Cruzeiro 2x0 Tupi - 17/01/2018

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Botafogo.png 2x2 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Caldense.png 0x0 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Mineiro 2018
← Primeira ficha Gol aos do Escudo Caldense.png 0x0 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Mineirão
Escudo Cruzeiro.png 0x1 Escudo Vasco.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 4x0 Escudo Uberlândia.png
Contra Tupi
Escudo Tupi.png 0x4 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Tupi.png 0x1 Escudo Cruzeiro.png

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
2 × 0 Escudo Tupi.png
Tupi
1ª rodada do Campeonato Mineiro 2018
Data: 17 de janeiro de 2018 Local: Belo Horizonte, MG
Horário: 21:45 Estádio: Mineirão
Árbitro: Murilo Francisco Misson Júnior Público pagante: 39.025
Assistente 1: Guilherme Dias Camilo Público presente: 42.484
Assistente 2: Pedro Araújo Dias Cotta Renda: R$ 529.917,00 R$ 529.917 <br />Cr$ 529.917 <br />NCr$ 529.917 <br />Cz$ 529.917 <br />NCz$ 529.917 <br /> (preço médio: R$ 13,58 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Cruzeiro: Tupi:

1. Fábio 1. Vilar
29. Lucas Romero 2. Afonso
3. Léo 3. Sidimar Cartão amarelo recebido aos 44  (2T) 44'  (2T)  
4. Murilo Cartão amarelo recebido aos 13  (2T) 13'  (2T)   4. Wellington
6. Egídio 6. Udson
8. Henrique Cartão amarelo recebido aos 9  (2T) 9'  (2T)   5. Léo Costa
5. Ariel Cabral 7. Francesco
19. Robinho  Gol aos 7 do  (2T) 7'  (2T) Substituição realizada 25' (2T) de jogo 25' (2T) ( 20. Bruno Silva ) 10. Paulinho Cartão amarelo recebido aos 41  (1T) 41'  (1T)   Substituição realizada 31'(2T) de jogo 31'(2T) ( Kalu )
10. De Arrascaeta Substituição realizada 27' (2T) de jogo 27' (2T) ( 30. Thiago Neves ) 8. Rodrigo Dias Substituição realizada 18'(2T) de jogo 18'(2T) ( 19. João Vítor )
18. Rafinha  Gol aos 15 do  (2T) 15'  (2T) Substituição realizada 32' (2T) de jogo 32' (2T) ( 7. Rafael Sóbis ) 11. Patrick
9. Fred 9. Rodrigo Substituição realizada 27'(2T) de jogo 27'(2T) ( 16. Tiaguinho )
Técnico: Mano Menezes Técnico: Eder Bastos
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: Tupi:
12. Rafael
24. Lucas França
25. Marcelo Hermes
28. Digão
27. Manoel
16. Lucas Silva
13. Nonoca
14. Judivan
15. Rafael Marques

