Botafogo 1x0 Cruzeiro - 29/10/2011

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
Ir para navegação Ir para pesquisar


Confrontos
(clique no jogo para navegar)
Por temporada
Escudo Cruzeiro.png 3x2 Escudo Atlético-GO.png Gol aos do Escudo Flamengo.png 5x1 Escudo Cruzeiro.png
Por Campeonato Brasileiro 2011
Escudo Cruzeiro.png 3x2 Escudo Atlético-GO.png Gol aos do Escudo Flamengo.png 5x1 Escudo Cruzeiro.png
No estádio Engenhão
Escudo Fluminense.png 2x1 Escudo Cruzeiro.png Gol aos do Escudo Flamengo.png 5x1 Escudo Cruzeiro.png
Contra Botafogo
Escudo Cruzeiro.png 0x1 Escudo Botafogo.png Gol aos do Escudo Botafogo.png 2x3 Escudo Cruzeiro.png

[edit]

Escudo Botafogo.png
Botafogo
1 × 0 Escudo Cruzeiro.png
Cruzeiro
32ª rodada do Campeonato Brasileiro 2011
Data: 29 de outubro de 2011 Local: Rio de Janeiro, RJ
Horário: 18h Estádio: Engenhão
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio Público pagante: 15.724
Assistente 1: Carlos Emanuel Manzolilo Público presente: Não disponível
Assistente 2: Júlio César Rodrigues Santos Renda: R$ 255.790,00 R$ 255.790 <br />Cr$ 255.790 <br />NCr$ 255.790 <br />Cz$ 255.790 <br />NCz$ 255.790 <br /> (preço médio: R$ 16,27 )
Súmula: Súmula Borderô
Escalações
Botafogo: Cruzeiro:

1. Jefferson 1. Fábio
2. Alessandro 2. Naldo
3. Antônio Carlos 3. Léo
4. Fábio Ferreira 4. Victorino
5. Lucas Zen Substituição realizada de jogo ( 15. Léo ) 5. Marquinhos Paraná
6. Bruno Cortês 6. Diego Renan
7. Maicosuel 7. Roger
8. Renato 8. Charles Substituição realizada de jogo ( 16. Élber Pimentel )
9. Elkeson Substituição realizada de jogo ( 10. Everton ) 9. Anselmo Ramon Substituição realizada de jogo ( 17. Keirrison )
17. Herrera Cartão amarelo recebido aos Substituição realizada de jogo ( 11. Caio ) 10. Montillo
13. El Loco Abreu Gol aos do 11. Francismar Cartão amarelo recebido aos  (1) Substituição realizada de jogo ( 18. Wellington Paulista )
Técnico: Caio Junior Técnico: Vágner Mancini
Reservas que não entraram na partida
Botafogo: Cruzeiro:

Pré-Jogo

Em 15º lugar com 34 pontos, o Cruzeiro pode oscilar entre 14º ou 17º lugar.

O treinador Vagner Mancini não poderá escalar os volantes Francisco Everton e Leandro Guerreiro e os atacantes Wallyson e Bobô, contundidos.

Em 3º lugar com 52 pontos, o Botafogo pode terminar a rodada entre o 1º e o 6º lugar.

