Cruzeiro 0x1 CSA - 28/11/2019

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Santos.png 4x1 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Vasco.png 1x0 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Brasileiro 2019
Escudo Santos.png 4x1 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Vasco.png 1x0 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Mineirão
Escudo Cruzeiro.png 0x0 Escudo Avaí.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 0x2 Escudo Palmeiras.png
Contra CSA
Escudo CSA.png 1x1 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Última ficha →

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
0 × 1 Escudo CSA.png
CSA
35ª rodada do Campeonato Brasileiro 2019
Data: 28 de novembro de 2019 Local: Belo Horizonte, MG
Horário: 21:30 Estádio: Mineirão
Árbitro: Vinícius Gonçalves Dias Araújo Público pagante: 30.197
Assistente 1: Miguel Cataneo Ribeiro da Costa Público presente: 34.290
Assistente 2: Bruno Salgado Rizo Renda: R$ 354.764,00 R$ 354.764 <br />Cr$ 354.764 <br />NCr$ 354.764 <br />Cz$ 354.764 <br />NCz$ 354.764 <br /> (preço médio: R$ 11,75 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Cruzeiro: CSA:

1. Fábio 12. Jordi Cartão amarelo recebido aos 30  (1T) 30'  (1T)  
28. Orejuela 8. Dawhan
3. Léo 3. Alan Costa Gol aos 43 do  (1T) 43'  (1T)
14. Cacá 4. Luciano Castán
6. Egídio 26. Rafinha Substituição realizada de jogo ( 15. Jean Kléber )
8. Henrique 7. João Vitor Cartão amarelo recebido aos 28  (2T) 28'  (2T)  
15. Éderson Substituição realizada Intervalo de jogo Intervalo ( 19. Robinho ) 10. Nilton
10. Thiago Neves 20. Apodi Substituição realizada 23'(2T) de jogo 23'(2T) ( 23. Bruno Alves )
17. Ezequiel Santos Substituição realizada 23' (2T) de jogo 23' (2T) ( 99. Sassá ) 29. Jonatan Gomez Cartão amarelo recebido aos 12  (2T) 12'  (2T)  
32. Pedro Rocha 16. Euller Cartão amarelo recebido aos 23  (1T) 23'  (1T)   Substituição realizada 13'(2T) de jogo 13'(2T) ( 13. Warley )
9. Fred Substituição realizada Intervalo de jogo Intervalo ( 37. Joel ) 9. Ricardo Bueno
Técnico: Abel Braga Técnico: Argel Fucks
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: CSA:
12. Rafael
39. Vitor Eudes
2. Edilson
5. Ariel Cabral
11. David
20. Marquinhos Gabriel
25. Fabrício Bruno
27. Jadson
36. Rafael Santos

Pré-Jogo

CLASSIFICAÇÃO: Cruzeiro é o 17º, com 36 pontos, Csa, o 18º, com 28.

RANKING da CBF: Cruzeiro é o 2º, com 15.822 pontos, CSA, o 45º, com 2.850 pontos.

TRANSMISSÃO: Sportv (menos MG) e Premiere, com narração de Rogério Corrêa e comentários de Bob Faria e Fábio Júnior.

TEMPO chuvoso, temperatura 24º, vento 10 Km/h, umidade 76%.

ARBITRAGEM: Vinícius Gonçalves Dias Araújo, Miguel Cataneo Ribeiro da Costa, Bruno Salgado Rizo (SP). VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP).

CRUZEIRO: Fábio — Orejuela, Cacá, Leo, Egídio — Henrique, Ederson — Ezequiel, Neves, Rocha — Fred. T: Abel Braga.

BANCO: Rafael, Edílson, Fabruno, Rafael Santos, Jadson, Cabral, Robinho, Marquinhos Gabriel, David, Joel, Sassá.

AUSENTES: Dedé, Rodriguinho. Dodô lesionados).