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 21h35 TIMES em campo. Cruzeiro: Uniforme tradicional. Tupi: Camisa com parte cinza e parte branca, calção e meia preta.
  • 21h40 HINO Nacional
  • 21h45 COMEÇA o jogo. Cruzeiro, a direita das tribunas. Tupi dá a saída.
  • 01 Tupi vai ao ataque. Lateral cobrado sobre a área celeste, Fábio corta de soco.
  • 02 PÚBLICO muito bom. Dois terços do estádio o ocupados.
  • 03 Robinho cruza da direita, bola sobra pra Egídio, que chuta pra fora.
  • 04 ORGANIZADAS: Jovem, FanatiCruz, Máfia, Motozeiros, Cachazeiros, Varginha, Pavilhão, China, Rapozama.
  • 05 Tupi tenta de novo em cobrança de lateral direto para a área. Fábio segura firme.
  • 05 Cruzeiro ataca pela direita. Tupi ganha um lateral.
  • 06 Sidimar derruba Fred. Falta de média distância.
  • 07 Robinho cobra falta, pra fora.
  • 08 QUASE! Arrascaeta invade a área pela direita e cruza rasteiro. Fred não alcança a bola.
  • 09 Murilo acaba com ataque alvinegro, que fica com um lateral. Cobrança dá em nada.
  • 10 Arrascaeta cobra corner na esquerda, Bola atravessa a área carijó e sai pelo oposto.
  • 11 Arrascaeta arma jogada pelo meio, Cruzeiro tem escanteio na direita.
  • 12 Robinho cobra corner, ninguém se aproveita.
  • 13 Rafinha crua da direita, Patrick cede corner, Cobrança dá em nada.
  • 14 Robinho cruza da direita, Fred, marcado em cima, não consegue arrematar.
  • 15 Fred ajeita pra Arrascaeta, que chega chutando. Bola sai pela linha de fundo.
  • 16 Cruzeiro trabalha na direita, Tupi fecha a porta, bola vai pro lado esquerdo e termina em cruzamento de Egídio, que Henrique não alcança.
  • 17 Torcida Celeste canta alto.
  • 18 Patrick arranca da meiuca, deixa Romero pra trás, encara Leo e cruza, mas não encontra ninguém de seu time na área pra arremartar.
  • 19 Outros jogos: Tombense 1×0 Villa Nova, América 2×1 Patrocinense,
  • 19 POSSE DE BOLA: Cruzeiro, 71%.
  • 20 Patrick cai sentindo dores no pé, nada grave.
  • 21 DEFESAÇA. Robinho entra na área pela direita e levanta bola pra Egídio, que cabeceia fome. vilar faz uma ponte e espalma pra corner.
  • 22 Robinho faz jogada de linha de fundo na direita, Leo Costa manda bola pra corner.
  • 23 QUATRO chances de gol já foram criadas pelo cruzeiro.
  • 23 Fábio está completando 746 jogos com a camisa do Cruzeiro.
  • 24 Alexandre Barroso pede que o Tupi se arme com duas linhas de quatro, mas tente sair de vez em quando pra não ser amassado.
  • 25 Wellington desfaz ataque celeste e sai jogando. Ele foi revelando pelo Cruzeiro.
  • 26 Afonso cobra lateral na área celeste, Leo corta.
  • 27 Udson cobra lateral na esquerda, jogando a bola na área celeste. Leo corta.
  • 28 Tupi arma boa jogada ofensiva, mas Henrique drama Rodrigo.
  • 29 FALTAS: Tupi 3×0.
  • 30 Afonso chuta de longe, com força, mas sem pontaria.
  • 31 Patrick passa por Romero, mas sai coma bola pela lateral.
  • 32 Robinho cruza direita, bola acerta as costas de Wellington e sai da área carijó.
  • 33 Rafinha cruza direita, Fred não consegue cabecear.
  • 34 Afonso cruza direita, Murilo crta de cabeça.
  • 35 PREJUÍZO. Fred recebe em posição legal e serve Arrascaeta, que manda pra rede. Bandeira marca impedimento do centroavante e erra.
  • 36 Udson derruba Rafinha, Corner de mangas curtas na direita.
  • 37 Robinho cobra a falta, Leo cabeceia pra fora.
  • 38 Udson tenta caneta em Romero e fica sem a bola.
  • 39 Robinho derruba Paulinho. Primeira falta do Cruzeiro.
  • 40 CHAPÉU de Leo Costa em Arrascaeta. Na sequência, Egídio comete falta em Rodrigo. Cobrança na pontadestra dá em nada.
  • 41 AMARELO. Paulinho, por pisar em Henrique.
  • 42 ENCERRADO Democrata 1×2 Caldense, em Governador Valadares.
  • 42 Tupi acalmou-se, acalma o jogo e respira.
  • 43 Rafinha cruza da direita, Fred cabeceia pra fora.
  • 44 Cabral, Arrascaeta e Egídio armam jogada na esquerda. Defesa carijó fecha as portas.
  • 45 Romero tabela com Cabral, Paulinho chega pra acabar com a jogada.
  • 46 FIM de 1ª tempo. Cruzeiro criou, mas não marcou. Tupi se safou, mas não ameaçou a defesa celeste.

