Cruzeiro 0x0 Atlético-GO - 20/05/2012

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Cruzeiro.png 1x2 Escudo Atlético-PR.png Gol aos do Escudo Náutico.png 0x0 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Brasileiro 2012
← Primeira ficha Gol aos do Escudo Náutico.png 0x0 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Parque do Sabiá
Escudo Cruzeiro.png 2x3 Escudo América-MG.png Gol aos do Escudo Cruzeiro.png 2x2 Escudo Ponte Preta.png
Contra Atlético-GO
Escudo Cruzeiro.png 3x2 Escudo Atlético-GO.png Gol aos do Escudo Atlético-GO.png 0x2 Escudo Cruzeiro.png

[edit]

Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
0 × 0 Escudo Atlético-GO.png
Atlético-GO
1ª rodada do Campeonato Brasileiro 2012
Data: 20 de maio de 2012 Local: Uberlândia, MG
Horário: 18:30 Estádio: Parque do Sabiá
Árbitro: Pericles Bassols Cortez Público pagante: 3.952
Assistente 1: Dibert Pedrosa Moisés Público presente: Não disponível
Assistente 2: Marcos Santos Pessanha Renda: R$ 89.775,00 R$ 89.775 <br />Cr$ 89.775 <br />NCr$ 89.775 <br />Cz$ 89.775 <br />NCz$ 89.775 <br /> (preço médio: R$ 22,72 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Cruzeiro: Atlético-GO:

1. Fábio 1. Roberto
2. Marcos Martins Substituição realizada de jogo ( 14. Diego Renan ) 2. Joilson
3. Léo 3. Gilson Cartão amarelo recebido aos
4. Alex Silva Substituição realizada de jogo ( 13. Victorino ) 4. Paulo Henrique Cartão amarelo recebido aos
5. Amaral Cartão amarelo recebido aos  (1) 5. Pituca
6. Marcelo Oliveira 6. Ernandes
7. Charles 7. Marinho Substituição realizada de jogo ( 16. Juninho )
8. Souza Silva 8. Fernando Bob
9. Wellington Paulista 9. Digo Campos Substituição realizada de jogo ( 17. Felipe )
10. Montillo 10. Bida
11. Everton Cartão amarelo recebido aos  (1) Substituição realizada de jogo ( 18. Anselmo Ramon Cartão vermelho recebido aos ) 11. Elias Substituição realizada de jogo ( 18. Willian )
Técnico: Celso Roth Técnico: Adilson Batista
Reservas que não entraram na partida
Cruzeiro: Atlético-GO:

Pré-Jogo

No Cruzeiro estreia no técnico Celso Rorth. que só não pode contar com Roger Galera, suspenso.

No AtléticoGO, a atração é o treinador Adílson Batista, que recusou convite para voltar ao Mais Querido de Minas.

O goleiro Márcio, o lateral Rafael Cruz, o atacante Marcão, Felipe Brisola e beque Leonardo estão lesionados e não jogam.

O Parque do Sabiá é o melhor estádio do Brasil. Mas o público não deverá ser grande.