O treinador Caio Jr. não poderá escalar apenas o volante Marcelo Mattos, que

Lance a lance

Primeiro Tempo

  • 17h55 –Times em campo com uniformes tradicionais.
  • 18h02 – Um minuto de silêncio em homenagem ao jornalista Luiz Mendes.
  • 18h03 – Começa o jogo. Botafogo, à esquerda das tribunas, dá a saida.
  • 00 – Reservas do Cruzeiro: Rafael Monteiro, Vítor, Cribari, Gabriel Araújo,
 Sandro Manoel, Elber, Keirrison e Wellington Paulista.
  • 15seg – Elkeson desce pela esquerda e cruza. Herrera, na pequena área conclui, mas a bola desvia na zaga. Escanteio.
  • 01 – Charles lança Montillo, bola escapa pela lateral.
  • 02 – Renato cobra escanteio pela direita, Farías corta de cabeça, dentro da área.
  • 03 – Cortês desce pela esquerda, mas é parado com falta por Montillo.
  • 04 – Herrera cruza da direita, Leo simões cede escanteio, do lado oposto. Renato cobra pela esquerda, Farías corta dentro da área.
  • 05 – Herrera disputa com Naldo, pela direita, e cruza. Bola fica com Montillo.
  • 06 – Farías tenta acionar Montillo, bola fica com Jefferson.
  • 07 – Após disputar bola com Charles, Cortês cai e sai de campo sentindo dores no tornozelo.
  • 08 – Montillo, Marquinhos Paraná, Charles, Diego Renan. O lateral cruza, bola fica com a bequeira do Botafogo.
  • 09 – Maicosuel passa por Diego Renan, Victorino e Naldo, mas tropeça e cai dentro da área celeste.
  • 10 – Roger Galera lança Ernesto Farias dentro da área. Bandeira marc impedimento.
  • 11 – Naldo, acossado por Maicosuel, conserta besteira de Charles com um chutão, na entrada da área.
  • 12 – Montillo chuta de fora da área. Bola passa por cima do travessão.
  • 13 – Fábio Ferreira atropela Farias na ponta esquerda. Falta.
  • 14 – Montillo cobra falta, pela esquerda. Jefferson defende pelo alto.
  • 15 – Montillo tabela com Anselmo Ramon e arremata de canhota, da entrada da área. Bola passa por cima do travessão.
  • 16 – Herrera disputa com Diego Renan e deixa bola escapar pela linha de fundo.
  • 17 – Roger Galera, pressionado no meio de campo, recua bola pra Fábio, que aciona o ataque celeste com um chutão.
  • 18 – Naldo derruba Herrera na lateral esquerda. Renato cobra falta, Fábio defende.
  • 18’30”- Anselmo Ramon, da esquerda, ajeita pra Roger Galera, que arremata fraco. Bola fica com Jefferson.
  • 19 – Herrera cruza da direita, Victorino corta com um chutão.
  • 20 – Renato entra na área celeste e chuta forte, por cima do travessão.
  • 20’30” – Finalizações: Cruzeiro 3×1.
  • 21 – Marcação celeste! Marquinhos Paraná x Maicosuel, Leo Simões x Elkeson, Diego Renan x Herrera.
  • 22 – Lucas Zen disputa bola com Montillo e fica caído.
  • 23 – Diego Renan lança Montillo, Alessandro se antecipa e corta, dentro da área.
  • 24 – Alessandro tenta cruzar, mas é desarmado por Diego Renan e leva vaia da torcida carioca.
