória. Ótimo retorno ao time.
  • RAFINHA foi o melhor, Zé dedicou o tempo todo. Os piores foram aqueles que pediram demissão e foram embora antes do mandato do Gilvan terminar.
  • BARBOSA vacilou logo no começo do jogo com um recuo de bola temerário, que acabou em pênalti e gol da Ponte. Mas não se deixou afetar pelo erro e jogou bem o restante da partida, com bons incursões ofensivas.
  • HENRIQUE fez outra grande partida, cumprindo bem seu papel de volante, apoiando a saída de bola, marcando e distribuindo bem o jogo. De quebra, dois chutes fortes, de fora da área, que levaram muito perigo ao arco pontepretano.
  • HUDSON, com seu dinamismo e força ofensiva, deu enorme contribuição à remontagem do placar, inclusive com participação direta no gol de empate.
  • RAFINHA ofereceu trabalho pesado, obediência tática e determinação ao time. Brilho, com ele, é se e quando for possível. Sua praia é a dedicação à causa.
  • NEVES marcou um gol e serviu pra outro. Isto já bastaria pra ser eleito o melhor do jogo, mas ele foi além. Buscou o jogo e se empenhou na remontagem do placar. Está realmente imbuído de fazer 20 gois e oferecer 15 assistências, meta que estabeleceu ao chegar o Cruzeiro.
  • ALISSON deu uma pancada, que avacalhou com o goleiro da ponte no gol de empate. E não mediu esforços no restante do jogo. saiu mais cedo, cansado.
  • SOBIS não consegue ser nove e nem falso nove. A fase é ruim e a confiança evaporou. Saiu mais cedo, um pouco antes da virada e foi vaiado. Pouco, mas foi.
  • ROMERO jogou 15 minutos e não deu carrinhos. Sempre de pé’, ajudou a bloquear o pessoal de frente da Ponte.
  • MARQUES um pouco menos de meia hora, viu a virada do placar e percebeu que seria preciso conter o ímpeto dos campineiros. E foi nisto que se destacou.
  • ELBER jogou cinco minutos, com muita disposição.
  • LOBO escalou corretamente, dando chance a alguns atletas que contribuíram com o time quando foram chamados a jogar. Nenhum decepcionou. Acertou também nas substituições.
  • CRUZEIRO começou devagar, quase parando, mas voltou aguerrido na etapa final e martelou até virar o placar, sob a batuta dos volantes, que empurraram o time, mesmo abrindo espaços pro contrataque a Macaca.
  • PONTE PRETA ganhou um pênalti de presente e saiu na frente, mas sem bons armadores e laterais nada criou e só se limitou a segurar a vantagem. E quando tomou a virada, nem pernas tinha mais pra salvar um ponto que fosse.
  • ÁRBITROS passaram despercebidos. O que é bom.

O que foi dito

  • SIDNEI LOBO: Os jogadores corresponderam e viramos um jogo duríssimo. Eles tiveram a grandeza do time campeão da Copa do Brasil. Houve um relaxamento natural, teve o problema da política, mas eles conseguiram reagir. Tenho certeza que daqui pra frente vai ser assim. No 1º tempo, tivemos muita posse, mas não conseguimos chegar ao gol do Aranha. Acabamos sofrendo um gol que era tudo o que a Ponte queria. Tínhamos observado a desenvoltura da Ponte após a chegada do Eduardo Baptista, que veio com uma proposta de time fechado. Pro 2º tempo, eu trouxe o Rafinha pra dentro e abri o Alisson, dando liberdade também pro Ezequiel, pra confundir um pouco a marcação da Ponte. Fomos premiados com essa virada importante, que coroou todo o trabalho da semana.
  • MANOEL: Todo mundo sabe a dificuldade que foi volta e o que fiz pra voltar mais rápido ao time. Fico feliz de voltar e ajudar minha equipe nesta vitória muito importante.
  • NEVES: O primeiro tempo foi bem morno. com nosso time atacando pouco, tocando bola do lado pra trás, irritando a torcida, que pensa que estamos sem vontade. Isso foi tomarmos o gol. e despertarmos. No vestiário, ficamos em silêncio. Todo mundo sabia que não precisava falar nada, que estava muito ruim. Voltamos bem melhores e merecemos a vitória.
  • RICARDO ROCHA, comentarista do SporTV: Muitas vezes, os times campeões largam o campeonato. O Cruzeiro não e está certo, tem que demonstrar que não só foi campeão, mas que tem condição de fazer uma grande campanha no Brasileiro. Thiago Neves está fazendo uma bela campanha. Não conheço um jogador que saia da Arábia, retorne ao Brasil e chegue arrebentando. É difícil, é outro futebol, precisa de tempo. Mano teve paciência e ele está muito bem, está sendo decisivo.
  • CELESTE CAMPOS: O 1º tempo do Cruzeiro foi parecido com a da maioria dos jogo deste Brasileiro: Saída de bola ruim e nenhuma produção ofensiva.
  • BRUNO BARROS: Time jogava bem, tinha acabado de virar o placar, com Alisson dando trabalho ao Nino Paraíba e o Lobo inventou botando outro volante. O que aconteceu? O time recuou e levou uma pressão desnecessária. O conceito de futebol do Mano e seus parceiros é complicado, viu! Eles gostam de ferrolho.
  • PAULO SOUZA: A torcida apoiou do início ao fim. No 2º tempo, com o time pressionando, ela intensificou o apoio, pois era preciso virar o placar.
  • ROMAROL: Foi só o Sobis sair, que o time fez os gol de que precisava.

Fontes

Transmissão

  • Sportv