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 18h27 – Times em campo com uniformes tradicionais.
  • 16h59 – Pouca gente no Parque do Sabiá.
  • 18h30 – Começa o jogo. Dragão, à direita das tribunas, dá a saída.
  • 00 – Reservas do Cruzeiro: Rafael
 Monteiro, Victorino, Diego Renan, Diego Arias, Wallyson, Walter, Anselmo Ramon.
  • 04 – WP recebe lançamento de Souza, dentro da área, mas está impedido.
  • 06 – Montillo desce pela direita, vai à linha de fundo e cruza. Paulo Henrique rebate, Souza chega chutando, bola passa or cima do travessão.
  • 07 – Bida recebe lançamento nas costas da bequeira, na marca do pênalti, mas arremata mal e a bola sai à esquerda de Fábio.
  • 08 – Gilson chega feito maluco e levanta Montillo próximo à área do Dragão. Falta.
  • 08’30”- Amarelo! Gilson pelo chambão em Montillo.
  • 09 – Amaral cobra a falta com uma bomba, rasteira. Roberto defende com segurança.
  • 09’30”- Amaral derruba Marino na entrada da área celeste. Falta.
  • 11 – Elias cobra com a canhota, por cobertura, na forquilha esquerda. Fábio espalma. Corner.
  • 12 – Diogo Campos chega à linha de fundo, pela esquerda e cruza forte. Leo Simões rebate com um bico, que acerta em Marino e vai para a linha de fundo.
  • 13 – Dragão toca a bola na intermediária celeste em busca de espaço para golpear.
  • 14 – Paulo Henrique recebe passe na área celeste, mas conclui mal. Tiro de Meta.
  • 14’30”- Marcos recebe passe de Montillo, mas deixa a bola escapar pela lateral. Torcida vaia.
  • 15 – Celso Roth aplaude Marcos, dando uma força ao lateral.
  • 16 – Souza cobra falta pela direita, Leo Simões cabeceia pra fora.
  • 17 – Alex Silva ca[ido no meio de campo. Victorino está no aquecimento.
  • 17’30”- Troca! Alex Silva por Victorino.
  • 18 – Dr. Sérgio Freire informa: Alex Silva torceu o joelho, sozinho.
  • 19 – Defesaça! Elias passa a Bida, que solta uma bomba. Fábio defende.
  • 20 – AtléticoGO domina a partida. Seus volantes jogam, os do Cruzeiro, não.
  • 20’30”- Amarelo! Francisco Everton, por reclamação. Justa, por sinal, pois um juiz inverteu falta..
  • 21 – Bida cobra falta, Fábio defende.
  • 22 – Marino cruza da direita, Amaral corta. Corner.
  • 23 – Elias cobra escanteio, Marino cabeceia, Fábio defende.
  • 24 – Montillo cruza da direita, Roberto defende pelo alto.
  • 25 – Reversões de lateral: duas, uma de cada time, em sequência.
  • 26 – Bola cruzada da direita, Elias faz o corta-luz, Diogo Campos não aprece para a finalização. Victorino corta.
  • 27 – Montillo cruza da direita. Pra fora.
  • 28 – Chelsea! 13 partidas com 3 atacantes, 12 com 2 e, hoje, com um só.
  • 29 – Milagre! Souza chuta, Francisco Everton arremata da pequena área, mas Roberto fecha o ângulo e defende.
  • 30 – Bida cobra falta, Fábio salta e corta de soco.
  • 31 – Souza prende a bola na ponta direita e consegue um lateral.
  • 31’30”- Montillo cruza, mas WP comete falta em Paulo Henrique, dentro da área.
  • 32 – Charles erra no ataque, Amaral conserta com um bico.
  • 33 – Perigo! Fernando Bob entra na área celeste, mas é prensado por Leo Simões quando arremata.
  • 34 – Pudo da vita! Bida entra na área celeste pela direita, Charles chega na cobertura, cece escanteio e dá uma bronca geral.
  • 35 – Fernando Bob chuta de longe, bola passa por cima do travessão.
  • 36 – Montillo recebe falta na ponta esquerda.
  • 37 – Amaral cobra falta, Victorino marca o gol, mas está impedido e bandeira dedura.
  • 38 – Marcos cruza da direita, Francisco Everton disputa bola com o goleiro. E perde.
  • 39 – Victorino faz lançamento de 50 metros para marcos, que tenta jogada inividual. Amaral fica com a bola e passa a Montillo. Jogada ;e desfeita pela defesa goiana.
  • 40 – Cruzeiro equilibrou o jogo
  • 41 – Inacredutável! Montillo recebe de Souza, entra na área, pela direita, cruza, Francisco Everton arremata, Roberto defende, Charles apanha o rebote e chuta, de dentro da pequena área. Bola explode na bequeira e sai da área.
  • 42 – WP recebe lançamento perfeito de Montillo, na entrada da área, e chuta forte. Bola sai à esquerda de Roberto.
  • 43 – AtléticoGO trabalha bola na intermediária celeste, sem pressa. Defesa do Cruzeiro é envolvida.
  • 44 – Marcelo Oliveira impede cruzamento de Marino na direita,
  • 45 – Roberto cobra tiro de meta tentando uma ligação direta.
  • 45’30”- Posse de bola: Cruzeiro, 53%
  • 46 – Fim de 1º tempo. Placar justo.
  • Marcos: “Vaia acontece, qualquer um passa por esta situação, é complicado, mas a gente tem de dar o máximo dentro de campo e mostrar que tem personalidade.”
  • Bida: “Jogo deve ser decidido no meio de campo, se a gente aumentar apegada pode até vencer.”