Segundo Tempo

  • 22h48 COMEÇA o 2º tempo. Cruzeiro dá a saída.
  • 46 Wellington sola Rafinha. Falta na pontadestra.
  • 46 Egídio cobra falta, Vilar se choca com Leo, juiz marca falta.
  • 47 CERA. Vilar ganha um minuto simulando contusão.
  • 48 Leo Costa desarma jogada de ataque celeste, mas é derrubado por Romero, quando tenta contratacar.
  • 49 Cabral lança Egídio, que cruza da linha de fundo. Sidimar corta.
  • 50 Rodrigo vai ao fundo pela direita e cruza, Henrique fica com a bola e sai jogando.
  • 51 Romero recebe na área carijó, mas é desarmado por Sidimar.
  • 52 GOL. Fred aciona Rafinha na esquerda. O ponta cruza pra trás e encontra Robinho na meia-lua. O meia ahjeita e manda a bola pra rede. CRUZEIRO 1×0.
  • 53 AMARELO. Henrique, por falta em Leo Costa.
  • 54 Patrick recebe cruzamento e cabeceia nas mão de Fábio.
  • 55 TIROU TINTA. Fred tabela com Arrascaeta e finaliza de biquinho. Bola sai tirando tinta no pé do poste esquerdo.
  • 56 Torcida Celeste faz muito barulho.
  • 57 BALIZA. Henrique lança Arrascaeta e aparece na área pra finalizar. Bola acerta o poste esquerdo.
  • 58 Cruzeiro finalizou 12 vezes (4 com Fred).
  • 59 AMARELO. Murilo, por falta em Leo Costa.
  • 60 GOL. Robinho passa a Henrique, que dribla o goleiro e rola pra Rafinha. O ponteiro arremata de letra. CRUZEIRO 2×0.
  • 61 Vilar reclama impedimento que não houve no lance do gol.
  • 62 Arrascaeta invade a área e rola pro meio, defesa carijó corta.
  • 63 TROCA. Rodrigo Dias x João Victor.
  • 64 Udson derruba Rafinha, juiz manda seguir.
  • 65 Leo Costa chuta de longe, pra fora.
  • 66 Egídio cruza da esquerda, pra fora.
  • 67 Robinho cruza direita, defesa alvinegra corta.
  • 68 Udson cruza da esquerda, Leo Costa cabeceia. Pra fora.
  • 69 João Victor passa a Udson, que cruza da esquerda. Bola desvia em Romero. Corner cobrado dá em nada.
  • 70 TROCA. Robinho x Bruno Silva.
  • 70 CAMISA 20. Bruno Silva faz o primeiro desarme. Lateral, Tupi.
  • 71 Bola esticada pela defesa carijó, Patrick não alcança. Tiro de meta, Cruzeiro.
  • 72 TROCAS. Rodrigo x Tiaguinho, Arrascaeta x Thiago Neves.
  • 73 Cruzeiro troca passes na defesa.
  • 74 Murilo lança Fred, que está cercado por dois carijós.
  • 75 Fred põe Rafinha na cara do gol. O pontinha aplica drible de corpo no goleiro, mas Udson tira quase em cima da risca.
  • 76 TROCA. Paulinho x Kalu.
  • 77 TROCA. Rafinha x Sobis.
  • 77 Ataque campeão brasileiro de 2012 com o Fluminense está em campo: Neves, Fred e Sobis.
  • 78 Bruno cruza da direita, Fred não chega a tempo de finalizar.
  • 78 Cruzeiro troca passes, sem pressa.
  • 79 ENCERRADO: Uberlândia 0x2 Urt.
  • 79 Cabral derruba Kalu. Tupi tenta sair pro jogo, mas no tem força.
  • 80 Neves tenta tabelar com Cabral, Kalu impede.
  • 81 Murilo cede corner na pontadestra do Tupi. Cobrança feita, Leo corta.
  • 82 Fred chuta de fora da área, pra fora.
  • 83 FINALIZAÇÕES: Cruzeiro 14×10. Perigosas: Cruzeiro 9×0.
  • 84 Neves lança Fred, que tenta driblar Sidimar na área, mas é desarmado.
  • 85 Neves tenta jogada na pontesquerda, mas não consegue cruzar.
  • 86 Bruno comete falta em Udson, que pede amarelo, Juiz não dá.
  • 87 Tiaguinho prende a bola na meiuca até ser derrubado por Sobis.
  • 88 MIRIAM FORTUNA é a presidente do tupi. Única mulher neste ofício em Minas.
  • 89 AMARELO. Sidimar, por falta em Sobis.
  • 90 Cruzeiro prende a bola, não quer mais confusão.
  • 91 MVP foi Rafinha, segundo Bob Faria, comentarista da Globo.
  • 92 Bola cruzada da esquerda, Neves cabeceia, Vilar defende.
  • 93 FIM de jogo. Cruzeiro podia ter feito pelo menos uns dois gols a mais.
  • FRED: “Está faltando só o ritmo mesmo. Depois que os músculos caírem no lugar e o ritmo chegar, será gol atrás de gol. Não tenho dúvida. Estou muito feliz com a vitória e esse reencontro. Estava parecendo um menino ansioso. Por mais experiente, mais rodado, com muitos jogos, chegar no Mineirão na reestreia e ver quase 50 mil, me deixou ansioso e mexeu com o meu emocional”.