  • 25 – Amarelo! Herrera parte pra cima da defesa celeste, mas perde o controle da bola, derruba Roger Galera e reclama acintosamente do Juiz.
  • 26 – Montillo derruba Cortês, no meio de campo.
  • 27 – Herrera cruza da direita, Victorino sobe mais que Loco Abreu e corta, de cabeça.
  • 28 – Naldo desarma Elkeson na entrada da área celeste.
  • 29 – Cortês cruza da esquerda, Diego Renan corta de cabeça, dentro da área.
  • 29’30”- Torcida do Botafogo se entusiasma com o bom momento do time e canta alto.
  • 30 – Anselmo Ramon disputa bola com Antonio Carlos, passa a Charles e recebe de volta, dentro da área. Jefferson sai do arco e abafa.
  • 31 – Perigo! Elkeson vai à linha de fundo e cruza rasteiro. Herrera, na entrada da pequena área, toca por cima do travessão.
  • 32 – Alessandro cruza da direita, Naldo corta, dentro da área.
  • 32’30” – Posse de bola: Botafogo, 50%.
  • 33 – Charles faz belo lançamento pra Anselmo Ramon. Jefferson sai do arco e abafa o arremate do atacante.
  • 33’30′- Lucas Zen volta a cair. Caio Jr. fica bravo querendo saber se o volante dá conta de jogar ou não.
  • 34 – Precavido demais! Cruzeiro investe muito na defesa, especula no ataque, erra muitas saídas de bola e se complica.
  • 35 – Leo Simões derruba Elkeson próximo à área celeste.
  • 36 – Renato cobra falta buscando Loco Abreu, Fábio divide com atacante e defende. Bandeira marca impedimento.
  • 36’30”- Charles chuta de longe, Jefferson defende.
  • 37 – Montillo ataca pela esquerda e cruza. Bola sai pela linha de fundo.
  • 38 – Lucas Zen volta a cair e é recolhido pelo carrinho-maca.
  • 39 – Troca! Lucas Zen por Leo.
  • 39’30”- Marquinhos Paraná lança Anselmo Ramon, Antonio Carlos corta de cabeça.
  • 40 – Diego Renan chuta de direita, da intermediária, bola sobe muito e sai por cima do travessão.
  • 41 – Naldo comete falta perigosa em Herrera, na entrada da área.
  • 42 – Maicosuel cobra a falta, por cobertura. Bola fica na rede, pelo lado de fora.
  • 43 – Milagre! Elkeson lança Herrera, livre dentro da área. Cara a cara com Fábio, o argentino arremata forte, de curva. Bola tira tinta no poste esquerdo.
  • 44 – Naldo, fazendo cobertura pela esquerda, limpa jogada com um chutão.
  • 45 – Loucura, loucura, loucura! Diego Renan tenta chutar bola erm Herrera, que sai da linha de tiro. A bola vai em direção ao arco celeste com tremendo perigo. Fábio salva o autogol do lateral defgendendo com as mãos em cima da risca. Torcida do Botafogo fica furiosa porque o Juiz não marca tiro livre indireto. Na beira do gramado, Caio Jr. dá chilique.
  • 46 – Fim de 1º tempo.
  • Diego Renan: “Vi o Herrera chegando, tentei chutar a bola nele, mas ele saiu da frente e a bola foi contra nosso gol.”
  • Jefferson: “Diego Renan não quis recuar, ninguém recua dessa maneira, mas se o juiz quisesse poderia marcar.”