Segundo Tempo

  • 19h30 – Dragão em campo, sem alterações.
  • 19h31 – Paulo Henrique: “Há 7 anos eu não jogava aqui em Uberlândia, que é minha cidade, estou feliz.”
  • 19h33 – Cruzeiro volta a campo em lugar de Marcos.
  • 18h34 – Começa o 2º tempo.
  • 00 – Troca! Marcos por Diego Renan. Sistema de som informa alteração, torcida comemora.
  • 01 – Cruzcredo! Francisco Everton cobra lateral, Montillo devolve, bola sai pela lateral.
  • 01’30”- Marino deixa Marcelo Oliveira na saudade e cruza pela direita. Fábio defende.
  • 02 – Souza passa a Francisco Everton, que devolve mal, no pé de um adversário.
  • 03 – Bola alta na área celeste. Fábio sobe e cata.
  • 03’30”- Adílson Batista está agitado na beira do campo.
  • 04 – Diego Renan tenta tabelar com Montillo, que está impedido.
  • 05 – Terrível! Cinco minutos de erros dos dois lados. Nada dá certo. Pelad monumental.
  • 06 – Joilson lança Elias que, dentro da área, tenta arrematar, mas é impedido por Amaral que cede escanteio.
  • 07 – Bola sobre a área celeste, defesa passa aperto, mas Amaral dá um chutão e limpa o espaço.
  • 08 – Marcelo Oliveira recua na fogueira, Fábio limpa a área com um chutão.
  • 09 – Dragão voltou a jogar bola e já tomou conta da partida.
  • 10 – Cruzeiro toca bola, sob pressão terrível dos goianos.
  • 11 – Até que enfim! Souza lança Montillo, que gira na entrada da área e arremata rasteiro, com a direita. Roberto salta e defende à sua direita.
  • 12 – Bida chuta de longe. Bola se erde no espaço.
  • 13 – Leo Figueiredo, comentarista do PFC: “Montillo e Bida são os melhores em campo.”
  • 14 – AtléticoGO tarbalha a bola no atque, Cruzeiro fica na roda.
  • 15 – Bida tenta jogada pela esqeurda, mas sai com a bola pela linha de fundo.
  • 16 – Perigo! Elias chuta de fora da área, bola sai rente à forquilha direita.
  • 17 – Milagre! Souza cruza da direita, WP sobe e cabeceia pra baixo, no canto esquerdo. Roberto voa e defende.
  • 18 – Troca! Francisco Everton por Anselmo Ramon.
  • 19 – Leo Simões desarma ataque do AtléticoGO, sai jogando, mas lança no vazio.
  • 20 – Quase! Souza cruza da direita, WP sobe e cabeceia tirando a bola de Roberto, mas ela sai rente ao poste direito do arco goiano.
  • 21 – Outra! Montillo faz bela jogada pela direita e chuta forte. Roberto espalma pra escanteio.
  • 22 – Troca! Elias por William.
  • 23 – Souza cobra escanteio pela direita, Fernando Bob fica com a bola e sai jogando.
  • 24 – Pituca tenta ligação direta. E erra redondamente.