Vídeos

Pré jogo
Coletiva pós jogo

Atuações

  • TORCIDA CELESTE foi protagonista, com alto comparecimento e muito entusiasmo. Fred mostrou enorme poder de convocatória e o torcedor mostrou o quanto é carente de ídolos. Bela festa.
  • FÁBIO quase não trabalhou. As poucas bolas que aparecerem, ele catou sem problemas.
  • ROMERO enfrentou o melhor atacante do Tupi, o veloz Patrick. E também o habilidoso Udson, que foi ao ataque na etapa final. No fim das contas, empatou o duelo, vencendo e perdendo disputas diretas. Quanto ao entusiasmo, foi o de sempre.
  • LEO foi soberano nas bolas altas nas duas áreas. Nas rasteiras, fez boa cobertura da lateral direita e não complicou na troca de passes e combates diretos.
  • MURILO, o veterano de 20 anos que dá gosto ver jogar, deu gosto de ver jogar. Sempre tranquilo e preciso, quase não erra.
  • EGÍDIO não foi muito exigido na defesa e apareceu bem no apoio. Em seu melhor momento, arrematou de cabeça uma bola cruzada, como se fosse um centroavante. A jogada consagrou o goleiro Vilar, que fez uma defesaça.
  • HENRIQUE fez tudo certo na volância e foi ao ataque com perigo, mandando uma bola no poste e servindo pro segundo gol.
  • 
CABRAL facilitou a vida de todo mundo, com seus passes perfeitos.
  • ROBINHO participou intensamente, armando e atacando. E fez o gol que abriu a porteira do Tupi, com uma finalização perfeita.
  • 
BRUNO entrou quando o jogo estava decidido e ocupou a faixa direita do ataque. Deu ao menos duas pancadas desnecessárias e não mostrou habilidade. Começou perdendo na comparação com Robinho.
  • ARRASCAETA, jogando na esquerda ou no centro do ataque, foi quem mais criou jogadas ofensivas, com tabelas e penetrações na defesa carijó. Esbanjou habilidade e visão de jogo.
  • NEVES jogou pouco tempo e tentou algumas jogadas agudas. Com a intensidade possível pra quem quase não treinou na pré-temporada.
  • RAFINHA trabalhou com desenvoltura pelos dois lados do campo, serviu pra abertura do placar e fez o segundo gol. Uma atuação de quem não quer ser apenas opção tática na temporada.
  • FRED jogou bem, passando, tabelando, fazendo pivô e chutando. Faltou o gol. Fica pra outro jogo. —– FRED finalizou 4 vezes: 3 na etapa inicial, 1 na final. Aos 8, posicionou-se bem, mas deixou a escapar do pé direito quando tentou a finalização de carrinho, com o gol aberto, após assistência de Robinho. O deslize não o desanimou e ele mostrou qualidade pra fazer o pivô. Por duas vezes, colocou Arrascaeta em boas condições pra finalizar. Numa delas, o camisa 10 balançou a rede, mas a arbitragem, equivocadamente, assinalou impedimento. No 2º tempo, Fred participou da jogada do primeiro gol ao tabelar com Rafinha, que invadiu a área e serviu Robinho. Aos 55, ele recebeu passe de Arrascaeta e finalizou na rede, pelo lado de fora. Já cansado no decorrer da etapa complementar, passou a se concentrar na troca de passes e não foi tão incisivo nos arremates. [SUPERESPORTES]
  • SOBIS entrou no fim e deu um gás na marcação.
  • CRUZEIRO surpreendeu pela desenvoltura ofensiva, com passes, tabelas, deslocamentos e muitas finalizações. Podia ter feito ao menos dois golos a mais.
  • TUPI defendeu-se como e até quando pôde. O volante Leo Costa, o atacante Patrick, o goleiro Vilar e os beques Wellington e Sidimar foram os destaques. Ninguém enterrou o time. Os maiores problemas foram a falta de criatividade do meio-campo e pouca contundência do ataque.
  • ÁRBITROS tiveram desempenhos diferentes. O Juiz e o bandeira número um acertaram tudo, O bandeira dois marcou impedimento inexistente de Fred numa jogada em que Arrascaeta tinha chance de abrir o placar.