Segundo Tempo

  • 19h05 – Times em campo..
  • 19h08 – Expulsos! Luiz Fernando Medeiros, médico do Botafogo, e Caio Jr., treinador, são expulsos do banco.
  • 19h10 – Começa o 2º tempo.
  • 00 – Troca! Herrera por Caio.
  • 01 – Maicosuel desce pela esquerda, mas cercado por Leo Simões, não consegue cruzar.
  • 02 – Amarelo! Ernesto Farías sobe com o braço aberto, no meio de campo, e comete falta em Renato.
  • 03 – Cortês passa por Leo Simões na esquerda e cruza. Victorino corta.
  • 04 – Gritaria! Torcida do Botafogo está animada. E como grita!
  • 05 – Mudança tática! Maicosuel vira meia pela esquerda, Elkeson joga pelo meio.
  • 06 – Victorino recua, Fábio despacha com um chutão.
  • 06’30”- Marquinhos Paraná lança Leo Simões na ponta direita, Fábio Ferreira corta com um chutão.
  • 07 – Não viu! Fábio Ferreira, no meio de um bolo, empurra Ernesto Farías dentro da área. Juiz não viu.
  • 08 – Marquinhos Paraná lança Montillo, que entra na área, pela direita, e chuta cruzado. Bola sai pelo lado oposto.
  • 09 – Gol! Elkeson recebe de Cortês, desce pela marcado à distância por Leo Simões, e cruza. Loco Abreu vence Naldo pelo alto e cabeceia com facilidade pra rede. Botafogo 1×0.
  • 10 – Elkeson chuta de longe, pra fora.
  • 11 – Alessandro cruza da direita, Abreu não consegue dominar dentro da área, Victorino corta.
  • 12 – Maicosuel entra na área aos trancos e barrancos e chuta alto, pra fora.
  • 12’30”- Troca! Ernesto Farías por Wellington Paulista.
  • 13 – Montillo passa a Anselmo Ramon dentro da área. Atacante ajeita e clnclui fraco. Jefferson defende.
  • 14 – Caio chuta, Fábio espalma pra escanteio.
  • 15 – Alessandro cruza da direita, Naldo corta.
  • 16 – Maicosuel busca Abreu, Diego Renan limpa a entrada da área com um chutão.
  • 17 – Montillo lança Roger Galera, que passa a Wellington Paulista. Advinhem o que aconteceu? É, WP perdeu a bola bisonhamente.
  • 18 – Charles lança Marquinhos Paraná, que chuta da entrada da área. Bola explode na defesa.
  • 19 – Marquinhos Paraná lança Wellington Paulista, que cruza mal, da direita. Bola atravessa a área e vai pro outro lado do campo.
  • 20 – Cortês tenta entrar na área pela esquerda, mas é desarmado por Marquinhos Paraná.
  • 21 – Maicosuel avança pela esquerda, Leo Simões corta pra escanteio.
  • 22 – Maicosuel cobra escanteio, Fábio defende.
  • 22’30”- Troca! Charles por Elber.
  • 23 – Cortez derruba Wellington Paulista. Montillo cobra falta, pela direita, Jefferson defende pelo alto.
  • 24 – Wellington Paulista cruza rasteiro, da direita. Jefferson defende.
  • 25 – Diego Renan tabela com Marquinhos Paraná e cruza, bola bate em Alessandro e sai pela lateral.
  • 26 – Leo Simões dribla Cortês dentro da área do Botafogo e cruza. Defesa corta.
  • 26’30”- Cruzeiro toma conta do campo de defesa do Botafogo, que está encolhido.
  • 27 – Montillo cruza da direita, Antonio Carlos corta de cabeça.
  • 28 – Montillo cruza da direita, Leo cede escanteio, Montillo cobra, defesa corta.
  • 28’30”- Troca! Elkeson por Everton.
  • 29 – Everton recebe passe de Loco Abreu, desce pela esquerda, mas erra o cruzamento.