PENDURADOS: Robinho, Egídio, Neves, Henrique, Dodô, Jadson, Edilson, David, Fábio, Orejuela, M Gabriel, Dedé, Cabral e Rodriguinho.

CSA: Jordi — Dawhan, Alan Costa, Castán, Rafinha — Nílton, João Vítor, Jonatan Gomez, Euller — Apodi, Ricardo Bueno. T: Argel Fucks.

BANCO: João Carlos G, Fabrício G, Lucas Dias B, Ronaldo Alves B, Jean Cleber V, Warley L, Matheus Prado M, Bruno Alves M, Didira M, Safira A.

AUSENTES: Alecsandro, Bustamante, Cajuru, Pedroso, Naldo (lesionados).

PENDURADOS: Apodi, Alan Costa, Warley, Ricardo Bueno, Jonatan Gómez, Jean Cleber, Carlinhos e Naldo.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 0 Bola rolando no Mineirão.
  • 0 CSA tenta a primeira descida, mas Ricardo Bueno estava em posição de impedimento.
  • 1 Egídio serve Pedro Rocha na esquerda. O atacante tenta passar por Dawhan, que protege a bola e ganha o tiro de meta.
  • 2 Thiago Neves cobra falta na área do time alagoano, porém Alan Costa faz o corte parcial. Na sequência, Jonatan Gomez completa o serviço.
  • 3 João Vitor dá lançamento longo para Apodi, que não domina e a bola vai parar nas mãos de Fábio.
  • 5 Ricardo Bueno tenta passar por Henrique e sofre a falta do volante cruzeirense.
  • 6 Éderson faz boa jogada individual, invade a grande área, mas na hora do chute é travado na hora certa pelo zagueiro do Azulão.
  • 8 Euller desarma Egídio no campo de defesa, e, na sequência, sofre falta.
  • 9 Cruzeiro toca a bola na intermediária e busca espaço na defesa do CSA.
  • 11 Fred gira para cima do defensor do CSA na área, avança com a bola, mas o cruzamento vai nas mãos do goleiro alagoano.
  • 13 Pedro Rocha tenta a tabela com Fred, mas a devolução do camisa 9 vai parar no pé de Dawhan.
  • 14 Orejuela cobra lateral na área, e Alan Costa sobe para afastar o perigo.
  • 15 Rafinha cobra falta fechada na área do Cruzeiro, porém Cacá faz o corte.
  • 16 Cacá cobra o lateral na área e, desta vez, Jordi fica com a bola.
  • 18 Thiago Neves carrega a bola pela direita, corta para o meio e finaliza para o gol. Jordi, no centro da sua meta, faz defesa tranquila.
  • 21 Ezequiel dá passe bonito de calcanhar para Orejuela, que vai até a linha de fundo e cruza na área. João Vitor, de carrinho, faz o corte cirúrgico.
  • 23 Apodi recebe passe na velocidade de Euller, mas é desarmado, na bola, por Cacá.
  • 23 Cartão amarelo para Euller.
  • 25 Após dividida com Pedro Rocha, João Vitor estica muito a perna direita e cai no gramado pedindo atendimento.
  • 26 João Vitor recebe atendimento fora do gramado, volta para campo e o jogo recomeça.
  • 27 Thiago Neves cobra falta fechada na área, e a bola passa por todos os jogadores e sai pela linha de fundo.
  • 28 Éderson tenta a finalização, mas a bola bate na cabeça de Luciano Castán.
  • 29 Fred ajeita de cabeça para a área, Pedro Rocha finaliza prensado com o defensor do CSA, e a bola vai por cima da meta de Jordi.
  • 30 Cartão amarelo para Jordi por retardar a cobrança de tiro de meta.
  • 31 Apodi avança pelo lado esquerdo, divide com Éderson e sai com a bola pela linha lateral.
  • 32 Ezequiel rouba a bola no campo de defesa, avança em velocidade, porém, na hora do passe, João Vitor faz o corte.
  • 33 Fred dá o passe para Ezequiel, que dá o drible da vaca em Rafinha e cai pedindo a falta. O árbitro manda o jogo seguir.
  • 35 Henrique encontra Fred na segunda trave, e, na hora de cabecear, é bloqueado por Alan Costa.
  • 35 Boa trama do ataque do Cruzeiro. Thiago Neves, Pedro Rocha, Fred, que devolve para o camisa 32 na frente de Jordi. A finalização passa à esquerda de Jordi.
  • 37 Desta vez, Pedro Rocha cai no gramado pedindo atendimento.
  • 38 Orejuela tenta cruzamento na área do CSA, mas a bola sai por trás do gol de Jordi.
  • 40 Pedro Rocha inverte o jogo para Orejuela, que na hora de dominar, bate de canela na bola.
  • 42 Pedro Rocha vai tentar fazer o corte, mas a bola vai para trás e sai para escanteio.
  • 42 Rafinha cobra escanteio na área, Ricardo Bueno cabeceia para o gol, e Fábio faz grande defesa. Na sobra, Alan Costa empurra para o gol vazio.
  • 45 Árbitro sinaliza mais quatro minutos.
  • 45 Pedro Rocha cobra falta fechada na área, e Luciano Castán corta o perigo para a equipe alagoana.
  • 46 Apodi toca para Ricardo Bueno, que ajeita para o pé direito e finaliza no meio do gol, para tranquila defesa do goleiro cruzeirense.
  • 47 Ezequiel faz jogada individual pelo meio, corta para a esquerda e chuta sem perigos para o gol de Jordi.
  • 49 CSA vai vencendo o Cruzeiro por 1 a 0 no Mineirão.

