Campeonato da Cidade 1942

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube



Campeonato da Cidade 1942, também chamado e reconhecido como Campeonato Mineiro 1942, foi a 28ª edição oficial do principal torneio de Minas Gerais.

Palestra Mineiro foi o nome do Cruzeiro durante a competição. Nome temporário foi usado entre fevereiro de 1942 e 1943, período para escolha do novo nome e até que a FMF aprovasse o novo estatuto. Clube terminou na vice-liderança.

Regulamento[editar]

  • Turno e returno em pontos corridos (vitória 2 pontos e empate 1 ponto).
  • Sem acesso e rebaixamento, pois não havia Série B.

Histórico[editar]

Novidades do torneio[editar]

De acordo com o os novos estatutos da Federação Mineira, passou a ser obrigatória a apresentação do certificado de reservista do exército dos jogadores. A CBD liberou a contratação de menores de 16 anos (Diario da Tarde, 03/07/1942). De acordo com o artigo 32, do decreto lei 3.199, do Conselho Nacional do Desporto, os clubes só poderiam escalar um jogador estrangeiro. Passou a ser exigido o diploma de educação física para os técnicos de futebol.

O fim da era Palestra[editar]

Esta foi a última temporada do clube com o nome oficial de Palestra. Em janeiro de 1942, o clube alterou o nome Palestra Itália para Palestra Mineiro. O escudo na camisa passou a ter um P solitário em meio ao losango. No entanto, a imensa maioria dos associados, conselheiros e atletas exigiam o uso de um nome com identificação nacional e sem provincianismos.

Assim, na assembleia geral, em 7 de outubro, ficou definido que o clube se chamaria Cruzeiro Esporte Clube em homenagem a constelação do Cruzeiro do Sul, que era um dos maiores símbolos da pátria brasileira presente na bandeira e hino nacionais e nas armas da república. O uniforme com a camisa e meias azuis com o calção foi uma clara referência a azurra italiana.

O clube ainda atuou como Palestra Mineiro e usou o uniforme palestrino, até janeiro de 1943. Isto porque os novos estatutos do clube levaram três meses para serem aprovados pela Federação Mineira. O nome Palestra Mineiro está presente em todas as atas das aprovações dos jogos divulgadas pela Federação Mineira, que foram publicadas pelos jornais até o final do Campeonato da Cidade 1942; O uso do uniforme palestrino pode ser verificado nas fotos dos jogos publicadas nos jornais até janeiro de 1943.

Como foi[editar]

O Aeroporto abandonou o campeonato após o turno e deixou o regime profissional em 26 de agosto. Com isso, todos os jogos do time da aeronáutica da Pampulha foram anulados. O Palestra Mineiro terminou o campeonato em segundo lugar com 14 pontos e 70% de aproveitamento.

Geral[editar]

Mando de Campo Jogos Pts Aprov.
em pts
Vitórias
(aprov.)
Empates Derrotas Gols Feitos Gols Sofridos Saldo Gols
Geral 10 14 70,00% 6
(60,00%)
2 2 21 (méd:2,10) 9 (méd: 0,90) 12
Mandante 5 7 70,00% 3
(60,00%)
1 1 13 (méd:2,60) 5 (méd: 1,00) 8
Visitante 5 7 70,00% 3
(60,00%)
1 1 8 (méd:1,60) 4 (méd: 0,80) 4

Artilharia[editar]

- - Jogador Gol aos do
Niginho 4 (0p 0f)
??? Rizzo II 4 (0p 0f)
Ismael 4 (0p 0f)
Nogueirinha 4 (0p 0f)
Alcides 3 (2p 0f)
??? Orlando 1 (0p 0f)
??? Orlando NA 1 (0p 0f)
  • Simbolo jogador base.png - Jogador formado na Base

Estatísticas[editar]

- Nome Jogos Tit. Res. Cartão amarelo recebido aos Cartão vermelho recebido aos
Niginho (ATA) 10 10 0 0 1
Azevedo () 10 10 0 0 0
Juca () 10 10 0 0 0
Gérson () 10 10 0 0 0
Orlando NA () 9 9 0 0 0
Ismael (ATA) 9 9 0 0 0
Caieirinha () 9 9 0 0 0
Geraldo II (GOL) 8 8 0 0 0
Nogueirinha (ATA) 7 7 0 0 0
10º Fuinha () 7 7 0 0 0
11º Alcides (ATA) 7 7 0 0 0
12º Rizzo II () 5 5 0 0 0
13º Rui () 2 2 0 0 0
14º Rizzo I () 2 2 0 0 0
15º Orlando () 1 1 0 0 0
16º Souza NA () 1 1 0 0 0
17º Rizzo (ZAG) 1 1 0 0 0
18º Ismale () 1 1 0 0 0
19º Zezé (ATA) 1 1 0 0 0
  • Simbolo jogador base.png - Jogador formado na Base

Técnicos[editar]


Jogos[editar]

Legenda
Vitória Empate Derrota

Ver também[editar]

Fontes[editar]