  • 29’30”- Wellington Paulista chuta de longe, pra fora.
  • 30 – Troca! Anselmo Ramon por Keirrison.
  • 30’30”- Montillo passa a Diego Renan, que erra o cruzamento pela esquerda.
  • 31 – Loco Abreu derruba Victorino no meio de campo.
  • 32 – Roger Galera lança Montillo, bola sai pela linha de fundo.
  • 33 – Everton dribla Naldo e cruza da direita. Bola atravessa a área, mas nenhum atacante aparece pra arrematar.
  • 33’30” – Elber chuta cruzado de longa distância, Jefferson defende sem dificuldades.
  • 34 – Parou de trotar! Roger Galera nem trota mais, só anda.
  • 35 – Everton cruza da esquerda, Naldo se antecipa a Loco Abreu e corta.
  • 36 – Marquinhos Paraná lança Wellington Paulista, que é desarmado por Cortês.
  • 37 – Marquinhos Paraná retoma bola no meio de campo e aciona Montillo, que tenta jogar com Wellington Paulista, mas a defesa espana.
  • 37’30”- Alessandro sai com a bola pela linha de fundo. Escanteio.
  • 38 – Confusão na área do Botafogo. Fábio Ferreira despacha com um chutão.
  • 39 – Milagre! Loco Abreu passa por Victorino, dribla Fábio e chuta cruzado com o arco aberto. Naldo aparece na cobertura e chuta a bola pra escanteio.
  • 40 – Wellington Paulista recebe passe de Marquinhos Paraná e chuta da intermediário, Jefferson defende.
  • 41 – Montillo disputa bola contra dois adversários na ponta esquerda, mas comete falta em Caio.
  • 42 – Montillo passa a Wellington Paulista, dentro da área. Atacante deixa bola escapar pela linha de fundo.
  • 43 – Elber desce pela esquerda e passa a Keirrison, que cruza. Montillo pega de prima na entrada da área. Bola passa por cima do travessão.
  • 44 – Perigo! Caio passa por Naldo, entra na área, mas chuta mal, pra fora.
  • 45 – Marquinhos Paraná lança Wellington Paulista, que cruza da direita. Antônio Carlos corta.
  • 46 – Montillo cruza da direita, Alessandro se antecipa a Keirrison e tira com um chutão.
  • 47 - Melhores em campo, segundo Portal UOL: El Loco Abreu, oportunista, o atacante foi decisivo ao marcar o gol da vitória do Botafogo, e Elkeson, que fez boas assistências entre elas o cruzamento para Loco Abreu marcar o gol da vitória. / Piores em campo, segundo Portal UOL: Herrera, que desperdiçou duas chances claras de gol no 1º tempo e foi substituído no intervalo, e Diego Renan, que, fora de forma, errou passes e quase marcou um gol contra incrível.
  • 48 – Fim de jogo. Beneficiado pelas derrotas do Atlético para o Santos (1×4), no Pacaembu, e do Ceará para o Fluminense (1×2), no Presidente Vargas, Cruzeiro dorme no 15º lugar, que pode perder no domingo se o Atlético-MG vencer o Palmeiras.
  • Antônio Carlos: “Fizemos bom jogo, tivemos várias oportunidades de matar o jogo, mas o importante foi vencer.”
  • Loco Abreu: “Foi jogo difícil, o time deles ficou bem fechado. Me pedem pra não falar, mas com este gramado fica difícil praticar futebol de alto nível.”
  • Roger Galera: “Independente da situação que a gente vive, o resultado foi normal, pois o Botafogo tem um time melhor do que o nosso. Vamos ver o que acontece no próximo jogo com a recuperação do Fabrício e do Leandro Guerreiro. Precisamos de todo mundo nesta reta final.”

