Categoria:Temporada 2006

De CruzeiroPédia .:. A História do Cruzeiro Esporte Clube
(Redirecionado de 2006)
Ir para: navegação, pesquisa
← Temporada 2005 Icone-Calendario.png Temporada 2007 →


Sobre a temporada

Em uma temporada apagada, o Cruzeiro terminou o ano de 2006 na modesta 10ª posição no Campeonato Brasileiro. Sem o rival Atlético, que disputava a Série B, o torcedor cruzeirense teve poucos atrativos para ir ao Mineirão no segundo semestre, com um time irregular, cumprindo tabela em boa parte do campeonato.

Mais uma vez, apenas o Campeonato Mineiro salvou o ano. O Cruzeiro vingou o Ipatinga, vilão do ano anterior, e foi campeão estadual em pleno Ipatingão, depois de vencer por 1 a 0, com gol de Wagner, aos 44 minutos do segundo tempo. A torcida celeste invadiu o campo e festejou o título como se tivesse vencido de um velho rival.

O que deixou a conquista do Mineiro mais saborosa para os cruzeirenses foi o fato de ter eliminado o rival Atlético nas semifinais da competição. Foi o quarto clássico em mata-mata consecutivo que o Cruzeiro tirou o rival.

Na Copa do Brasil, o clube celeste foi eliminado nas quartas de final, pelo Fluminense, depois de duas derrotas: 3 a 2, no Mineirão, e 1 a 0, no Maracanã.

Curiosamente, o fato mais notável do Cruzeiro na temporada veio das arquibancadas. Na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil, no Mineirão, o clube celeste perdia por 1 a 0 quando desceu para os vestiários, no intervalo. Tão logo terminou o primeiro tempo, os torcedores começaram a cantar uma música nova, que em poucos segundos foi espalhada pelo Mineirão e todos os torcedores se puseram de pé para entoar o novo grito a plenos pulmões.

A música “Vamos, vamos Cruzeiro”, criada pela Torcida Fanáti-Cruz, foi cantada durante todo o intervalo ininterruptamente e por pelo menos 15 minutos do segundo tempo. Ao todo, foram cerca de 30 minutos com o Mineirão todo de pé entoando o novo grito em sequência, sem parar, produzindo um barulho ensurdecedor.

Tudo em vão. O Cruzeiro perdeu o jogo em Belo Horizonte e voltou a perder no Rio, sendo eliminado da competição nacional. (Superesportes)

Geral

Mando de Campo Jogos Aprov. em pts Vitórias (aprov.) Empates Derrotas Gols
Feitos
Gols
Sofridos
Saldo de
Gols
Média de
gols
Média de
gols sofridos

Geral 45 51,85% 19
(42,22%)
13 13 64 45 19 1,42 1,00
Mandante 20 63,33% 10
(50,00%)
8 2 36 19 17 1,80 0,95
Visitante 24 40,28% 8
(33,33%)
5 11 27 26 1 1,13 1,08
Amistosos 1 100,00% 1
(100,00%)
0 0 1 0 1 1,00 0,00

Artilharia

- Jogador Gols Gol aos  do
Élber Giovane 18
Wagner 15
Alecsandro 9
Gil Ribeiro 8
Francismar 6
Diego Silva 5
Edu Dracena 4
Gabriel 3
Gladstone 3
10º Carlinhos Bala 3
11º Geovanni 2
12º Luizão 2
13º Ferreira 2
14º Araújo 2
15º Anderson Paim 1
16º Michel Lopes 1
17º Thiago Heleno 1
18º Teco 1
19º Luizinho II 1
20º Martinez 1
21º Moisés 1
22º Fábio Santos 1
23º Léo Silva 1
24º André Luís 1
25º Élson 1
26º Diogo Mucuri 1
27º Contra aos  do 1