O que foi dito

  • MANO MENEZES: Houve uma ansiedade natural. Todo mundo sabe que um 9, com o histórico do Fred, é quem vai marcar em momentos importantes. Então, aceleraram um pouco. Lembro que quando Thiago Neves chegou eu o coloquei pra bater pênalti e ele errou. A experiência ensina que não precisa ansiedade. Naturalmente as coisas vão acontecer. Mas o Fred participou de triangulações, fez o pivô, ajudou nas jogadas dos gols. A equipe naturalmente vai achar seus caminhos. Temos mais jogadores pra dividir responsabilidades. E temos um time com um grande poder de criação e logo logo a bola entra pra ele também, como aconteceu com Robinho e Rafinha hoje. Importante foi o torcedor gostar do que viu, dos passos que a direção tomou pra qualificar o grupo. Tínhamos obrigação de vencer. Conseguimos e joganos bem, o que não é fácil pra uma estreia, com menos de 14 dias de treinamento. Isso incentiva o torcedor a voltar na próxima partida. Fizemos 2×0, criamos umas 10 oportunidades de marcar. Isso tem a ver com a base que a gente manteve.
  • FRED: Faltou só ritmo mesmo. Depois que os músculos caírem no lugar e o ritmo chegar, será gol atrás de gol. Não tenho dúvida. Estou muito feliz com a vitória e esse reencontro. Estava parecendo um menino ansioso. Por mais experiente, mais rodado, com muitos jogos, chegar no Mineirão na reestreia e ver quase 50 mil, me deixou ansioso e mexeu com o meu emocional.
  • DOUGLAS VELLOSO: Jogo intenso até a saída dos gols. O Cruzeiro imprimiu velocidade acionando sempre Rafinha e Robinho. A equipe mostrou aquilo que se previa, com dois jogadores de cada lado fazendo a saída no meio campo, com laterais mais contidos e o atacante de referência se movimentando pra abrir espaços na última linha e fazer o pivô. O Tupi tinha caixa pra mais. Não fosse a curta pré-temporada, o Cruzeiro teria mais sorte. Destaco Rafinha, Robinho, Henrique e Fred num jogo em que todos jogaram bem.
  • BRUNO BARROS: Valeu a tentativa de jogar com Arrascaeta na esquerda, numa clara intenção de tentar encaixá-lo na equipe ao lado de Thiago Neves e Fred no decorrer da temporada. Mas acho difícil dar certo pela característica do uruguaio. Ele fica torto fazendo essa função. Na 2ª etapa, voltou pra sua posição e rendeu mais. Prevejo algumas chiadeiras mais barulhentas quando o pessoal perceber que ele ficará no banco. A não ser que barre o Thiago Neves.
  • JOÃO COSTA: Todos se apresentaram bem, dentro do esperado pra um início de temporada, estreias e recomeços etc. Destaco, no entanto, a performance do Egídio como excelente, parecendo que nunca esteve fora desse time.
  • MAURO FRANÇA: Para um primeiro jogo de temporada o time foi bem e teve pontos positivos, especialmente na movimentação ofensiva, com tabelas e triangulações interessantes.
  • JOTA JOTA: A Torcida Celeste foi o melhor da noite. Quarenta e duas mil pessoas numa estreia de Campeonato Mineiro é algo digno de aplausos.
  • ERNANE SIQUEIRA: Excelente partida do Cruzeiro. Egídio estava em casa.

Fontes

Transmissão

  • PPV
  • GloboMG