Marcos Venâncio de Albuquerque

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
(Redirecionado de Ceará (Marcos))
Ir para: navegação, pesquisa

[edit]

Ceará (Marcos)
Ceará.png
Informações pessoais
Nome completo Marcos Venâncio de Albuquerque
Data de nasc. 16/06/1980
Local de nasc.

Crato

Altura 1.75m
Peso 75kg
Direito
Apelido Ceará
Posição Lateral
Jogos 133 (Oficais: 125 / Amistosos: 8)
Gols 2
Elenco atual? Não

Nota: Este artigo é sobre o jogador. Para o estado, veja: Categoria: Clubes do Ceará. Para o clube, veja: Ceará Sporting Club


Marcos Venâncio de Albuquerque, mais conhecido como Ceará, é um jogador brasileiro que atua como lateral-direito e, às vezes, como lateral-esquerdo.


Clubes Anteriores

Profissional

Histórico

Ele foi contratado pelo Cruzeiro em 2012[1] e seu primeiro gol com a camisa celeste foi na derrota de 4x2 contra o Santos na Vila Belmiro com um golaço de falta.

100 jogos

Homenagem por 100 jogos

No dia 21 de setembro de 2014, antes da vitória de 2 a 0 sobre o Atlético-PR, recebeu a homenagem por ter completado 100 jogos com a camisa do Cruzeiro na derrota contra o São Paulo.[2]

Fim do contrato

No dia 1 de dezembro de 2015 o Cruzeiro anunciou que não renovaria o contrato do jogador.[3] Ele inclusive não participou da última partida do Campeonato Brasileiro 2015 contra o Internacional.

Dois dias depois, no dia 3 de dezembro, o jogador foi homenageado pela diretoria.[4]

Carta de despedida

No dia 7 de dezembro daquele ano, Ceará divulgou uma carta de despedida:[5]

“O capítulo 3 do livro de Eclesiastes da Bíblia Sagrada diz que "há um tempo determinado para todas as coisas debaixo do céu".

Com esse texto gostaria de dar início à minha despedida do clube que marcou minha carreira para sempre.

Foram três anos e meio de uma intensa convivência. E nesse período procurei honrar, com todas as minhas forças, a camisa do Cruzeiro Esporte Clube, um dos maiores clubes do Brasil e do Mundo.

Em primeiro lugar quero agradecer a Deus, criador do céu e da terra, pelo dom da vida, pela saúde e por me proporcionar o sonho de jogar futebol.

À diretoria do Cruzeiro o meu muito obrigado. Afinal, vocês abriram às portas para que eu pudesse voltar ao Brasil depois de cinco anos jogando pelo Paris Saint Germain, na França. Cumpriram fielmente todos os compromissos na época tratados. A cada funcionário da instituição, gente anônima, mas de grande coração, a minha eterna gratidão.

À diretoria do Cruzeiro o meu muito obrigado. Afinal, vocês abriram às portas para que eu pudesse voltar ao Brasil depois de cinco anos jogando pelo Paris Saint Germain, na França. Cumpriram fielmente todos os compromissos na época tratados. A cada funcionário da instituição, gente anônima, mas de grande coração, a minha eterna gratidão.

Aos mais de 8 milhões de cruzeirenses espalhados pelo mundo faltariam palavras para externar minha gratidão. Você, torcedor, é a maior razão de cada gota de suor derramada durante os árduos treinamentos e das "batalhas" dentro de campo, em cada partida. Jogamos por vocês. Obrigado pelos aplausos, pelo incentivo diariamente, pela confiança. Vocês acreditaram que eu poderia vestir a camisa 2 do Cruzeiro e fazer história com ela. E para a glória de Deus, eu fiz, com a ajuda de meus companheiros dentro e fora de campo.

Afinal, conquistamos o campeonato brasileiro em 2013. No ano seguinte, 2014 levantamos o troféu de campeão estadual e novamente o brasileirão. Algo inédito na história do clube. Festejamos juntos. As manifestações de alegria e apoio que saiam das arquibancadas foram contagiantes. De coração, muito obrigado.

Mas não poderia terminar sem agradecer a imprensa mineira. Repórteres, cinegrafistas, fotógrafos, produtores e auxiliares. Tivemos uma relação de respeito, verdade nas informações e até momentos de descontração. Com certeza nos encontraremos por aí.

O meu tempo de despedida chegou. Confesso que foi preciso conter as lágrimas. O meu futuro no futebol está nas mãos de Deus. Estou feliz, confiante e ciente do dever cumprido. As cores azul e branco desse clube estarão sempre comigo. Guardadas no meu coração.

Deixo meu muito obrigado a todos cruzeirenses!”

Números por ano

Ano Jogos Titular Reserva Cartões Amar. Cartão amarelo recebido aos Cartões Verm. Cartão vermelho recebido aos Gols Gol aos  do
2012 20 20 0 3 0 1
2013 44 42 2 6 0 0
2014 45 40 5 5 0 0
2015 24 22 2 3 0 1

Títulos no Cruzeiro

Mídias

Vídeos

Homenagem na saída

Referências