Estatísticas

Jogador Jogos oficiais Titular Reserva Cartões Cartão amarelo recebido aos Cartões Cartão vermelho recebido aos Amistosos
Aldo 2 2 0 0 0 0
Alecsandro 26 18 8 3 0 1
Anderson Paim 14 9 5 3 0 1
André Leone 7 4 3 2 0 0
André Luis 13 13 0 6 0 0
Araújo 5 4 1 0 0 0
Augusto Recife 11 6 5 3 0 1
Carlinhos Bala 17 6 11 0 0 0
Diego Clementino 3 0 3 0 0 0
Diego Silva 39 12 27 4 0 1
Diogo Mucuri 22 17 5 5 0 1
Edu Dracena 37 37 0 13 1 1
Eliézio 8 7 1 1 0 0
Élber Giovane 40 33 7 2 0 0
Élson 21 21 0 4 0 0
Ferreira 9 4 5 2 1 0
Francismar 48 32 16 6 0 1
Fábio 59 59 0 1 0 1
Fábio Pinto 2 0 2 0 0 0
Fábio Santos 25 23 2 4 0 1
Gabriel 15 15 0 1 0 0
Geovanni 14 14 0 0 0 0
Gil 0 0 0 0 0 0
Gladstone 19 19 0 11 1 0
Jonathan 31 27 4 1 0 1
Jonathas 7 3 4 1 0 0
Jonilson 28 27 1 5 0 1
Jonílson 28 27 1 5 0 1
Júlio César 34 26 8 5 0 1
Kerlon 19 1 18 3 0 1
Lauro 2 2 0 0 0 1
Leandro 15 11 4 1 0 0
Leandro Bomfim 23 21 2 5 0 1
Luisão 0 0 0 0 0 0
Luizinho 0 0 0 0 0 0
Léo Silva 14 6 8 1 0 0
Martinez 22 22 0 8 1 1
Maurinho 1 0 1 0 0 0
Michel Lopes 18 12 6 4 0 0
Moisés 17 17 0 4 0 1
Sandro 19 12 7 5 0 0
Teco 9 9 0 2 0 0
Thiago Heleno 18 16 2 6 0 1
Wagner 48 43 5 9 0 1

Públicos e rendas

Motivo Jogo Público pagante Renda Bruta Ingresso médio
Ipatinga 14.312 R$ 65.787,50 R$ 4,60
Democrata-SL
Villa Nova-MG 8.387 R$ 67.324,00 R$ 8,03
Uberlândia 5.608 R$ 23.772,50 R$ 4,24
América-MG 12.579 R$ 54.692,50 R$ 4,35
URT 6.534 R$ 28.006,00 R$ 4,29
Atlético-MG
Ipatinga 35.495 R$ 291.320,00 R$ 8,21
Vitória 8.912 R$ 71.200,00 R$ 7,99
Grêmio 12.235 R$ 93.565,00 R$ 7,65
Fluminense 22.629 R$ 179.290,00 R$ 7,92
Juventude
Flamengo 19.977 R$ 190.037,50 R$ 9,51
Ponte Preta
Atlético-PR 16.113 R$ 141.370,00 R$ 8,77
Corinthians 23.166 R$ 261.480,00 R$ 11,29
Goiás 29.884 R$ 154.605,00 R$ 5,17
Santa Cruz 8.911 R$ 941.540,00 R$ 105,66
Fluminense 18.570 R$ 127.247,50 R$ 6,85
São Paulo 12.557 R$ 144.182,50 R$ 11,48
São Caetano
Figueirense
Santos 4.278 R$ 18.620,00 R$ 4,35
Palmeiras 11.844 R$ 127.800,00 R$ 10,79
Internacional
Fortaleza
Paraná Clube 19.440 R$ 156.620,00 R$ 8,06
Vasco
Santos
Botafogo 6.086 R$ 42.302,50 R$ 6,95
Total 298 (média: 10) R$ 3.180.762,50 (média: R$ 102.605,24) R$ 10.690,92
Nota
Jogo Cruzeiro 0x0 Fortaleza - 14/10/2006 aconteceu com portões fechados.

Subcategorias

Esta categoria possui as seguintes 6 subcategorias, de um total de 6.

A

C

T

Páginas na categoria "Temporada 2006"

As seguintes 62 páginas pertencem a esta categoria, de um total de 62.

2