  • 25 – Perigo! Amaral comete falta em Joilson na entrada da área. Bida cobra com a direita, tirando da barreira. Bola fica na rede, pelo lado de fora. Torcida rubronegra, do lado oposto, comemora o falso gol.
  • 26 – Montillo joga bola na área, Joilson fica com ela.
  • 26’30”- Amarelo! Amaral chega duro em Bida, por trás.
  • 27 – Paulo Henrique derruba Montillo, que pede cartão para o atleticano. Juiz nega.
  • 28 – Perigo! Souza cobra falta, estabelece-se uma tremenda baderna na área atleticana, Souza apanha o rebote e chuta de fora. Bola sai à direita de Roberto, com perigo.
  • 29 – Vermelho! Anselmo Ramon por xingar o bandeira Marcos Santos Pessanha.
  • 29’30”- Jogadores do Cruzeiro cercam Juiz e Bandeira.
  • 30 – Anselmo Ramon: “Pô, não posso mais falar? Não posso mais reclamar?”
  • 32 – Troca! Diogo Campos por Felipe.
  • 33 – Cruzeiro todo recuado
  • 34 – Marcelo Oliveira falha na entrada da área, Felipe fica cm a bola, mas é desarmado por Charles.
  • 35 – Felipe tabela com Fernando Bob, mas chuta a bola na arquibancada.
  • 36 – Retranca! O jogador mais adiantado do Cruzeiro é Wp, que está no círculo central.
  • 37 – Orai e vigiai! Cruzeiro não vê a cor da bola. Dragão passeia de um lado pra outro com a gorduchinha.
  • 38 – Charles derruba Joilson no bico da área. Fábio pede um só na barreira.
  • 39 – Bida cobra a falta, Ernandes cabeceia por cima do travessão.
  • 40 – Marcelo Oliveira corta, com uma puxeta, lançamento para Felipe.
  • 40’30”- Bola sobre a área celeste, Marcelo Oliveira tira com um bico.
  • 41 – Troca! Marino por Juninho.
  • 41’30”- Expulso! Preparador físico do Cruzeiro, Flávio de Oliveira, por xingar o bandeira.
  • 42 – Cerco! Dragão cerca o Cruzeiro, que não chega nem ao meiod e campo.
  • 43 – Cruzeiro tem um minuto de posse de bola, mas não consegue armar um ataque.
  • 44 – Lá vem o Dragão! Impedimento de Felipe atrapalha ataque rubronegro.
  • 45 – Montillo e Diego Renan prendem a bola na ponta direita. E conseguem um lateral.
  • 46 – Victorino dá um bico na meia lua e limpa a área celeste.
  • 46’30”- Posse de bola: AtléticoGO, 54%.
  • 47 – Fim de jogo. Cruzeiro criou três oportunidades, embora tenha sido dominado pelo toque de bola do Dragão.
  • Montillo: “Tá começando. Teve mudança durante a semana e a gente não sabe bem ainda o que o treinador quer. Ficamos sem um jogador o que atrapalha num campo tão grande assim.”
  • Roberto: “Substituir o Márcio é um presente de Deus. Mas com o trabalho do Professor Medeiros, cada goleiro do elenco tem condições de jogar.”