Segundo Tempo

  • 0 Bola volta a rolar no Mineirão.
  • 0 ENTRA Robinho
  • 0 SAI Éderson
  • 0 ENTRA Joel
  • 0 SAI Fred
  • 1 Cruzamento de Egídio na área, e Alan Costa afasta para o meio da área. Na sobra, Ezequiel bate no meio do gol e o goleiro do Azulão espalma para escanteio.
  • 2 Na cobrança de escanteio de Thiago Neves, Nilton afasta na primeira trave.
  • 3 Alan Costa faz um lançamento longo, mas a bola vai muito forte e Léo faz a proteção até a saída da bola pela linha de fundo.
  • 4 Ricardo Bueno tenta passe para Jonatan Gomez, e a bola sai direto para linha lateral.
  • 5 Thiago Neves recebe na esquerda, bate para o meio da área, mas Alan Costa faz mais um corte.
  • 6 Egídio avança pela esquerda, e Dawhan corta para escanteio. Na cobrança, Luciano Castán afasta o perigo para o CSA.
  • 8 Rafinha tenta lançamento para Jonatan Gomez, e a bola vai direto para as mãos de Fábio.
  • 8 Thiago Neves cobra a falta na área, a zaga do CSA corta parcialmente, e Jordi sai para ficar com a bola.
  • 9 Mais uma vez Thiago Neves na bola. Ele avança pela esquerda, chuta para o gol, e Jordi, em dois tempos, faz a defesa.
  • 11 Thiago Neves cobra falta direto para o gol, a bola passa por cima da barreira e o goleiro do CSA faz boa intervenção.
  • 12 Cartão amarelo para Jonatan Gomez.
  • 13 ENTRA
  • 13 Warley
  • 13 SAI
  • 13 Euller
  • 13 Ezequiel acha bom passe para Robinho na área. O camisa 19 tenta o passe para Joel, mas Alan Costa tira a bola na hora exata.
  • 15 Pedro Rocha passa por Alan Costa, e cai após dividida com o zagueiro do CSA. Árbitro de vídeo fala com o juiz em campo.
  • 16 Após revisão no VAR, o árbitro marca a penalidade máxima para o Cruzeiro.
  • 19 Thiago Neves desloca o goleiro Jordi na cobrança, mas a bola vai para fora, a direita do goleiro alagoano.
  • 21 Rafinha cobra falta na área, a bola passa por todo mundo, e Fábio faz o golpe de vista, porém a bola pega no poste direito. Na sequência Cacá faz o corte.
  • 23 Robinho arrisca o chute de fora da área, e o goleiro alagoano faz boa intervenção para o CSA.
  • 23 ENTRA
  • 23 Bruno Alves
  • 23 SAI
  • 23 Apodi
  • 23 ENTRA
  • 23 Sassá
  • 23 SAI
  • 23 Ezequiel
  • 25 Sassá recebe na frente, porém o bandeira sinaliza o impedimento.
  • 26 Bruno Alves tenta avançar rapidamente para o ataque, mas tropeça e cai sozinho no campo.
  • 27 Sassá recebe cruzamento na área, domina, gira e bate, para mais uma boa defesa do goleiro do Azulão.
  • 28 Cartão amarelo para João Vitor por falta em Pedro Rocha na entrada da área.
  • 29 Torcida do Cruzeiro acende sinalizadores na arquibancada do Mineirão. Na sequência, os torcedores arremessam no gramado e se inica um tumulto nas arquibancadas.