Vídeos

Melhores momentos

Atuações

  • Fábio – Atuação correta. (Síndico) ///
  • Leo Simões – Improvisado na lateral-direita, não foi o fim da picada como era de se prever por sua lentidão. Deu muito espaço a Elkeson no cruzamento que resultou no gol de Abreu, quase não passou do meio de campo, mas conseguiu marcar com razoável eficiência as demais investidas de Maicosuel, Elkeson e Cortês. (Síndico) /// Marcou bem, deu opções para a saída da defesa para o ataque. Hoje esteve lúcido. O fato do cruzamento ter saído do lado dele não pode ser determinante para destruir a nota dele. (Chiabi Duarte) ///
  • Victorino – Travou bom duelo com Loco Abreu. Venceu alguns lances, perdeu outros. No lance do gol, ficou no meio do caminho. Está longe da boa forma do início da temporada. (Síndico) /// Sua pior atuação pelo Cruzeiro. Disparado. Errou saídas de bola, esteve fora do jogo e falhou outras vezes. (Chiabi Duarte) ///
  • Naldo - Embora não tenha conseguido impedir a cabeçada de Loco Abreu no lance decisivo da partida, teve excelente atuação consertando besteiras alheias, rebatendo, cortando de cabeça e perseguindo os botafoguenses com empenho. Salvou um gol certo do uruguaio ao fazer uma cobertura de Fábio, com o arco escancarado e a bola a caminho da rede chutada por Abreu. (Síndico) /// O melhor da defesa, salvou pelo menos 2 gols certos do Botafogo. No lance do gol do Botafogo errou ao não ter colado no Loco quando ele vinha em direção à área. Pode ter feito algumas faltas próximas à área, mas, jogou sério o tempo todo. (Chiabi Duarte) ///
  • Diego Renan - Teve dificuldade para marcar Herrera no 1º tempo. No 2º, arriscou algumas saídas e levou bola nas costas. (Síndico) ///
  • Marquinhos Paraná - O melhor em campo. Marcou Maicosuel no 1º tempo e ainda encontrou forças pra apoiar o ataque com bons passes. No 2º tempo, após o gol do Botafogo, arriscou mais saídas, mas aintermediária carioca estava congestionada. MP não arria a mochila, não pára, não desiste, não fraqueja. E tem de jogar por dois ou três quando o pessoal ao lado bota a língua pra fora. (Síndico) /// Marquinhos Paraná… Que vergonha! Meu Deus, que vergonha!!!! O Paraná fez a escolta mais linda da história do futebol. Valeu, Paraná! Você transformou atuação em escolta. Ele fez uma bela escolta ao Loco Abreu, não deixando ninguém perigoso se aproximar dele… (Eugenio Raggi) ///
  • Charles – Começou bem no apoio, embora nem tanto na marcação. Como era de se prever -e ele já havia antecipado-, abriu o bico no começo do 2º tempo e foi substituído. (Síndico) /// Um bom passe a Anselmo Ramon, dois chutes fracos e sem perigo. Morreu aos 10 da etapa final. Não gostei de novo. (Chiabi Duarte) ///
  • Roger Galera – Começou tratando bem a bola na saída da defesa pro ataque e até arriscando uma discreta marcação. No começo do 2º tempo, contudo, perdeu a gorduchinha de vista. Cansado de trotar, ele passou a andar e não não viu mais a espertinha, que jamais fica quieta. (Síndico) /// Se não tem o vigor físico para marcar os adversários, pelo menos no jogo de hoje, não perdeu bolas. Deu alguns bons passes, mas, nenhuma assistência importante como ela de se esperar. (Chiabi Duarte) /// Roger não foi tão mal. Fez bons lançamentos no final que se o ataque tivesse mais força dava pra aproveitar. Quanto ao fôlego nada de novo. Quem espera que ele corra o jogo todo tá é maluco. E olha que o cara é profissional, hein. (Matheus Penido) ///
  • Montillo - Esforçado, correu o tempo todo tentando dialogar com atacantes e laterais mudos. E assim foi até o jogo acabar sem encontrar a bola certa pra decidir. Anda muito confinado na ponta-direita. É pouco espaço pro maior talento da equipe. (Síndico) ///
  • Ernesto Farías - Esforçado, correu muito. Não raras vezes foi visto na área celeste rebatendo bolas. No ataque, porém, nada conseguiu nada contra a forte bequeira do Glorioso. (Síndico) ///
  • Anselmo Ramon - Fez uma ou duas jogadas interessantes, mas não conseguiu um só arremte que prestasse. (Síndico) ///
  • Elber – Nada acrescentou ao time. Não é atacante, menos ainda ponteiro. Entrando com o adversário em vantagem, não encontra espaços pra jogar. Do resto, a timidez e seus marcadores cuidam. (Síndico) ///
  • Wellington Paulista - Correu, mas pouco produziu. (Síndico) ///
  • Keirrison - Caso precoce de aposentadoria. Aos 22 anos, já não se importa mais com a bola, com seu time, com a imprensa nem com a torcida. Não responde a nehum estímulo mais. (Síndico) ///
  • Vagner Mancini – Com Fabrício, Guerreiro e Wallyson contundidos, Roger, Bobô e Charles mal condicionados fisicamente, Victorino, Vítor, Diego Renan, Wellington Paulista em má forma, Gabriel e Elber tímidos e Keirrison aposentado, não restam alternativas pra montar um time competitivo. Fica até difícil avaliar seu trabalho. (Síndico) ///
  • Torcida – Compareceu em pequeno número e não teve motivos pra se manifestar. (Síndico) ///
  • Juiz & Bandeiras – Sem erros. Houve um pênalti sobre Farías, mas o bolo de jogadores impediu sua visão. Acertou ao não marcar tiro livre indireto na bola chutada por Diego Renan contra seu próprio arco. (Síndico) ///
  • Cruzeiro – Investiu o que tinha de energia na marcação até levar o gol. Depois, buscou o jogo, mas bateu de frente com um time entusiasmado e bem postado em campo. Foi mais uma partida pra mostrar que o caminho do inferno está mais curto do que o da salvação. (Síndico) ///
  • Botafogo - Bem arrumado, tem bons criadores de jogadas e um finalizador de responsa. A defesa também anda jogando bem. Time sem estrelas, mas competitivo como há muito não se via com a camisa da estrela solitária. (Síndico) ///

