Copa Libertadores da América 2014

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar
← Copa Libertadores da América 2011 Escudo Conmebol.png Copa Libertadores da América 2015 →


A Copa Libertadores da América 2014, oficialmente Copa Bridgestone Libertadores 2014 por motivos de patrocínio, foi a 55ª edição do principal torneio da América do Sul, realizado pela CONMEBOL. Esta foi a 14ª participação do Cruzeiro, que foi eliminado nas quartas-de-final.

Adversários[editar]

O sorteio da fase de grupos e da fase preliminar desta edição ocorreu no dia 12 de dezembro de 2013.[1]

Fase de Grupos - Grupo 5
Oitava-de-final
Quartas-de-final

Histórico[editar]

O Cruzeiro participou da Libertadores pela décima quarta vez após ser campeão do Campeonato Brasileiro 2013. Foi o primeiro título nacional após o Campeonato Brasileiro 2013. O time fez uma excelente campanha e venceu com 4 rodadas de antecedência, o que lhe credenciou como principal favorito ao título desta Libertadores.

Mas o favoritismo foi por água abaixo já nas primeiras rodadas da fase de grupos com tropeços diante de adversários fracos. O primeiro jogo houve polêmica de racismo envolvendo o meia Tinga. Entre todos os jogos, o time jogou o mesmo futebol apresentado na campanha do tri do Brasileirão praticamente só contra La U no Mineirão.

Com certa dificuldade passou da fase de grupos e, com mais dificuldade, passou pelas oitavas. Nas quartas-de-final, foi eliminado pelo time que viria a conquistar esta edição após mais dois jogos ruins. Mais uma vez o Clube teve o sonho do tri da Libertadores adiado.

Geral[editar]

Mando de Campo Jogos Pts Aprov.
em pts
Vitórias
(aprov.)
Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo Gols Média gols Média gols
sofridos

Geral 10 15 50,00% 4
(40,00%)
3 3 17 10 7 1,70 1,00
Mandante 5 9 60,00% 2
(40,00%)
3 0 12 5 7 2,40 1,00
Visitante 5 6 40,00% 2
(40,00%)
0 3 5 5 0 1,00 1,00

Artilheiros[editar]

- Jogador Gols Gol aos do
Bruno Rodrigo 4
Ricardo Goulart 4
Dagoberto 2
Júlio Baptista 2
Samudio 2
Willian 1
Éverton Ribeiro 1
Dedé 1
- Gols contra aos do 0
  • Simbolo jogador base.png - Jogador formado na Base

Estatísticas[editar]

Nome Jogos Tit. Res. Cartão amarelo recebido aos Cartão vermelho recebido aos
Fábio 10 10 0 0 0
Dedé 10 10 0 2 0
Éverton Ribeiro 10 10 0 1 0
Ricardo Goulart 9 8 1 0 0
Dagoberto 9 6 3 2 0
Bruno Rodrigo 9 9 0 3 1
Willian 9 4 5 0 0
Ceará 9 9 0 2 0
Lucas Silva Simbolo jogador base.png 8 8 0 0 0
Júlio Baptista 8 7 1 0 0
Egídio 6 5 1 2 0
Henrique 6 6 0 1 0
Samudio 5 5 0 3 1
Marcelo Moreno 4 4 0 0 0
Borges 4 0 4 0 0
Élber Simbolo jogador base.png 3 1 2 0 0
Nilton 3 3 0 0 1
Marlone 3 0 3 0 0
Rodrigo Souza 3 2 1 1 0
Souza 3 1 2 0 0
Tinga 2 0 2 1 0
Mayke Simbolo jogador base.png 2 1 1 0 0
Léo 2 1 1 0 0
Luan 1 0 1 1 1
Alisson Simbolo jogador base.png 1 0 1 0 0
  • Simbolo jogador base.png - Jogador formado na Base

Jogadores Inscritos[editar]

Lista de jogadores inscritos na competição:[2]

Número Jogador
1 Fábio
30 Alex
24 Alan
12 Elisson
3 Léo
23 Marlone
13 Wallace
26 Dedé
4 Bruno Rodrigo
5 Souza
2 Ceará
25 Willian
6 Egídio
15 Rodrigo Souza Substituição realizada de jogo ( 33. Willian Farias[3] )
22 Mayke
8 Henrique
16 Lucas Silva
19 Nilton
18 Marcelo Moreno
14 Luan
21 Samudio
7 Tinga
10 Júlio Baptista
17 Everton Ribeiro
27 Élber
28 Ricardo Goulart
29 Alisson
9 Borges
11 Dagoberto
20 Martinuccio


Público e rendas[editar]

Total
Público pagante Público presente Renda Bruta Ingresso médio
186.411 (média: 37.282) 195.701 (média: 39.140) R$ 7.839.807,50 (média: R$ 1.567.961,50) R$ 42,06


Jogos[editar]

Legenda
Vitória Empate Derrota

Ver também[editar]

Referência[editar]