  • 31 Robinho cobra falta, a bola desvia na barreira, e Jordi espalma a bola para o lado.
  • 32 Partida está paralisada no Mineirão pela confusão nas arquibancadas do estádio.
  • 34 Partida recomeça no Mineirão. Mas continua a confusão nas arquibancadas. E há muita fumaça no estádio por causa dos sinalizadores!
  • 35 Cacá recebe bola na lateral direita e lança para a grande área. Jordi sai do gol e faz a defesa para o CSA.
  • 35 O Cruzeiro toca a bola no campo de ataque, mas é vaiado pelo seu torcedor.
  • 36 Jonatan Gómez tenta avanço pela esquerda, mas é derrubado por Orejuela. O CSA controla a posse de bola e enerva ainda mais os ânimos do Cruzeiro.
  • 37 Egídio avança pela esquerda e cruza a bola para o centro da área. Jordi, sozinho, faz a defesa.
  • 37 Pedro Rocha recebe passe na grande área e cruza rasteiro para a marca do pênalti. A defesa do CSA afasta o perigo.
  • 38 Egídio cruza a bola da esquerda novamente. Ela vai para a pequena área, mas Jordi sai do gol e espalma para fora.
  • 39 Sassá tenta finalização para o gol, e a bola para na defesa do CSA.
  • 39 Zaga do CSA afasta de forma parcial, e o zagueiro Cacá bate de fora da área. Entretanto, a bola sobe muito e sai pela linha de fundo.
  • 41 ENTRA
  • 41 Jean Cléber
  • 41 SAI
  • 41 Rafinha
  • 41 Torcida cruzeirense continua vaiando o time. O Cruzeiro não parece ter mais forças para reagir e tentar, pelo menos, um empate.
  • 42 O CSA prende a bola no campo de ataque e tenta segurar o resultado que o mantém ainda na briga para não ser rebaixado.
  • 42 Egídio cruza bola da esquerda. Sassá e Joel sobem juntos, o camaronês cabeceia, e a bola vai para o meio do gol. Jordi cai na bola e espalma, impedindo o gol cruzeirense.
  • 43 Sassá recebe na entrada da área, limpa a marcação e solta a bomba. A bola bate em Nilton e não chega ao gol.
  • 45 Sassá recupera bola no campo de ataque e arrisca chute. A bola passa por cima do gol.
  • 45 Vamos até os 52 minutos.
  • 45 Árbitro recolhe uma garrafa d´água de plástico, arremessada no gramado do Mineirão.
  • 47 Robinho passa por Jonatan Gomez, e na sequência, sofre a falta.
  • 48 Robinho cobra na segunda trave, Henrique escora para o meio da área e a zaga do CSA afasta.
  • 49 Robinho cobra escanteio na área, e Jordi dá um tapinha para tirar a bola.
  • 50 Sassá tenta tirar do zagueiro do CSA, e a bola bate na mão do atacante. Árbitro sinaliza falta de ataque.
  • 51 Egídio cruza na área, e de soco, Jordi corta a bola.
  • 52 Mais um cruzamento na área do CSA, e Jordi sofre a falta.
  • 52 O CSA vence o Cruzeiro por 1 a 0 no Mineirão.
  • 52 Fim de jogo