O que foi dito

  • Renato Capixaba, no PHD: O time não foi mal. Fábio, que salvou uma bola aos pés do Abreu. Maquinhos Paraná, que gastou a bola e foi disparado o melhor em campo com passes, dribles, finalizações e coberturas, Diego Renan, que cresceu em relação ao último jogo, Roger, que teve ótima saída de jogo e Montillo, que jamais se entrega, foram os melhores. Quando a bola vai pro ataque, instintivamente, espero que alguém do meio faça o gol. Não espero nada do ataque com WP e Keirrisson. Farias e AR ainda são um alento dentro do que temos. Vitorino, que dá a impressão de que o jogo é um divertido passatempo, Charles, que apesar de lutar é extremamente desatento ao passar a bola, foram os piores.
  • João Duarte Chiabi, no PHD: O Cruzeiro esteve lento na saída da defesa pro ataque, contra um Botafogo que se recompunha rapidamente. Vi um Cruzeiro insosso, virando bolas de um lado pra outro sem objetividade, abusando dos erros de passes na saída de bola enquanto o Botafogo se movimentava bem. Sorte que Herrera perdeu gols fáceis no 1º tempo. Na etapa final, com o gás de Charles e Roger reduzido e tomando um gol de cara, o Cruzeiro deu o contra-ataque ao Botafogo e escapou de levar pelo menos mais dois gols. E não criou chances claras, não exigiu nada especial do Jéfferson. Se Farias e Anselmo Ramon não estavam inspirados, WP e K9 pioraram o time de Mancini.
  • Frede Amaral, no PHD: O Cruzeiro fez um 1º tempo razoável e um 2º instável. Começou mal e melhorou um pouco, depois que a vaca deitou. Taticamente o time foi bem. Enquanto Roger e Charles tiveram fôlego, a peleja no meio foi equilibrada. Quando cansaram, faltou recuperação, o time não conseguiu se recompor e qualquer contra-ataque virava um Deus-nos-acuda. Como previsto, Charles e Roger não aguentaram o tranco, Farias idem. Time nenhum consegue vencer com um meio campo sem preparo físico.
  • Marco Soalheiro, no PHD: O Cruzeiro esteve bem postado, mas a falta de um atleta pras jogadas de velocidade pelos lados faz com que o time não tenha o mínimo de agressividade necessária pra jogar em contra-ataques. Não há soluções. Um time que depende de WP e Keirrisson pra mudar a história de um jogo estará, salvo por milagre, fadado ao fracasso. Farias e Anselmo não foram bem, mas é melhor insistir com eles.
  • Vagner Mancini, treinador do Cruzeiro: Fizemos bom jogo, mas não foi o suficiente. Em um vacilo lá atrás, demos a chance de eles abrirem o placar. O Botafogo tem uma equipe bem montada. Ao Cruzeiro, falta ser mais agressivo. Saímos chateados, porque houve evolução e o time jogou de igual pra igual. Foi dono da metade de tudo que foi jogado. Infelizmente, não levaremos pontos pra casa. Equilibramos desde o início. O Botafogo tem uma linha de frente de jogadores rápidos. Certamente, uma hora ou outra, estoura lá atrás. Eles têm boas opções e iam chegar. O mais importante é que, mesmo com a derrota, evoluímos. Aos poucos, teremos uma cara diferente. Agora, há a necessidade de somar pontos. Temos que mudar o panorama. Tenho muitas coisas a fazer pra atingir o objetivo. Nosso foco é esse. Cada um que faz parte do Cruzeiro tem que dar um pouquinho mais, seja a parte técnica ou a diretiva.