Vídeos

Melhores momentos
Jogo completo

Atuações

  • Fábio – Trabalhou pouco. A defesa não permitiu muits finalizaçãoes do Dragão. A rigor, só um defesa difícil. (Síndico)
  • Marcos - Encabula-se com as primieras vaias e desmorona psicologicamente, algo que Vagner Mancini já havia detectado. Errou uma vez, erra todas as demais. Neste jogo, só conseguiu uma boa jogada em 45 minutos. (Síndico)
  • Diego Renan – Psicologicamente mais resistente do que Marcos, entrou e fez o arroz com feijão da posição. Marcou mais do que atacaou. (Síndico)
  • Leo Simões – Boa atuação. Não brincou em serviço contou com boa proteção dos volamntes pra dioficultar as ações dos atacanters do Dragão. (Síndico)
  • Alex Silva –Jogava com tranquilidade até torcer o joelho aos 17 minutos e sair na maca. (Síndico)
  • Victorino - Substituiu Alex Alves e não brincou em serviço. Quando se via em aperto, metia o pé na bola e limpava a área. (Síndico)
  • Marcelo Oliveira - Em sociedade com Francisco Everton, cuidou de fechar a ponta direita do Dragão. Pouco atacou. (Síndico)
  • Charles – Muita vontade, mas pouca efetividade. Melhor na defesa do que no apoio. (Síndico)
  • Amaral - Protegeu bem a bequeira, arriscou-se pouco no ataque e deu um bom chutes de longa distância cobrando falta. (Síndico)
  • Francisco Everton – Marcou e siau para o jogo. Teve oportunidade de marcar, o que não aconteceu por méritos do goleiro, não por sua culpa. (Síndico)
  • Souza – Bom trabalho de aramçaõ e ótimos cruzamentos. (Síndico)
  • Montillo – Sem o brilho de outros tempos, ainda assim foi quem criou as melhores jogadas do time. Começou avançado, como ponta-direta, terminou como armador, chegando de trás, sua especialidade. (Síndico)
  • Wellington Paulista - Muita luta,apesar da solidão na maior parte da partida. Duas boas cabeçadas que quase resultam em gol. (Síndico)
  • Anselmo Ramon – O time ficou mais agudo com sua entrada e caiu na retranca após sua expulsão besta. Estaria irritado pela reserva recém-adquirida? Se oriente, rapaz! (Síndico)
  • Celso Roth – Já riscou do caderno do time qualquer resquício de futebol bunitim que ainda havia. Sua equipe primeiro tomou pulso da partida e só no 2 tempo começou a mostrar as garras. Mas aí Anselmo Ramon fez besteira e, numa cancha maior do que as demais, o jeito foi fechar tudo. (Síndico)
  • Torcida – Ainda não se sabe quantas pessoas compareceram. Os que foram, mais vaiaram do que incentivaram. (Síndico)
  • Juiz & Bandeiras – Deram uma opu oputra cplher de chá para os botineiros -Amaral, por exemplo-, mas não comprometeram. A expulsão de Anselmo Ramon foi justa. (Síndico)
  • Cruzeiro – Começou mal, mas fechado. Na metade da etapa inicial, melhorou, mas não ariu o jogo. Quando abriu, na etapa final, perdeu um jogador e adotou a retranca. Faltou um puxador de contra-ataque pra dar alguma esperança de gol à torcida. Só defender deixa o jogo inssosso. (Síndico)
  • AtléticoGO – Time bem arrumado, com bom toque de bola e paciência. Dominou a maior parte do jogo, mas não teve um finalizador pra decidir. Felipe só entrou no final da partida. Por quê? Seja lá qual for o motivo, melhor pro Cruzeiro que se livrou de um carrasco histórico. (Síndico)