Vídeos

Coletiva pós jogo

Atuações

  • TORCIDA CELESTE compareceu em bom número e apoiou o time o tempo quase todo. No fim, uma parte imbecilizada vaiou, outra atirou sinalizadores na cancha e criou tumulto. A maioria apenas sofreu calada. (Síndico)
  • FÁBIO fez um jogo protocolar, sem culpa no gol, aliás, operou um pequeno milagre no lance. (Fernando Henrique)
  • OREJUELA, pulmão e adrenalina a mil, mas sem tranquilidade pra arrematar assistências e tabelas. Garantiu bem a cobertura pelo seu flanco. (Fernando Henrique)
  • CACÁ não teve vida fácil, com Apodi mais insinuante pela esquerda. Mas se antecipou e venceu todas as disputas no mano-a-mano contra o velocista azulino. E ainda achou fôlego e criatividade para participar das construções ofensivas. (Fernando Henrique)
  • LEO, sem cometer erros, fez o básico, sem expor o time e o companheiro de zaga. (Fernando Henrique)
  • EGÍDIO tabelou, chutou, lançou incontáveis bolas na área mas não encontrou uma assistência preciosa que resultasse em gol. Previsibilidade do time pelo seu lado atrapalha seu estilo de jogo. (Fernando Henrique)
  • HENRIQUE foi o responsável direto pelo fato de o time não correr grandes riscos em contra-ataques. Garante todas as investidas da equipe. (Fernando Henrique)
  • EDERSON, pesadão, não é a dele jogar com a marcação dupla fungando no cangote o tempo inteiro. (Fernando Henrique)
  • EZEQUIEL, pouco efetivo e precipitado no primeiro tempo, foi sacado justamente quando encontrou espaços, fazia tabelas e parecia que ia desenrolar alguma coisa. (Fernando Henrique)
  • NEVES não precisava chamar tanta responsabilidade para si, bastaria ajudar o time. Excesso de preciosismo e autoconfiança é seu ponto fraco. (Fernando Henrique)
  • FRED jogou bem o primeiro tempo, fez duas boas jogadas de centroavante que quase resultaram em gol. Saiu porque o time ia precisar de correria absurda no segundo tempo. (Fernando Henrique)
  • ROCHA foi o melhor do jogo. Movimentou todo o ataque e foi responsável pelas jogadas mais contundentes do time. Cobrá-lo pelo escanteio que resultou no gol é estupidez. (Fernando Henrique)
  • ROBINHO, cerebral e voluntarioso, aproveitou muito bem o campo que teve para distribuir bolas e rodar o jogo deixando o ataque do time menos previsível e mais qualificado. (Fernando Henrique)
  • JOEL correu muito atrás de uma bola que nunca chegou, seja pelo desentrosamento ou pelo desespero que o time se meteu no segundo tempo. Poderia ter entrado mais perto do final da partida. (Fernando Henrique)
  • SASSÁ, participativo, encontrou espaços dentro e fora da área para levar perigo ao arco defendido pelos alagoanos, era o substituto natural de Fred. (Fernando Henrique)
  • ABEL fez uma boa mexida ao sacar Ederson e colocar Robinho. Segue o código de conduta dos jogadores e talvez por isso não tenha substituído Fred diretamente por Sassá, um erro, que o obrigou a sacar cedo Ezequiel em seu melhor momento no jogo. (Fernando Henrique)
  • CRUZEIRO tacou o tempo todo, encurralou o adversário, desperdiçou pênalti, perdeu gols e, por fim, parou nyma defesa que rebateu bolas e mais bolas. O resultado foi injusto, mas nada de se admiriar em futebol. (Síndico)
  • CSA atacou uma vez, fez um gol e acertou uma bola na baliza. No resto do tempo, se retrancou, contou coma sorte e a boa capacidade de seus defensores pra rebater bolas. (Síndico)
  • ÁRBITROS apitaram corretamente. Só faltou pulso pra expulsar o goleiro Jordi por excesso de cera. (Síndico)