  • Roger Galera, meia do Cruzeiro: Os resultados foram favoráveis, mas não fizemos nosso papel, então continuamos na beirada da zona de rebaixamento. Pelo menos estamos jogando bem, tendo posse de bola. Falta finalizar melhor e ter mais atenção lá atrás. Tenho certeza de que o trabalho está sendo bem feito e que vamos sair dessa. Não era o resultado que esperávamos, mas o Botafogo tem um time superior tecnicamente e jogou em casa. Em um lance esporádico, eles fizeram o gol. Paciência. Temos que continuar trabalhando. Jogamos de igual pra igual.
  • Marquinhos Paraná, volante do Cruzeiro: Faltou mais qualidade lá na frente. A bola chega, bate nos caras e volta. O Botafogo chegou aqui uma vez e fez o gol. O sinal de alerta está ligado faz tempo. Hoje, a equipe jogou bem, mas não adianta jogarmos bem, criarmos chances e não marcarmos.
  • Montillo, armador do Cruzeiro: Tomamos um gol em um lance do Loco Abreu. O time jogou bem. Não sei se ele cometeu falta no gol, mas isso acontece.
  • Jefferson, goleiro do Botafogo: Esse é o Botafogo! Recuperamos o foco e voltamos à briga pelo título. Estávamos um pouco perdidos no campeonato, mas reencontramos a vitória num momento muito importante, que vai nos dar motivação pra esta reta final.
  • Renato, volante do Botafogo: A fase não era boa. Estávamos jogando, criando, buscando o gol, mas a bola nunca entrava. É claro que hoje também não foi fácil, mas o importante é voltar a vencer neste final de campeonato.
  • Elkeson, meia do Botafogo: A vitória foi muito importante. Valeu o esforço de todo mundo. Nesta reta final, 1×0 vira goleada e nós temos que comemorar. A torcida sempre quer espetáculo, mas o que vale neste momento são os três pontos.
  • Loco Abreu, centroavante do Botafogo: Tem pessoas que pedem pra não falar, mas esse gramado do Engenhão dificulta muito o jogo. Parabéns ao time que, mesmo com esse problema, conseguiu uma vitória muito importante nesta fase do campeonato.
  • Caio Jr., treinador do Botafogo: A intenção era tirar os jogadores, pois fiquei com medo de algum ser expulso. Pensei que ele ia achar que eu ia interpelá-lo e retornei no meio do caminho. Não tive intenção de ir ao árbitro. Acabou sendo positivo, pois teve reação da torcida. O torcedor tem mesmo que pressionar o árbitro. Não quero que apite a favor, mas também que não apite contra. Quase quebrei o vidro da cabine, lá não tinha muito o que fazer.
  • Osvaldo Reis Pequetito, narrador da Globo / CBN, no Facebook: Não concordo com o técnico cruzeirense quando afirma que o time evoluiu. Para mim o desempenho ficou muito abaixo do esperado. Não jogou. Bateu cabeça, sim. Vitória do Botafogo foi merecida. A sorte é que tem equipes piores. Perspectiva de muito sofrimento ainda para a Nação Estrelada.

Fontes

Transmissão

  • PPV