O que foi dito

  • Celso Roth, treinador do Cruzeiro: A gente nunca planeja empate, ainda mais em casa. Mas pelas circunstâncias, no desequilíbrio que o time vinha, a lesão do Alex, a expulsão, a substituição técnica… Não ficamos felizes, mas poderia ter sido pior. O Cruzeiro já demonstrou algumas coisas. O Atlético teve volume no começo, nós nos ajeitamos, lá pelos 25 minutos. No 2º tempo, melhoramos com as substituições, mas tivemos a expulsão. Aí, o Atlético veio com 2 ou 3 atacantes. Acertamos a marcação e nada aconteceu. Oportunidades de gol quem teve foi o Cruzeiro. A situação do Marcos é complicada. Ele foi bem no treinamento, mas teve dificuldades no jogo. Todo mundo tem um momento ruim, vamos analisar assim. Ele faz parte do grupo, vai continuar trabalhando e vamos administrar a situação. Temos coisas a fazer, mas fiquei satisfeito com a aplicação do grupo. Mesmo na dificuldade no início do jogo, estávamos tentando, correndo, às vezes de forma errada, neste campo grande, mas sempre nos dedicando. Depois, acertamos a marcação no 1º tempo, o time melhorou, e no 2º melhorou mais ainda. Temos coisas pra acertar mas a dedicação, a entrega e a organização melhoraram muito. Não temos varinha mágica. O Cruzeiro vinha de 4 derrotas, hoje demos o primeiro passo num jogo complicado. Era complicado porque tínhamos a responsabilidade de ganhar, não é? E contra um time que joga junto há 3 ou 4 anos, de forma diferente, com 4 volantes e com um treinador que tem bagagem. Sabíamos que teríamos dificuldades, mas nos portamos muito bem. Depois de dois dias e meio de trabalho, não que eu esteja satisfeito, mas deu um alento. Há possibilidade de usar dois atacantes. Quando coloquei dois, o time melhorou muito. Criamos mais oportunidades de gol e o Atlético ficou acuado.
  • Wellington Paulista, atacante do Cruzeiro: Fui falar com o bandeira que todo mundo reclama, que não precisava expulsar, que é normal do jogo, mas ele disse que o Anselmo o xingou com palavrões, Fiquei sem reação, não sabia o que dizer até porque o Anselmo não me disse nada.
  • Souza, meia do Cruzeiro: Não foi um resultado heróico, o time estava melhor no jogo, tinha criado oportunidades, principalmente, com a bola parada, mas em lance isolado o Anselmo acabou expulso e a equipe teve de se recompor atrás, segurar, pra não sair tanto no prejuízo, mas o time já deu uma crescida, trabalhou a bola, teve ultrapassagem, coisa que a gente não vinha mostrando.
  • Adílson Batista, treinador do AtléticoGO: Foi um jogo bem consciente e merecíamos um resultado melhor. Fico satisfeito com a atuação do time, mas com o resultado não. Poderíamos ter levado 3 pontos pelo volume de jogo, pelas oportunidades criadas, mas futebol é assim. Não foi por falta de opção, o Atlético estava aberto com o Juninho, tinha o Felipe, o William, tivemos duas bolas que poderiam definir o jogo com o Bida e o Elias. Trabalhamos bem, os jogadores tentaram rodar, achar espaços, o Cruzeiro se fechou, e não tivemos uma chance pra fazer o gol depois disso. Criamos com o Elias e sem ele também. O Cruzeiro se fechou, temos que entender, não foi pela ausência do Elias que não fizemos o gol. Coloquei o William pra ter um jogador de área, e o Diogo fazia o lado direito, pedi os dois por dentro, e aí entendi que era o momento de fazer nova substituição, entrou o Felipe e depois o Juninho, mas não conseguimos fazer os gols que deveríamos ter feito.
  • J. Fábio, comentarista do PHD: Roth pôs panos quentes. Disse que o time melhorou muito com a entrada de um segundo atacante. Eu vi diferente. O time só atacou após a entrada de outro atacante. Não era nem questão de jogar melhor, pois o time só deu um chute a gol no 1º tempo. Muito triste. Na CBN, disseram que o time continua o mesmo do Brasileiro de 2011. Na Itatiaia ,concordaram com Celso Roth. Disseram que o time evoluiu durante o jogo. São visões distintas, mas ambas corretas. Durante o jogo, cheguei a sentir saudades do Diego Renan, de tão ruim estava o Marcos. Roth percebeu e fez a alteração no intervalo. O time ficou menos ruim, mas sem mudar da água pro vinho.
  • Celeste Campos, comentarista do PHD: O Cruzeiro começou apanhando do adversário, equilibrou por volta dos 30 minutos, dominou no 2º tempo e, perto dos 30, após perder Anselmo, deixou de atacar. Mas, dessa vez, o adversário nada conseguiu fazer. O time me pareceu mais bem distribuído em campo e diferente daquele amontoado dos tempos do Mancini. Alguns jogadores são fracos demais. Em compensação, Souza, Fábio, Montillo e o miolo de zaga jogaram bem.
  • Matheus Reis, comentarista do PHD: O time foi mais pegador do que o arremedo do Mancini. No 2º tempo, “mordeu” demais e não sofreu nenhum lance agudo. Nas chances criadas, houve trabalho, troca de passes, triangulação. Roberto trabalhou e não foi por acaso. O Cruzeiro chegou com consciência. Além disto, marcou muito mais do que vinha fazendo.
 O AtléticoGO não criou chance perigosa a partir da metade do 1º tempo. É pouco, mas a postura foi bem diferente. Falta muito, mas com três dias de trabalho e com o elenco disponível pra este jogo, não há muito do que reclamar. Força, Juarez! Queimem no inferno, cornetas!

Fontes

Transmissão

  • Sportv