O que foi dito

  • VALDIR BARBOSA: O presidente Wagner e o gestor de futebol Zezé Perrella estavam no estádio e foram ao vestiário antes do jogo, mas após não. Eles sempre vão, mas talvez até por essa tumulto não foram. Não sei se hoje atingiu o hall principal também, mas sempre atinge. A segurança está um pouco duvidosa aqui no Mineirão, conforme se viu no clássico, com invasão de camarote, invasão do setor de imprensa, invasão do hall. Eles não foram ao vestiário após o jogo, apenas mantiveram contato por telefone, dando ciência daquilo que está acontecendo. Estão extremamente preocupados. Amanhã, a partir das 9h está todo mundo outra vez de pé, cada um em seus postos na sede e na Toca, e qualquer decisão que houver será mais tranquila, com a cabeça mais fria. Nós pensamos sim, e quem decide é a diretoria, junto com a comissão técnica. O torcedor não está sendo desrespeitado pela falta de entrevistas. Quem acompanha as redes sociais viu que o torcedor não se revoltou porque os jogadores não estavam dando entrevista. Eles querem é futebol. A palavra do jogador é importante, mas o mais importante é vencer os jogos. E isso nós não estamos conseguindo.
  • CACÁ: Temos três jogos, ainda não acabou. O Cruzeiro é time grande, nunca caiu e temos que defender esse título aí, de que nunca caiu. Tentando a gente está, está todo mundo trabalhando, no dia a dia dos treinos. Sempre ali tem oportunidade clara que aparece, a gente não consegue colocar a bola pra dentro.
  • THIAGO NEVES: Não sei nem se foi desconcentração na perda do pênalti. Tentamos de várias formas. Coloca a culpa em mim e peço desculpas. Porém ainda temos três jogos e temos que correr atrás. Agora é ir para o Rio e vencer.
  • GLOBO ESPORTE: Henrique é quem mais tem chamado a responsabilidade em meio ao momento ruim. Tecnicamente, pode deixar a desejar, mas é quem mais se entrega, física e taticamente. Com o Csa recuado, achou passes que dificultaram a marcação adversária.
  • FERNANDÃO ÁVILA: O time celeste é só ímpeto. Dá um longo tratado descrever a transformação de um time competitivo nisso. O time é só ansiedade e tensão. Fez um jogo muito ruim, limitando-se a levantar dezenas de bolas na área.
  • MARCUS OLIVEIRA: Ataque letárgico e meio campo omisso. Os volantes não acham uma alma viva para o passe vertical. Daí ficam rodando o jogo com os laterais, que insistem em cruzamentos para o meio da área, sem objetividade alguma. Equipe cria poucas oportunidades reais e ainda peca na finalização e assim o hol só sai por obra do acaso.
  • ZÉ DO CANADÁ: Estamos com um pé na cova e o outro na casca de banana, mas ainda estamos vivos.
  • MOEMA FOX: Devastada, mais pelo sofrimento em conta-gotas.

Fontes

Transmissão

  • Sportv
  • PPV